Corinthians elimina o Marreco nos pênaltis e garante vaga na final da Copa do Brasil de Futsal

4.8 mil visualizações 53 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Teve emoção na classificação alvinegra no Paraná

Teve emoção na classificação alvinegra no Paraná

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

A noite de quarta-feira do Corinthians não foi só de derrotas - a equipe comandada por Carille perdeu para o CSA por 2 a 1. No futsal, o clube conquistou resultado positivo importante. Fora de casa, o Timão bateu o Marreco nos pênaltis e avançou à grande final da Copa do Brasil.

Depois de perder a ida no Ginásio Wlamir Marques por 1 a 0, o time de André Bié bateu os paranaenses por 3 a 2 no tempo regulamentar. A prorrogação ficou no 0 a 0 e, nas penalidades, melhor para os corinthianos: 2 a 1 e vaga na grande final.

Escalação

O Corinthians entrou em quadra com Tiago, Nenê, Rafa, Henrique e Deives. No banco, Bié contou com Schutt, André, Batalha, Daniel, Matheus, Café, Renatinho, Murilo e Higor.

O jogo

Empurrado pela torcida, o time da casa começou a partida com postura ofensiva. O resultado disso foram as principais chances nos primeiros minutos do confronto.

Melhor em quadra, o Marreco rapidamente conseguiu abrir o placar. Logo aos quatro minutos, Sinoê balançou as redes de Tiago. Depois disso, o Timão reagiu em Francisco Beltrão.

Aos sete minutos, Higor parou no goleiro adversário. Dois minutos depois, porém, ele rolou de calcanhar para Batalha finalizar livre de marcação para marcar.

Com o empate no placar, o Marreco se postou bem para segurar o resultado, travando o jogo e diminuindo o número de chances dos dois lados. Aos 18, o Corinthians quase marcou, mas Matheus bateu perto da trave.

Na segunda etapa, o Corinthians voltou mais ligou a tomou a iniciativa. Logo aos três minutos, Murilo quase marcou. O gol, no entanto, só saiu aos 12 minutos. Depois de parar no goleiro Di Fanti nas principais oportunidades, a equipe alvinegra conseguiu balançar as redes com o próprio Murilo, após jogada de Batalha.

Já perto do fim, o Marreco reagiu. Aos 16, o arqueiro Di Fanti empatou a partida, colocando toda a pressão no Timão. Segundos antes do apito final, Murilo voltou a marcar e levou o jogo para a prorrogação.

Depois de empate sem gols na prorrogação, o Corinthians garantiu a classificação nos pênaltis. Mesmo com cobrança perdida por Matheus, Schutt foi o herói da noite: defendeu a cobrança de Canabarro e Sinoê. Na última batida, Deives marcou e selou o avanço alvinegro na competição.

Veja mais em: Futsal do Corinthians.

Veja Mais:

  • Andrés Sanchez também caminhou pelo CT e confirmou a presença de Nunes no local

    Saiba como foi o primeiro dia de Tiago Nunes no Corinthians e em São Paulo

    ver detalhes
  • Tarcísio Pugliese recusou o convite de Nunes para ser auxiliar no Parque São Jorge. 

    Técnico do XV de Piracicaba recusa proposta de Tiago Nunes para ser auxiliar no Corinthians

    ver detalhes
  • Júnior Urso participou de vídeo do Corinthians contra o racismo

    Urso se emociona ao falar de racismo em vídeo divulgado pelo Corinthians; Fuller também participa

    ver detalhes
  • Zagueiro não conseguiu chances no profissional do Corinthians

    Corinthians antecipa término de contrato e zagueiro formado na base deixa o clube

    ver detalhes
  • Corinthians chegou a sua quarta vitória no NBB

    Em noite inspirada de Pecos, Corinthians supera Paulistano e chega a cinco vitórias no NBB

    ver detalhes
  • Restam três caminhos ao Corinthians de 2020

    VÍDEO: Restam três caminhos ao Corinthians de 2020

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: