Gabriel projeta Dérbi: 'Vai ser um Corinthians igual ou até melhor que o último jogo'

5.7 mil visualizações 49 comentários Comunicar erro

Por Lucas Faraldo e Rodrigo Vessoni

Gabriel concedeu entrevista na véspera do clássico entre Corinthians e Palmeiras

Gabriel concedeu entrevista na véspera do clássico entre Corinthians e Palmeiras

Rodrigo Vessoni/Meu Timão

Menos de 24 horas antes de a bola rolar, o Corinthians já respira os ares do clássico deste sábado contra o Palmeiras. Personagem da entrevista coletiva desta sexta-feira no CT Joaquim Grava, o volante Gabriel projetou um Timão ofensivo, intenso e por 90 minutos em busca da vitória sobre o arquirrival. O duelo será no Pacaembu, válido pelo Brasileirão.

"A gente fica muito feliz de viver esse clássico, esse momento, a gente sabe o tamanho que ele tem. Lógico que é um campeonato à parte, mas estamos preparados para fazer um grande jogo, mentalmente forte, ele (Dyego Coelho) conseguiu resgatar essa faísca que os jogadores têm de ter, procurar dar sequência ao trabalho para a gente chegar concentrado e fazer um grande jogo e buscar a vitória do começo ao fim", discorreu o camisa 5.

A referência ao técnico Dyego Coelho não é à toa. Depois de 81 dias, o Corinthians enfim voltou a apresentar um futebol no mínimo animador para sua torcida. E a vitória por 3 a 2 sobre o Fortaleza, da última quarta-feira, já serve de parâmetro para Gabriel projetar como o Timão se portará diante do Palmeiras de Mano Menezes, vice-líder do Brasileirão.

"Vai ser uma equipe igual ou até melhor que o último jogo. Foram dois dias de trabalho antes do Fortaleza, já teve uma mudança, principalmente com a bola no pé, posicionamento, a equipe vai buscar. Independentemente de ser clássico ou não temos que fazer nosso melhor", pontuou o volante corinthiano. "Já vencemos jogos importantes, decisões. Esse é o momento de estarmos fortes e juntos, jogar em cima. Se não der, ir de novo. Se perder a bola, ir recuperar novamente. Esse é o espírito", acrescentou.

O "igual ou até melhor" citado por Gabriel não se confunde com uma atuação previsível, de acordo com o próprio atleta. Ciente de que os palmeirenses não são bobos e estariam de olho na entrevista, o ex-alviverde não "entregou o ouro" em frente aos microfones:

"O que a gente vai fazer para surpreender não vou falar, é surpresa (risos). Mas vale muito para a gente essa decisão, clássico é divisor de águas, muda da água para o vinho se ganha, a confiança aumenta. Essa vitória contra o Fortaleza foi muito importante para a gente entrar confiante, ainda mais para cima. Vamos trabalhar hoje a tarde para criar coisas diferentes e surpreender o adversário. O Corinthians vai entrar para ganhar", definiu.

Gabriel, cabe lembrar, assumiu a titularidade no meio de campo do Corinthians com a troca de comando entre Fábio Carille e Dyego Coelho. O experiente Ralf foi para a reserva.

Confira trecho da entrevista do volante

Veja mais em: Gabriel, Dérbi e Dyego Coelho.

Veja Mais:

  • Timão encarou o Atibaia em jogo-treino nesta quarta-feira

    Corinthians empata com o Atibaia em jogo-treino com os reservas no CT Joaquim Grava

    ver detalhes
  • Mauro Boselli tem contrato com o Corinthians até dezembro de 2020

    Boselli fala até de matrícula das filhas e projeta 2020 no Corinthians: 'Não penso em outra coisa'

    ver detalhes
  • Elenco do Corinthians treinou na Arena nesta quarta-feira

    Feminino do Corinthians faz reconhecimento da Arena em treino animado antes da final

    ver detalhes
  • A torcida do Corinthians reservou todos os ingressos para a final do Paulista Feminino na Arena

    Torcida do Corinthians esgota ingressos para final do Paulista Feminino na Arena

    ver detalhes
  • Depois de derrota contra o CSA, treinador soltou o verbo com o elenco

    Sanchez se retrata por cobrança pública ao elenco, mas cobra vaga na Libertadores

    ver detalhes
  • Carro da Mercedes durante GP do Brasil de F1 de 2015

    Como GP de Fórmula 1 ajudou Corinthians a se livrar de dívida de R$ 30 mil junto à PM

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: