Torcedor cria projeto social após conhecer crianças na Arena Corinthians; conheça

1.6 mil visualizações 10 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Timão venceu o Avenida por 4 a 2, em partida válida pela Copa do Brasil, com Alexandre e Messias na arquibancada da Arena

Timão venceu o Avenida por 4 a 2, em partida válida pela Copa do Brasil, com Alexandre e Messias na arquibancada da Arena

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A goleada de virada do Corinthians sobre o Avenida, em fevereiro deste ano, pela Copa do Brasil, teve diversos efeitos positivos em campo para o clube do Parque São Jorge que você pôde ler aqui no Meu Timão. Fora dele, porém, os gols corinthianos serviram como plano de fundo para o início de um projeto social.

A ação "Construa o Bem", idealizada pelo empresário Alexandre Barros, surgiu após um encontro dele e do garoto Messias Estanislau, de 13 anos, na Arena. Agora, pretende cadastrar e mapear as mais de 400 famílias que vivem na favela da Vila União, a primeira comunidade da cidade de São Paulo a participar do projeto.

Ambos se conheceram quando Alexandre procurava um amigo para entregar um ingresso antes do duelo contra o Avenida, pela segunda fase do torneio nacional. Ao ser abordado pelo garoto, que queria entrar para ver o jogo, Alexandre promoveu a entrada dele e dos seus dois irmão no embate, dando início à relação.

Leia também:
Corinthians inicia semana decisiva com final no futsal, rodada do Brasileiro e dois jogos no NBB
Empate deixa Corinthians na mesma posição e freia aproximação do G6 do Brasileirão; veja tabela

Impactado com as condições precárias em que vivem Messias e o restante da família no bairro de A. E. Carvalho, na Zona Leste paulista, o empresário resolveu montar o projeto social para que pessoas se voluntariem a ajudar os moradores do local.

"Através de assistentes sociais voluntários, indicados pelo Grupo Sol, conheceremos as reais necessidades de cada família e construiremos uma sede para armazenarmos mantimentos básicos que serão arrecadados em campanhas e doações. Além dessas avaliações, serão feitas também consultas e/ou atendimentos na área da família, saúde, documentação e educação, sempre de forma gratuita", explica um documento de lançamento do projeto.

Dono da empresa FDB, primeira a doar para o projeto, Alexandre espera conseguir ajudar de forma mais duradoura tanto a família de Messias quanto as outras moradoras do bairro, em relação iniciada pelo Corinthians.

Interessados em ajudar podem contribuir com o projeto através da Lei Rouanet. Até 3% do IR de pessoa jurídica e 6% do IR de pessoa física podem ser destinados a doações para projetos sociais. A quantia é abatida do imposto a pagar ou acrescida ao valor de restituição, opção ainda pouco conhecida por contribuintes

Veja mais em: Ações sociais do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians foi campeão paulista feminino com 20 vitórias em 20 jogos

    Sucesso do futebol feminino faz Corinthians projetar independência: 'Maior potencial de patrocínio'

    ver detalhes
  • Corinthians anuncia a contratação do meia Luan, de 26 anos

    Corinthians anuncia meia Luan como primeiro reforço para 2020

    ver detalhes
  • Luan conquistou os Jogos Olímpicos de 2016

    Passagem pela Seleção, 'melhor da América' e peça desejada: conheça o 1º reforço do Timão para 2020

    ver detalhes
  • Parceria com o BMG foi anunciada no CT do Corinthians em 22 de janeiro de 2019

    Parceria entre Corinthians e BMG não deve render apenas Luan como reforço para 2020; entenda

    ver detalhes
  • Torcida do Corinthians comentou a contratação de Luan nas redes sociais

    Torcida do Corinthians repercute anúncio oficial da contratação de Luan; veja tuítes

    ver detalhes
  • O Corinthians decide a Liga Paulista de Futsal neste domingo

    Corinthians enfrenta o Magnus na final da Liga Paulista de Futsal para fechar a temporada

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: