Fagner fará seu 150º jogo na Arena Corinthians contra o Fluminense; lateral falou ao Meu Timão

9.7 mil visualizações 62 comentários Comunicar erro

Fagner completará neste domingo, diante do Fluminense, 150 jogos pelo Corinthians na Arena

Fagner completará neste domingo, diante do Fluminense, 150 jogos pelo Corinthians na Arena

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

A partida contra o Fluminense, neste domingo, pela última rodada do Brasileirão, será especial para Fagner. Será seu 150º jogo pelo Corinthians na Arena. Apenas o goleiro Cássio, com 163 vezes, entrou mais em campo no estádio que faz parte da vida do clube desde 2014.

E aí está o detalhe. O camisa do 23 do Timão retornou ao Parque São Jorge no início deste ano, a poucos meses da inauguração da Arena Corinthians. Ou seja, a trajetória de Fagner e do estádio em Itaquera se confundem.

Fagner comemora o gol contra o Inter, a primeira vitória do Corinthians na Arena, em junho de 2014

Fagner comemora gol contra o Inter, na primeira vitória do Corinthians na Arena, no dia 17 de julho de 2014 (2 a 1)

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O lateral-direito fez parte de toda a era vitoriosa do estádio, que já contempla cinco títulos: Brasileiros de 2015 e 2017, e os Campeonatos Paulistas de 2017, 2018 e 2019. Até hoje, com Fagner em campo, o Corinthians venceu 95 vezes, empatou 38 e perdeu apenas 16.

A pedido do Meu Timão, por meio da assessoria de imprensa pessoal, Fagner falou da marca dos 150 jogos na Arena Corinthians. Jogos mais emocionantes, momento para esquecer, comparação com o Pacaembu... um pouco de tudo. Veja:

Gol 11.000 da história do Corinthians foi marcado diante do Cruzeiro, pelo Brasileirão-19

Gol 11.000 da história do Corinthians foi marcado diante do Cruzeiro na Arena, pelo Brasileirão-19

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Meu Timão: Como recebe essa marca de 150 jogos na Arena Corinthians, o que te faz o segundo mais presente na história do estádio?

Fagner: Recebo muito bem, muito feliz. Sabemos que não é fácil ficar tanto tempo no mesmo clube. Fico feliz de estar bastante tempo no Corinthians e de ter o privilégio de ser o segundo a alcançar essa marca tão importante.

Quais os momentos mais alegres e marcantes dentro da Arena?

Com certeza os momentos de levantar os troféus, graças a Deus tive esse privilégio em 2015, 2017 por duas vezes e também em 2019! Esses momentos de conquistas sempre são marcantes.

Qual momento você nunca gostaria de ter vivido dentro da Arena?

Ah, com certeza os de eliminações, né? Não gostamos de perder mesmo, ainda mais ao lado dos nossos familiares e da nossa torcida que sempre nos apoia.

Você jogou pouco em 2006 e voltou ao clube em 2014, ano da inauguração da Arena. Ou seja, jogou pouco no Pacaembu. Mesmo assim, até por ter jogado como adversário no Pacaembu, vê alguma semelhança? Ou a Arena é diferente do Pacaembu?

A diferença, pra mim, não existe. Até porque aonde o Corinthians vai jogar, o torcedor está sempre presente e apoiando. A diferença que percebo é o torcedor mais perto do gramado e apoiando, como sempre faz. Nossa torcida faz muito diferença.

Fagner comemora o primeiro gol contra o Novorizontino, o primeiro dos dois marcados naquele duelo pelo Paulistão 2016; para o lateral, o mais bonito dele no estádio

Fagner comemora o primeiro gol contra o Novorizontino, o primeiro dos dois marcados naquele duelo pelo Paulistão 2016; para o lateral, o mais bonito dele no estádio

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Dos seus 8 gols pelo Corinthians, 6 foram na Arena: Inter, Marília, Once Caldas, Novorizontino (2) e Cruzeiro. Qual foi o mais bonito? Qual foi o mais importante?

Fico sempre feliz de fazer gols em casa. Acredito que o mais bonito tenha sido o primeiro contra o Novo Horizontino. Porém, o mais marcante, sem dúvida, foi o gol contra o Cruzeiro, pelo marco importante dos 11 mil gols do clube no Brasileiro**.

**Nota da redação: dias depois, o jornalista Celso Unzelte encontrou um resultado antigo, da década de 1910, e o gol mil da história passou a ser de Gustagol, diante do Goiás.

Acha possível que um ou seus dois filhos ainda tenham a chance de jogar na Arena com pai no camarote assistindo?

Sem dúvida, seria muito emocionante poder ver um ou os dois jogando na Arena comigo lá, assistindo e torcendo por eles, assim como eles fazem por mim hoje.

Fagner anotou um dos 4 gols do Corinthians na goleada sobre o Once Caldas, pela pré-Libertadores de 2015; uma das jogadas coletivas mais bonitas do estádio até hoje

Fagner anotou um dos 4 gols do Corinthians na goleada sobre o Once Caldas, pela pré-Libertadores de 2015; uma das jogadas coletivas mais bonitas do estádio até hoje

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Veja mais em: Fagner, História do Corinthians e Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Boselli marcou três gols na goleada do Corinthians em Itaquera

    Com três gols de Boselli, Corinthians estreia com goleada no Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Dirigente esclareceu a busca do Corinthians por um ponta esquerda

    Diretor do Corinthians nega 'briga' por Rony, evita citar outros nomes e exalta volta de Everaldo

    ver detalhes
  • O argentino marcou três gols na estreia do Campeonato Paulista

    Fiel escolhe Boselli e Tiago Nunes como destaques de goleada do Corinthians; reserva é o pior

    ver detalhes
  • Camacho foi um dos mais elogiados pela Fiel nas redes sociais

    Tiago Nunes em alta, alegria por Boselli e muitos destaques: Fiel repercute goleada do Corinthians

    ver detalhes
  • Comandante fez seu primeiro jogo na Casa do Povo

    Postura ofensiva, pontos positivos e ansiedade: Tiago Nunes comenta estreia oficial no Corinthians

    ver detalhes
  • Boselli marcou três dos quatro gols alvinegros na estreia

    Mauro Boselli é o terceiro jogador a marcar um hat-trick pelo Corinthians na Arena

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: