Corinthians e atual atacante foram responsáveis por últimos lampejos da América do Sul no Mundial

4.7 mil visualizações 19 comentários

Corinthians conquistou Mundial no fim de 2012 pela segunda vez

Corinthians conquistou Mundial no fim de 2012 pela segunda vez

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Mundial de Clubes, iniciado na última quarta-feira, é o maior objetivo possível para um clube da América do Sul. Oportunidade única para enfrentar o campeão europeu, porém, a competição só viu alguns lampejos de bom futebol em ocasiões nas quais o Corinthians esteve envolvido direta ou indiretamente: no título e numa aparição do argentino Mauro Boselli.

Para se ter uma ideia, o gol marcado por Paolo Guerrero sobre o Chelsea, em 2012, que deu ao Timão o segundo título da competição na sua história, foi o último marcado por qualquer time sul-americano na decisão.

Desde então, os representantes do continente nem chegaram à decisão em 2013 (Atlético-MG), 2016 (Atlético Nacional-COL) e 2018 (River Plate-ARG). Nas outras vezes em que alcançaram o encontro com os europeus, acabaram decepcionando.

Leia também:
Patrocinador estuda torneio com Corinthians, Barcelona e outros dois brasileiros
Saiba quantas contas foram abertas via parceria entre Corinthians e BMG no primeiro ano
Corinthians não deve realizar amistosos na Arena na pré-temporada de 2020; saiba mais

Em 2014, o San Lorenzo levou 2 a 0 do Real Madrid. No ano seguinte, o River Plate foi superado por 3 a 0 pelo Barcelona, do trio Messi, Suárez e Neymar. Por último, o Grêmio só conseguiu chutar uma vez (para fora) na derrota por 1 a 0 para o Real, em 2017.

Os insucessos já vinham acontecendo antes do Timão, aliás. Em 2010, o Internacional teve para si a marca negativa de ser o primeiro brasileiro a não passar da semifinal, caindo por 2 a 0 para o TP Mazembe, do Congo. No ano seguinte, o Santos, mesmo com Neymar, não foi páreo para o Barça e levou 4 a 0.

É aí que entra o centroavante Mauro Boselli. Em 2009, o argentino, à época no Estudiantes-ARG, abriu o placar para os sul-americanos na final contra o Barcelona, em uma bela cabeçada. Sua equipe lutou bravamente, mas acabou superada pelos espanhóis na prorrogação.

Veja mais em: Mauro Boselli, Mundial de Clubes e Títulos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Elenco do Corinthians se reapresenta ao CT Joaquim Grava após vexame em Dérbi

    Corinthians se reapresenta ao CT e inicia preparação para duelo com Sport; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Danilo retorna ao Corinthians para trabalhar nas categorias de base

    Corinthians anuncia ex-meia Danilo como novo técnico do Sub-23

    ver detalhes
  • Lateral-esquerdo Alê Mantelli, de 18 anos, renovou contrato com o Corinthians até o fim de julho

    Corinthians renova contrato com jogador do Sub-23 que não atuou na última temporada

    ver detalhes
  • O adeus a Zague, querido amigo e atleta corinthianista

    [Walter Falceta] O adeus a Zague, querido amigo e atleta corinthianista

    ver detalhes
  • Ederson não atua desde o dia 25 de novembro e ficou fora da lista dos relacionados nos últimos seis jogos

    Corinthians aguarda ofertas por Éderson visando reformulação para 2021; dupla também pode sair

    ver detalhes
  • Jô no duelo contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro

    Corinthians vê chance de ir à Libertadores cair em 15% após derrota em Dérbi; veja probabilidades

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: