Fischer reconhece má atuação do Corinthians na final da Sul-Americana e pede foco no NBB

1.4 mil visualizações 22 comentários

Por Meu Timão

Fischer reconheceu que o time deixou a desejar em quadra no último duelo da Sul-Americana de Basquete

Fischer reconheceu que o time deixou a desejar em quadra no último duelo da Sul-Americana de Basquete

Agência Corinthians

Na última sexta-feira, o Corinthians acabou derrotado pelo Botafogo no terceiro jogo da final da Liga Sul-Americana de Basquete e ficou com o vice campeonato. Após a partida, o armador Fischer reconheceu a má atuação do time e falou sobre a necessidade de focar no NBB, única competição restante para a equipe.

A equipe alvinegra cresceu no último quarto de jogo e chegou a buscar a desvantagem e até tomar a frente do placar, mas logo o time do Rio retomou sua vantagem e ficou com o título. Segundo o atleta, faltou, ao longo de todo o jogo, o mesmo empenho que o time apresentou no quarto final.

"Não só na partida de hoje (faltou esse espírito). No segundo tempo contra o Pinheiros a gente já havia caído muito, perdendo uma vantagem de 15 pontos. Ontem (quinta-feira), fomos dominados pelo Botafogo e isso aconteceu hoje (sexta-feira) de novo", disse o jogador em entrevista ao Torcedores.com

Leia também:
Ala do Corinthians lamenta vice na Sul-Americana de Basquete e desabafa: 'Não sei quando vai passar'
Corinthians ensaia virada, mas perde do Botafogo e fica com vice da Liga Sul-Americana

Em meio aos duelos da grande final, o Timão entrou em quadra também pelo NBB, jogando quatro partidas em um período de nove dias. Para Fischer, no entanto, o desgaste físico não foi um problema na partida.

"O Botafogo passou pela mesma situação. Não tem uma desculpa para o que aconteceu, foram erros nossos. O Botafogo quis mais que a gente vencer as duas partidas", analisou.

Antes do segundo jogo da decisão, o time alvinegro vinha de uma boa sequência de 11 vitórias seguidas, mas foi derrotado pelo Pinheiros no NBB e logo em seguida perdeu as duas partidas para o Botafogo. Fischer analisou a boa sequência corinthiana e pontuou o necessário para buscar novos resultados.

"Nosso time vinha de uma boa sequência de vitórias, e conseguimos atuando muito bem. Nós precisamos esquecer um pouco o que aconteceu e trabalhar. Esse precisa ser nosso novo lema: Trabalhar", afirmou.

Veja mais em: Basquete.

Veja Mais:

  • Elenco do Corinthians se reapresenta ao CT Joaquim Grava após vexame em Dérbi

    Corinthians se reapresenta ao CT e inicia preparação para duelo com Sport; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Danilo retorna ao Corinthians para trabalhar nas categorias de base

    Corinthians anuncia ex-meia Danilo como novo técnico do Sub-23

    ver detalhes
  • Lateral-esquerdo Alê Mantelli, de 18 anos, renovou contrato com o Corinthians até o fim de julho

    Corinthians renova contrato com jogador do Sub-23 que não atuou na última temporada

    ver detalhes
  • O adeus a Zague, querido amigo e atleta corinthianista

    [Walter Falceta] O adeus a Zague, querido amigo e atleta corinthianista

    ver detalhes
  • Ederson não atua desde o dia 25 de novembro e ficou fora da lista dos relacionados nos últimos seis jogos

    Corinthians aguarda ofertas por Éderson visando reformulação para 2021; dupla também pode sair

    ver detalhes
  • Jô no duelo contra o Palmeiras, pelo Campeonato Brasileiro

    Corinthians vê chance de ir à Libertadores cair em 15% após derrota em Dérbi; veja probabilidades

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: