Tempo curto e pressão no Paulista: Tiago Nunes se diz preparado para início de ano pesado no Timão

2.2 mil visualizações 36 comentários

Por Andrew Sousa, Rodrigo Vessoni e Vitor Chicarolli, no CT Joaquim Grava

Tiago Nunes disse estar preparado para a pressão maior que terá no Corinthians

Tiago Nunes disse estar preparado para a pressão maior que terá no Corinthians

Danilo Fernandes/ Meu Timão

Nesta segunda-feira, Tiago Nunes comandou seu primeiro treino como técnico do Corinthians. A semana terá ainda mais trabalho antes de domingo, quando a equipe viaja para a Florida Cup, torneio de pré-temporada em Orlando, nos Estados Unidos.

Depois da competição, o elenco volta ao Brasil e começa a disputa do Paulistão no dia 23 de janeiro. Como se isso não bastasse, o clube ainda embarca rapidamente na disputa da fase preliminar da Libertadores.

"O tempo é complicado não só para o Corinthians, mas todos do cenário nacional tem essa complicação. Corinthians e Internacional vão sofrer mais porque têm muitos jogos. Precisamos estar muito fortes em todas as competições, se você abandona o Paulista pode cair cedo e não brigar pelo título, que é um dos nossos objetivos. Hoje (segunda) já vamos iniciar trabalho com bola, compartilhar ideias com jogadores, para acelerar o máximo possível", pontuou o comandante, em sua primeira coletiva.

Leia também:
Corinthians divulga lista confirmando nomes que ficam em 2020 e quem já deixou o clube; veja
Tiago Nunes é apresentado pelo Corinthians e expõe desejo por time mais ofensivo em 2020

Ex-treinador do Athletico Paranaense, Tiago até conhece o calendário apertado do Brasil, mas vai ficar de frente com uma realidade completamente distinta no campeonato estadual. Ao contrário do torneio no Paraná, em que seu clube jogava com a garotada, ele sabe o peso do Paulistão para o Corinthians.

"Eu vim consciente disso. Quando recebi o convite, estudei muitas situações que poderiam acontecer. Confio muito no potencial técnico dos jogadores que estão aqui. Existe uma base de trabalho de muito tempo, que não pode ser descartada. Estamos buscando contratações pontuais para agregar qualidade aos jogadores que estão aqui, acostumados com pressão, calendário cheio... Vim sabendo da responsabilidade que é estar bem em todas as competições", destacou.

"Há uma diferença do campeonato do Paraná e o de São Paulo. Lá se permite usar os mais jovens, já que o nível técnico é mais baixo. Aqui não, é praticamente um mini-campeonato Brasileiro, com times de Série A e B. Mas ao mesmo tempo é um primeiro semestre de preparação, você tem um termômetro de como seu time vai se portar nas principais competições. É bom competir com os melhores", acrescentou.

Diante desse cenário, o técnico comentou com tranquilidade a possibilidade de balançar no cargo em caso de desempenho ruim no campeonato estadual.

"Sobre balançar técnicos, não sei. A única coisa que sei é que vou sair do Corinthians. Se vai ser daqui a um mês ou três anos, não sei. Quando sair daqui, quero sair de cabeça erguida, sabendo que fiz o meu melhor", concluiu.

Veja mais em: Tiago Nunes.

Veja Mais:

  • Corinthians deseja ter Yuri Alberto até 2025

    Corinthians negocia para ter Yuri Alberto até 2025 e pode não usar 'cláusula da guerra'

    ver detalhes
  • Corinthians encerrou a preparação para enfrentar o Santos

    Corinthians encerra preparação para enfrentar o Santos no Brasileiro; veja possível escalação

    ver detalhes
  • Bruno Méndez está liberado para reestreia no Corinthians

    Bruno Méndez é registrado no BID e está liberado para fazer reestreia pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Presidente Duilio Monteiro Alves está à frente das cobranças do Corinthians junto à Conmebol; clube tem aval e respaldo da CBF na busca por punição ao Boca Juniors

    Corinthians reforça cobrança de punição ao Boca Juniors por racismo; clube tem respaldo da CBF

    ver detalhes
  • Erick Pulgar pertence à Fiorentina, da Itália; volante é constantemente convocado para a seleção chilena e defendeu o Galatasaray na última temporada

    Corinthians tem conversas para a contratação de volante chileno Erick Pulgar

    ver detalhes
  • Balbuena atuou pelo Corinthians entre 2016 e 2018. Após conquistar três títulos no Parque São Jorge - dois títulos do Paulistão e um do Brasileirão - o defensor foi atuar no West Ham, da Inglaterra

    Corinthians demonstra interesse e Balbuena tenta liberação na Rússia; grande europeu é obstáculo

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x