Cantillo fala sobre idolatria por Rincón, elogia clima do Brasil e projeta Florida Cup

3.2 mil visualizações 22 comentários

Por Andrew Sousa e Rodrigo Vessoni, no CT Joaquim Grava

Cantillo se prepara para começar a trilhar sua história no Corinthians

Cantillo se prepara para começar a trilhar sua história no Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Apresentado oficialmente pelo Corinthians nesta sexta-feira, o colombiano Victor Cantilo terá uma grande responsabilidade na equipe alvinegra. Aconselhado a não usar a 24, ele vai vestir o número 8, que já foi de seu conterrâneo Rincón, um de seus ídolos no futebol.

"O Freddy marcou história no Corinthians, vai ser difícil fazer algo igual. Mas estou com mentalidade de colocar meu futebol, conquistar meus objetivos, conquistar uma vaga entre os 11, competir em boa forma para o Corinthians ser ainda maior", pontuou sobre o ex-volante, que já deu alguns conselhos para o novo camisa 8 vingar no Parque São Jorge.

"Gosto de Freddy, para todos nós Colômbia ele é um ídolo, representa muito, mas gosto muito de Sergio Busquets do Barcelona, sempre olho, é um grande jogador", completou.

Leia também:
Cantillo assume a 8 do Corinthians e abandona antigo número: 'Explicaram que não podia a 24'
Quinto dia de treino do Corinthians tem esboços defensivos de Tiago Nunes

Para criar sua história, o jogador terá um longo período de adaptação, incluindo fuso-horário, como dito em sua primeira entrevista. Há, porém, um "facilitador": o clima mais ameno e a estrutura do Corinthians.

"Barranquilla o clima é muito quente, faz calor, aqui é mais agradável, mais tranquila. Sobre a torcida, Junior tem muita torcida, mas não vai tanto ao jogo, aqui acredito que é mais comum encontrar o estádio cheio. E as equipes brasileiras comparadas às colombianas em estrutura, há muita diferença. Lá não temos o que tem aqui. Esperamos que em algum momento as coisas melhorem para termos equipes mais competitivas", destacou.

Seu início no Timão, porém, não será no clima do Brasil. No domingo, ele embarca com o elenco para a disputa da Florida Cup. Depois de estreia contra o New York City FC, a equipe alvinegra terá um rival conhecido pela frente: o Atlético Nacional, da Colômbia.

"Nacional é uma equipe grande na Colômbia, que sempre briga por títulos, um time que joga com dois extremos abertos bem rápidos. Tem bons meias, não sabemos se vão com 3 ou 4 defensores, mudam muito. Será um jogo difícil", concluiu.

Veja mais em: Victor Cantillo e Florida Cup.

Veja Mais:

  • Mancini fechou a escalação que achou mais adequada para o clássico

    Corinthians fecha preparação para encarar o Palmeiras no Allianz; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Palpites do Meu Timão: Palmeiras x Corinthians - Campeonato Brasileiro 2020

    VÍDEO: Palpites do Meu Timão: Palmeiras x Corinthians - Campeonato Brasileiro 2020

    ver detalhes
  • Primeira brasileira vacinada é corinthiana

    Enfermeira corinthiana é primeira brasileira a receber vacina contra o coronavírus; clube comemora

    ver detalhes
  • Corinthians e Palmeiras se enfrentam pelo Campeonato Brasileiro

    Corinthians chega motivado para enfrentar o Palmeiras, mas rival é favorito em casas de apostas

    ver detalhes
  • Otero segue como desfalque do Corinthians por ter testado positivo para a Covid-19

    Corinthians chega a décimo jogo desfalcado por Otero; time tem melhor aproveitamento sem o meia

    ver detalhes
  • Corinthians pode chegar a cinco vitórias seguidas nesta segunda-feira

    Corinthians tenta sequência inédita de vitórias na temporada diante do Palmeiras

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: