Análise: Corinthians repete modelo da Flórida e domina adversário como há muito não se via

12 mil visualizações 145 comentários Comunicar erro

Corinthians mostrou um bom futebol na noite desta quinta-feira

Corinthians mostrou um bom futebol na noite desta quinta-feira

Danilo Fernandes/ Meu Timão

Mais de 700 passes, quase 20 finalizações a gol e um domínio quase total da partida. A primeira impressão de Tiago Nunes na Arena Corinthians foi muito boa para quem acompanhou o triunfo do Corinthians por 4 a 1 sobre o Botafogo-SP, na noite desta quinta-feira, dando continuidade ao futebol apresentado na pré-temporada.

Leia também: Com três gols de Boselli, Corinthians estreia com goleada no Campeonato Paulista

O Timão começou o duelo na mesma formação utilizada durante a Florida Cup, com Richard fazendo as vezes de Cantillo no meio-campo. Ramiro, pela direita, mais uma vez se destacou pelas infiltrações, jogando bem próximo a Boselli e dando opção de passe sempre que a bola caía nos pés tanto de Fagner quanto de Lucas Piton.

Os laterais, por sinal, são um capítulo à parte na equipe de Tiago Nunes. Depois de acostumarem a uma linha de 4 bastante prezada por Carille, agora têm liberdade para jogarem praticamente o tempo todo no campo de ataque. A aposta é pressionar o rival e ter mais opções de passe quando o time possui a bola no pé.

Piton e Fagner passaram boa parte do tempo no campo ofensivo

Piton e Fagner passaram boa parte do tempo no campo ofensivo

Tomás Rosolino/Meu Timão

No meio, Camacho e Richard se alternaram na ajuda da saída de bola, com o primeiro mais pela direita e o segundo mais pela esquerda. A diferença fundamental era que Camacho tinha liberdade para formar uma linha de três com os dois zagueiros, enquanto Richard sempre ficava mais adiantado. A posse de bola ficou na casa dos 68%, com quase 400 passes trocados.

Na frente, Boselli e Luan tiveram liberdade para circular e abrir espaços, movimentação que construiu a jogada do primeiro gol. Piton cruzou no comando do ataque e Ramiro fez o "facão". Após disputar com o zagueiro, finalizou para boa defesa do goleiro, mas Boselli conseguiu abrir o placar no rebote.

Atrás, o Timão pouco sofreu, mesmo com alguns erros de passe na saída de bola. O único perigo foi na bola parada, aparentemente o grande problema de todos os times recentes do Corinthians. A sorte foi que Diego Cardoso não conseguiu aproveitar a falha da defesa, deixando a bola ficar tranquila para Cássio.

Luan não brilhou, mas ditou o ritmo do Corinthians na Arena

Luan não brilhou, mas ditou o ritmo do Corinthians na Arena

Reprodução

O segundo tempo poderia ter sido complicado para o Corinthians caso Reginaldo, em impedimento não marcado pela arbitragem, tivesse aproveitado chance clara criada em falta na área. No contra-ataque, Janderson foi bem, acionou Boselli e construiu o lance que terminou em pênalti e expulsão do mesmo Reginaldo.

A partir dali, o que já era um domínio corinthiano transformou-se em vitória fácil. Não demorou para Boselli completar uma linda troca de passes dos donos da casa e fazer 3 a 0. Nunes, então, testou uma nova situação de jogo: Vital na vaga de Janderson, formando uma linha de meias sem nenhum atleta de velocidade.

A diminuição no ritmo atrapalhou o teste, que viu o jogo ganhar contornos de complemento de tabela. Uma mudança só se deu na parte final, quando o Botafogo diminuiu em contra-ataque. Foi a senha para o Timão pressionar, na base da bola alçada na área, e chegar a mais um gol com Boselli, cada vez mais cumprindo a promessa de fazer muito mais gols em 2020 com o novo esquema.

Veja mais em: Campeonato Paulista e Tiago Nunes.

Veja Mais:

  • Filipe era opção para Cássio e Walter no elenco profissional

    Corinthians acerta empréstimo de jovem goleiro ao Paraná

    ver detalhes
  • Paulinho e Renato Augusto no Corinthians? Destrinchamos o caso!

    VÍDEO: Paulinho e Renato Augusto no Corinthians? Destrinchamos o caso!

    ver detalhes
  • Arena segue sendo motivo de luta nos tribuinais

    Corinthians e Caixa pedem, e Justiça volta a suspender cobrança de dívida pela Arena

    ver detalhes
  • Corinthians começa a luta pelo bicampeonato em abril

    Corinthians conhece adversárias e formato do Paulistão Feminino de 2020

    ver detalhes
  • Tiago Nunes comandou mais um treinamento visando o duelo com o Água Santa

    Corinthians tem trabalhos de posicionamento e bolas paradas em treino fechado desta quinta

    ver detalhes
  • Carlos Augusto e Marllon estão entre os nomes que podem deixar o clube nos próximos dias

    Corinthians confirma previsão após queda e pode ter mais saídas; veja elenco e nomes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: