Preparador do Corinthians explica rotina em dias de jogos: 'Entram calados e saem falantes'

2.7 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Corinthians tem feito atividades diferentes em dias de jogos

Corinthians tem feito atividades diferentes em dias de jogos

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na temporada 2020, Tiago Nunes e sua comissão técnica implementaram uma novidade em dias de jogos do Corinthians. Os treinos na parte da manhã começaram a ser adotados ainda na pré-temporada, na Florida Cup. O intuito desses treinamentos é deixar o elenco mais ligado e atento ao duelo do dia, tendo em vista que os jogadores passam horas concentrados antes da partida.

"Eu costumo dizer que os jogadores entram calados e tristes e saem felizes e falantes. Eu tenho algumas atividades que servem para determinados momentos. Se Deus quiser, se forem 80 jogos no ano, com a maioria à noite, vou ter que pedir ajuda aos universitários (risos)", disse Michel Huff, em entrevista ao GloboEsporte.com.

O preparador físico do alvinegro explicou que, mesmo os jogadores dormindo após o treinamento, o nível de atenção provocado pela prática permite que os jogadores se concentrem de forma mais eficaz.

"Talvez eu faça alguma dinâmica, mas não preciso chamar a atenção deles porque já está alta com a parte tática. Estímulo tático com ideias de jogo. Esse treino normalmente dura de 20 a 25 minutos e é com todos os jogadores relacionados. Eles não gostam de levantar cedo, mas é assim que começam a despertar. Vão até dormir depois do almoço, mas já têm um nível maior de atenção pelo que foi feito de manhã", explicou.

Com a tarefa de fugir do tédio, a pedido de Tiago Nunes, Michel Huff busca programar atividades que fujam do costume dos atletas e que se adequem a necessidade da partida.

"A atividade é sempre comigo e inicia com alongamento e depois uma mobilidade. Depois, dinâmica de grupo, sempre com mensagem. Já fiz o nó humano, depois fui trabalhar a confiança de um no outro: jogador fica deitado e se joga para trás e o outro segura. No Paraguai, foi a dinâmica de grupo do duelo, porque era um jogo que precisava do duelo", disse Huff.

"Fizeram uma disputa de ombro a ombro, um correndo do lado do outro colado com o ombro. Saltando contra o outro e depois um duelo de mãos dadas onde um tem que tirar tirar o outro da posição. Então aquele que tirar os dois pés, perde para outro. Algo meio de luta, judô, que costumamos usar nessa atividade para usar a força do outro a seu favor", completou.

Leia também:
Corinthians tenta reverter desvantagem diante do Guaraní e evitar eliminação; saiba tudo
Técnico do Guaraní vê volantes como destaques do Corinthians, e atacante promete busca por vitória
Corinthians divulga nova parcial de ingressos e deve ter casa cheia em decisão na Libertadores

Michel Huff também revelou que o intuito da atividade, além de buscar aumentar o nível de concentração, é aliviar a tensão da partida.

"E sempre termina com uma brincadeira, dura de 5 a 7 minutos. Em Assunção, foram duas equipes perfiladas, com eles tocando a bola até chegar no fim da coluna e depois a bola retornava na diagonal. Eles não se mexiam, quem se mexia era a bola. Quem chegasse primeiro com a bola na posição de origem, ganhava. Aí virou confusão", explicou.

"Chamou a atenção os gritos nesse dia porque fiz a variação de chegar correndo. Nove jogadores em cada grupo. Bola ia lá na ponta e eles voltavam correndo. Quando chegava no último jogador, estavam todos juntos e já se abraçavam e pulavam. Sempre tem algo assim", finalizou Huff.

Atenção é tudo que o Corinthians vai precisar nesta quarta-feira. O Timão enfrenta o Guaraní-PAR, às 21h30, em Itaquera. Com a derrota no jogo de ida por 1 a 0, a equipe do Parque São Jorge precisa vencer por dois gols de diferença para avançar. Caso repita o placar do primeiro jogo, a decisão irá para os pênaltis.

Veja mais em: Libertadores da América e Elenco do Corinthians.

Veja Mais:

  • Boselli vê Janderson com um futuro promissor no Corinthians

    Boselli comenta relação com garotos e revela conselho para Janderson evoluir no Corinthians

    ver detalhes
  • Zagueiro Ronald anotou dois gols na Copinha de 2020

    Ronald deixa em aberto futuro no Corinthians, mas não descarta empréstimo para 'ganhar rodagem'

    ver detalhes
  • Jogador argentino fez sucesso com a camisa do Benfica

    Atacante argentino foi oferecido ao Corinthians no fim de 2019, mas Tiago Nunes negou contratação

    ver detalhes
  • Kazim, Balbuena e Romero são alguns dos estrangeiros que jogaram pelo Corinthians

    Você sabe quem são esses gringos que jogaram no Corinthians?

    ver detalhes
  • Ezabella se reúne com Mario Gobbi para viabilizar candidatura forte de oposição no Corinthians

    [Marco Bello] Ezabella se reúne com Mario Gobbi para viabilizar candidatura forte de oposição no Corinthians

    ver detalhes
  • Torcida projetou imagens do Corinthians em prédio do Allianz Parque

    Projeção de título de 2018 do Corinthians em prédio do Allianz viraliza nas redes; confira

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: