Pedro Henrique aprova atuação do Corinthians no clássico e comenta desconforto: 'Saí por precaução'

1.6 mil visualizações 24 comentários

Por Andrew Sousa e Tomás Rosolino

Pedro Henrique gostou da atuação do Timão no Morumbi

Pedro Henrique gostou da atuação do Timão no Morumbi

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Com apenas três dias para se recuperar fisicamente e treinar após a eliminação na Libertadores, o Corinthians foi ao Morumbi para enfrentar o São Paulo, na noite deste sábado. Mesmo visivelmente cansado, o time alvinegro fez boa partida e esteve bem perto de vencer o rival, mas acabou ficando no 0 a 0. Novamente titular, Pedro Henrique valorizou a atuação, sobretudo pela parte psicológica.

"Sem dúvida dá uma recuperada (na moral). Pelo fato de fazer um grande jogo, num clássico. Um jogo sempre difícil contra o São Paulo na casa deles. Graças à Deus, a gente fez tudo aquilo que o professor pediu. Jogamos um bom futebol e a gente vem procurando manter o nível e espero que o próximo jogo a gente possa ter o mesmo nível que hoje", pontuou, na zona mista após a partida.

Leia também:
Cantillo destaca melhora do Corinthians e aponta clássico equilibrado no Morumbi
Pedrinho descarta negociação fechada com o Benfica e garante foco no Corinthians
Tiago Nunes destaca potencial de Lucas Piton e explica preferência por Sidcley na lateral-esquerda

Ainda que satisfeito com o que o Timão apresentou, Pedro Henrique não fugiu da questão física. Para ele, o cansaço pesou bastante, mas valorizou ainda mais a luta e a entrega do time no Majestoso. O zagueiro, vale destacar, deixou o campo na segunda etapa por dores.

"Quarta-feira jogamos a maioria do tempo com um a menos, então pesou um pouco hoje. Mas a gente demonstrou que a gente é guerreiro, que a gente correu até o final. Demos a vida ali. Infelizmente senti uma fisgada ali, mas creio que não vai ser nada demais. É mesmo a fadiga da sequência de jogos e espero no próximo jogo estar à disposição do professor", afirmou.

Segundo o clube, o defensor sentiu um desconforto no músculo adutor da coxa direita e depende de exames para saber a gravidade do problema. Como o plantel ganhou dois dias de folga, os testes devem ser realizados na terça-feira.

"Não sei ainda se é lesão. Tomara que seja só a fadiga da sequência de jogos. Fiz um grande jogo quarta-feira, estava fazendo um grande jogo hoje. Por precaução pedi para sair para não agravar mais. Espero não ter sido nada demais, espero continuar nessa boa sequência que eu venho tendo e melhorar cada vez mais", finalizou.

De volta ao Corinthians por pedido de Tiago Nunes, o defensor é um dos nomes de confiança do treinador. Até aqui, foi titular em todos os jogos da equipe em 2020.

Veja mais em: Pedro Henrique e Majestoso.

Veja Mais:

  • Gabriel marcou o gol de empate do Corinthians diante do Palmeiras

    Corinthians melhora no segundo tempo e empata com o Palmeiras pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Mosquito no Dérbi entre Corinthians e Palmeiras, no Allianz Parque, pelo Brasileirão

    Mosquito se destaca e é o melhor do Corinthians em empate no Dérbi; reserva é o pior

    ver detalhes
  • Sylvinho comandou seu primeiro Dérbi, no Allianz Parque, pelo Brasileirão

    Fiel destaca melhora do Corinthians com Sylvinho e exalta volantes; veja repercussão após empate

    ver detalhes
  • Volante Camacho negocia sua ida ao Santos; atleta está fora da partida contra o Palmeiras

    Camacho é liberado de clássico contra o Palmeiras; jogador negocia ida ao Santos

    ver detalhes
  • Sylvinho fez sua estreia em clássicos como técnico do Corinthians em Dérbi deste sábado

    Sylvinho elogia postura do Corinthians após gol sofrido e valoriza atletas: 'Vejo muito que querem'

    ver detalhes
  • Tite é um dos ídolos da história do Corinthians e comanda a Seleção neste domingo

    [Publi] Com quatro ex-Corinthians, Seleção estreia na Copa América como favorita em casas de apostas

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x