Corinthians tem acerto verbal por aumento de 133% no salário de Pedrinho em caso de permanência

43 mil visualizações 227 comentários

Pedrinho recebeu uma valorização do Corinthians após o bom desempenho em 2019

Pedrinho recebeu uma valorização do Corinthians após o bom desempenho em 2019

Daniel Augusto Jr./ Ag. Corinthians

O Corinthians espera uma confirmação oficial do Benfica de que o clube português comprará os direitos econômicos de Pedrinho na próxima janela de transferências da Europa, em julho. Enquanto isso não acontece, no entanto, o clube tem um acerto verbal para renovar seu contrato até 2023 e mais do que dobrar o salário do atleta.

A conversa para que acontecesse essa extensão do vínculo se deu em setembro do ano passado, quando ficou acertado entre o atleta e o presidente do clube, Andrés Sanchez, que ele teria um aumento na casa dos 133% em relação aos seus últimos vencimentos e renovaria por outros três anos.

Como o clube tinha grande expectativa de negociar o atleta neste começo de ano, ficou acertado o seguinte entre as partes: o aumento valeria a partir da data do acerto verbal, em setembro, mas só seria homologado caso não houvesse uma negociação consolidada neste começo de ano.

Leia também:
Corinthians mantém cautela, mas Éderson deve realizar exames nesta quarta-feira
Entenda a chance de o Corinthians ter Paulinho e Renato Augusto de volta da China
Ex-Corinthians, atacante Gustavo é anunciado como novo reforço do Internacional

Dessa forma, caso assinasse com um clube europeu e deixasse o Timão, não haveria motivo para executar todos os trâmites burocráticos (registro na CBF do contrato, liberação no BID) por um atleta que deixaria a equipe em menos de seis meses.

A expectativa é saber se o Benfica vai aceitar a contraproposta alvinegra, pedindo um bônus por metas e 20 milhões de euros pelo atleta, até o final deste mês. Se isso não acontecer, Pedrinho renova seu contrato até o final de 2023 e receberá o aumento de maneira retroativa a setembro (seis meses - setembro, outubro, novembro, dezembro, janeiro e fevereiro).

Se a venda for confirmada, Pedrinho também receberá a diferença entre o antigo e o novo contrato, mas apenas pelos seis meses em que valeu o acordo verbal. Ele seguiria com o salário atual a partir de março até a data que se apresentasse ao Benfica, neste caso.

Com velho ou novo vínculo, no entanto, é improvável que Pedrinho feche a temporada como jogador do Corinthians. A expectativa é que ele dê um último salto na carreira em 2020, em termos de números de gols e assistências, mostrando que está pronto para jogar no futebol europeu.

Veja mais em: Pedrinho e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Zenit confirmou em suas redes e site oficial empréstimo de Yuri Alberto e chegada de Mantuan e Ivan

    Zenit 'fura' Corinthians e anuncia empréstimo de Yuri Alberto e chegada de Ivan e Mantuan

    ver detalhes
  • Torcedor do Boca Juniors (à direita) foi um dos detidos pela Polícia Militar nesta terça-feira

    Saiba o que vai acontecer com os torcedores do Boca Juniors presos durante jogo contra o Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians ficou no 0 a 0 com o Boca Juniors nesta terça-feira

    Corinthians desperdiça pênalti e fica no empate com o Boca Juniors pela Libertadores

    ver detalhes
  • Vítor Pereira analisou o desempenho do Corinthians diante do Boca Juniors

    Vítor Pereira exalta 'espírito' do Corinthians e lamenta desfalques no time titular contra o Boca

    ver detalhes
  • Cássio foi eleito o melhor em campo nesta terça-feira

    Cássio se destaca e é eleito melhor em empate do Corinthians; atacante é o pior

    ver detalhes
  • Adson dividiu opiniões da torcida do Corinthians

    Lamentações por novas lesões e Cássio exaltado marcam empate do Corinthians; veja tuítes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x