Love evita polêmica com arbitragem e projeta período de treinos antes do próximo jogo: 'Importante'

1.3 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Por Andrew Sousa, Rodrigo Vessoni e Vitor Chicarolli, na Arena Corinthians

Love esteve envolvido em lance polêmico na área do Santo André

Love esteve envolvido em lance polêmico na área do Santo André

Danilo Fernandes/Meu Timão

Vagner Love foi um dos protagonistas do empate entre Corinthians e Santo André, por 1 a 1, na noite dessa quarta-feira. Bastante questionado por uma chance clara perdida, o centroavante também foi puxado na área em pênalti não marcado pela arbitragem. Questionado sobre o lance, o camisa 9 preferiu evitar qualquer polêmica.

"Não quero falar sobre isso aqui porque pode parecer que eu estou tentando colocar a culpa na arbitragem. A culpa é nossa. Ele errou sim, todos erram, tudo bem, acabou, passou, o jogo não vai voltar mais", resumiu, na zona mista da Arena após o apito final.

Leia também:
Tiago Nunes assume erro em titularidade de Yony González e expõe carência no ataque do Corinthians
Love analisa atuação do Corinthians diante do Santo André e nega corpo mole dos atletas alvinegros

Com o empate no passado, Love já começou a projetar o próximo confronto, marcado para o dia 7 de março, contra o Novorizontino. Para o atacante, o longo período entre as partidas pode servir para corrigir uma série de erros, que vem gerando revolta na torcida - cerca de 150 alvinegros protestaram no CT Joaquim Grava horas antes do empate dessa quarta.

"É importante termos esse momento para trabalhar, melhorar o que precisa ser melhorado. Vamos conseguir organizar melhorar as coisas para que no jogo a gente chegue mais preparados", ressaltou, antes de repercutir a manifestação.

"A pressão é normal, temos que saber lidar se quisermos jogar no Corinthians. Se não quiser lidar, tem que jogar em time de menor expressão. O torcedor está no direito dele, não tendo agressão, o protesto é válido. Estão no direito deles, mas gosto de deixar claro que estamos lutando, nos dedicando no dia a dia para as coisas acontecerem, mas não está sendo bem assim. Criamos oportunidades, chances, mas o resultado não veio. Temos que ter paciência, levantar a cabeça e dar sequência no trabalho, absorver as críticas boas e jogar as ruins fora, dando sequência ao trabalho", completou.

Logo após o fim do jogo, ainda na beira do gramado, Love já tinha falado sobre o protesto no CT Joaquim Grava. Na oportunidade, o atacante deu razão para a torcida, mas fez questão de destacar que não tem faltado raça, algo muito repetido em faixas e cantos durante o ato crítico.

Veja mais em: Vagner Love e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Apito amigo? Arbitragem de Amarilla não sai da cabeça da Fiel até hoje

    1º de abril! Meu Timão esclarece oito grandes mentiras que rivais contam sobre o Corinthians

    ver detalhes
  • TV Globo informa que não adiantará última cota do Campeonato Paulista pelo surto do coronavírus

    Corinthians 'deixa de arrecadar' com Paulistão após decisão da TV Globo durante quarentena

    ver detalhes
  • Técnico aprovou desempenho de sua equipe na primeira fase do NBB

    Técnico do Corinthians admite oscilação, mas faz balanço positivo da campanha no NBB

    ver detalhes
  • Quatro dos 11 patrocinadores do uniforme do Corinthians paralisaram os pagamentos em meio ao coronavírus

    Corinthians vê quatro patrocinadores suspenderem pagamentos por conta do coronavírus

    ver detalhes
  • O primeiro rolê da história na nova Avenida Corinthians

    VÍDEO: O primeiro rolê da história na nova Avenida Corinthians

    ver detalhes
  • Maycon usou o CT para se recuperar de cirurgia

    Maycon agradece o Corinthians por tratamento de lesão grave no CT Joaquim Grava

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: