Cacau valoriza trabalho do Corinthians e analisa apoio da FPF para retomada do futebol feminino

710 visualizações 9 comentários

Por Meu Timão

Cacau falou sobre os trabalhos para a retomada do futebol feminino

Cacau falou sobre os trabalhos para a retomada do futebol feminino

Bruno Teixeira/Ag. Corinthians

O futebol feminino vivia bom momento antes da paralisação pelo novo coronavírus. Em níveis estadual, nacional e internacional, a modalidade estava em ascensão, mas foi interrompida. Atacante do Corinthians, Cacau analisou o trabalho do clube nesse momento e valorizou o apoio da Federação Paulista de Futebol.

O ano de 2019 foi marcante para o futebol feminino e principalmente para o Corinthians. Além de conquistar a Libertadores, o Paulista e o vice do Campeonato Brasileiro, a equipe bateu recorde de público na modalidade e alcançou a quarta maior invencibilidade no futebol brasileiro.

A ascensão corinthiana (e da modalidade como um todo) foi freada pelo novo coronavírus. Depois de quatro meses sem atividades, a equipe alvinegra voltou a treinar nesta semana para se preparar para os campeonatos - o Brasileiro será retomado dia 26 de agosto, enquanto o estadual ainda não tem data prevista.

"O ano de 2019 foi um passo mais largo na evolução da modalidade. Muitas coisas boas aconteceram. Recordes de público, transmissão de Copa do Mundo em TV aberta. Aí veio a pandemia. É chato, é triste, mas acredito que, para isso não afetar tanto a nossa evolução, os campeonatos têm que acontecer, as marcas têm que apoiar, as federações continuarem na busca por apoio e a mídia continuar falando sobre", analisou a corinthiana em entrevista ao Jogo Duro Podcast.

"O próximo passo para continuarmos nessa crescente é os clubes se organizarem, o mais rápido possível, para mostrar um bom futebol. Os campeonatos já estão aí, já está em cima. Este é um ano atípico, mas temos que nos adaptar e continuar nosso trabalho", completou.

Durante a paralisação, as atletas corinthianas foram acompanhadas de perto por toda a comissão técnica, que preparava exercícios adaptados com os materiais que cada atleta tinha em casa. O apoio do clube, no entanto, foi uma exceção na modalidade, já que a maioria dos times tem estrutura inferior e por isso sofreu mais durante a pandemia. Diante desse cenário, a corinthiana reforçou a importância do apoio da Federação para a continuidade da modalidade.

"A FPF vem apoiando bastante o futebol feminino, principalmente depois que a Aline Pellegrino entrou. É um exemplo para os outros estados. O futebol feminino sempre sofre muito, ainda mais com a pandemia. Muitos clubes não têm o suporte que, por exemplo, o Corinthians está nos dando, e sofreram mais com essa quarentena. Tirar a punição é algo muito bom, tomara que outros estados sigam o exemplo", pontuou Cacau.

Com os treinos retomados e já com um desfalque no elenco, o Timão se prepara para o reinício do Brasileirão. A reestreia da equipe no torneio marca, também, o reencontro das equipes finalistas da competição em 2019: Corinthians e Ferroviária se enfrentam no próximo dia 26 de agosto, na Fazendinha.

Veja mais em: Corinthians feminino e Cacau.

Veja Mais:

  • Sidcley, Jô e Gabriel comemorando o gol do atacante contra o Atlético Mineiro

    Corinthians visita Grêmio com mudanças para tentar primeira vitória no Brasileirão; saiba tudo

    ver detalhes
  • Fagner segue como desfalque do Corinthians por dores no tornozelo

    Presidente do Corinthians ironiza possível interesse de Flamengo em Fagner e promete desconto

    ver detalhes
  • Janderson não foi relacionado para a partida contra o Grêmio e pode ser emprestado

    Corinthians deixa Janderson fora de viagem a Porto Alegre e deve emprestar o jogador

    ver detalhes
  • Gustavo Mosquito era um dos destaques do Paraná na temporada

    Volta de Gustavo Mosquito ao Corinthians revolta torcedores do Paraná; entenda

    ver detalhes
  • Ruan Oliveira estreia pelo profissional do Corinthians no primeiro compromisso da equipe pelo Brasileirão de 2020

    Corinthians prorroga empréstimo de meia Ruan Oliveira; jogador ganhará espaço com Tiago Nunes

    ver detalhes
  • Entenda a dor de cabeça de Tiago Nunes no Corinthians

    [Vitor Chicarolli] Entenda a dor de cabeça de Tiago Nunes no Corinthians

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: