Corinthians não tomava virada após abrir 2 a 0 em uma partida há quase 17 anos

3.9 mil visualizações 59 comentários

Corinthians tinha tudo para conseguir um resultado melhor em Belo Horizonte

Corinthians tinha tudo para conseguir um resultado melhor em Belo Horizonte

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O Corinthians conseguiu uma marca negativa na noite desta quarta-feira, no estádio do Mineirão: perder um jogo no qual abriu 2 a 0 no placar. O feito é tão incomum que a última vez que aconteceu data de 2003, na primeira edição dos pontos corridos, quase 17 anos antes do massacre sofrido pela equipe no segundo tempo em Minas.

O 3 a 2 do Atlético-MG repetiu o que aconteceu em outubro de 2003, no Pacaembu. Naquela ocasião, o Timão abriu 2 a 0 sobre o hoje Athletico-PR, com dois gols de falta de Coelho. No segundo tempo, porém, os paranaenses viraram o placar com Rogério Corrêa, Fabinho, contra, e Douglas, já nos acréscimos.

Uma situação semelhante aconteceu em 2018, na disputa da Flórida Cup, nos Estados Unidos. O Corinthians abriu 2 a 0 sobre o Rangers, da Escócia, e acabou levando 4 a 2 no segundo tempo. Daquela vez, porém, além de ser um jogo amistoso, o time que atuou na etapa final foi totalmente diferente do que esteve no primeiro tempo.

Tirando essa ocasião específica, o Timão ao menos empatou nas vezes em que abriu 2 a 0 sobre os seus adversários nos mais de mil jogos realizados neste período. Uma marca relevante para a equipe.

Vale lembrar que, além do evento negativo, o Timão viu o goleiro Cássio completar seu 470º jogo com a camisa do clube. Dessa forma, ele entrou no top-10 em número de jogos em toda a história alvinegra, superando o ídolo e lateral direito Idário.

Veja mais em: História do Corinthians e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Corinthians começa sua trajetória na Copa do Brasil em outubro

    Corinthians conhece adversário das oitavas de final da Copa do Brasil na próxima quinta-feira

    ver detalhes
  • Daniel Portella foi fisiologista do elenco principal do Corinthians entre janeiro de 2008 e maio de 2010

    Corinthians é condenado na Justiça do Trabalho em ação movida por Daniel Portella, ex-fisiologista

    ver detalhes
  • Fagner, Avelar e Gil compõem a defesa do Corinthians, além de Lucas Piton

    Corinthians não sofria gols em nove jogos seguidos desde 2018; desempenho defensivo preocupa

    ver detalhes
  • Timão tem cometido muitos pênaltis no Brasileirão

    Mão na bola faz o Corinthians ter três pênaltis marcados contra si nos últimos quatro jogos

    ver detalhes
  • Cássio foi eleito o melhor em campo pela Fiel

    Cássio e Otero se salvam em noite de avaliações ruins no Corinthians; atacante beira o zero

    ver detalhes
  • Ramiro entrou no segundo tempo e foi elogiado pelo treinador

    Coelho explica escalação e mudanças e pede Corinthians focado no próximo jogo: 'Precisamos vencer'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: