Corinthians leva jogo para prorrogação, mas perde na última bola em estreia no Paulista de Basquete

1.1 mil visualizações 26 comentários

Corinthians perdeu o jogo na última bola

Corinthians perdeu o jogo na última bola

Divulgação / Corinthians

Basquete Osasco 89 X 87 Corinthians

Campeonato Paulista 2020
03 de outubro de 2020, 19:00
Basquete Osasco 89 x 87 Corinthians
Ginásio Geodésico

Com um time bastante jovem, o Corinthians estreou no Campeonato Paulista de Basquete. Apesar de demonstrar muita raça, a equipe não conseguiu sair vitoriosa e perdeu por 89 a 87 para o Basket Osasco. A partida, realizada no Ginásio Geodésico de Osasco, ainda chegou a ir para a prorrogação, mas a equipe do Parque São Jorge viu a derrota ser consumada na última bola.

O Corinthians, vale lembrar, optou por utilizar os jogadores das categorias de base na disputa do Paulista - o time está sob comando de Vitor Galvani. O elenco mais experiente ficará focado no NBB e será comandado por Demétrius Ferraciú, que, inclusive, conversou com o Meu Timão com exclusividade nessa semana.

Agenda - Agora, o time de Vitor Galvani volta a entrar em quadra no próximo dia 15, contra o Pinheiros, no Ginásio Wlamir Marques, no Parque São Jorge, novamente pelo torneio estadual.

Escalação

Composta por garotos do Sub-19 e alguns atletas do profissional, a equipe do Corinthians iniciou a partida com Lucas Cauê, Vezarinho, Felipinho, Lucas Siewert e JP de Paula.

O jogo

Apesar de um quinteto mais jovem em quadra, o Corinthians não sentiu a pressão e controlou o primeiro quarto de jogo. O placar foi inaugurado para o Timão logo no primeiro minutos, com uma linda bola de três de Felipinho.

Na sequência, o experiente Lucas Siewert anotou mais dois pontos em rápido contra-ataque armado pela equipe corinthiana. Na defesa, o time do Parque São Jorge oferecia alguns espaços, mas via o Osasco pecar no aproveitamento e desperdiçar boas oportunidades.

Mesmo assim, o período inicial ficou empatado até os minutos finais, quando o Corinthians cresceu e conseguiu ampliar a vantagem no marcador. Restando quatro minutos, Felipe acertou uma de três e abriu dez pontos de diferença para o Timão.

Pouco tempo depois, Lucas Siewert, livre na zona morta, também guardou uma de três no último minuto e manteve a vantagem.

O segundo quarto começou mais equilibrado, com o Corinthians encontrando dificuldades para criar chances no ataque. O Osasco, por outro lado, melhorou e conseguiu diminuir a diferença para apenas dois pontos com seis minutos de jogo no período.

A virada dos mandantes veio nos segundos finais do primeiro tempo. No entanto, o Timão, com muita personalidade, voltou a ficar à frente do placar nos cinco segundos finais.

Com isso, a etapa inicial terminou com vitória parcial do Corinthians por 35 a 34.

O segundo tempo começou com dois lances livres convertidos pelo Corinthians. Porém, o Osasco não demorou para empatar a partida em dois contra-ataques rápidos e bem organizados.

A virada aconteceu na sequência, mas o Timão não se abalou e logo voltou a ter vantagem no placar, após uma bola de três de Guilherme.

Em um período marcado por bastante disputa na defesa, o Osasco conseguiu ficar novamente à frente do placar com uma cesta de três no estouro do cronômetro, virando o jogo para 55 a 54.

O Corinthians iniciou os últimos dez minutos com uma postura bastante intensa. Como consequência, retomou a vantagem com um arremesso de três de Felipinho e, na sequência, uma bandeja de Vezarinho.

Apesar da diferença no marcador, o embate continuou bem equilibrado. No melhor estilo "lá e cá", a partida foi se arrastando até os segundos finais com a igualdade no placar. Com o empate por 73 a 73 no apito final, portanto, o jogo foi para a prorrogação.

Prorrogação

A prorrogação começou com as duas equipes marcando cestas de três e deixando o placar novamente igualado em 76 a 76. O Osasco, porém, acertou mais uma de três na sequência e foi a 79. O Timão descontou com duas cestas de lance livre após falta.

As duas equipes seguiram trocando pontos. O Corinthians desperdiçou algumas oportunidades, mas calibrou a mão na cesta de três e o a partida chegou nos últimos dois minutos do tempo e 88 a 84 para o Osasco.

Faltando poucos segundos para o fim do jogo, Pedrinho acertou uma cesta de três e deixou o placar 88 a 87 ainda para o Osasco. No entanto, na jogada, Pedrinho fez falta. Na cobrança dos lances livres, Edu perdeu o primeiro e converteu o segundo, deixando o placar final em 89 a 87. Derrota do Corinthians na estreia do Paulista.

Veja mais em: Basquete.

Quem Atuou

Jogadores

  • Lucas Gabriel Vezaro

    Vezarinho

    Pontos: 24
    Rebotes: 18
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 38m10s

  • Lucas Siewert

    Lucas Siewert

    Pontos: 19
    Rebotes: 18
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 29m39s

  • Lucas Cauê de Almeida Pereira

    Lucas Cauê

    Pontos: 6
    Rebotes: 8
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 25m20s

  • Victor Henrique da Silva

    Victor

    Pontos: 6
    Rebotes: 8
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 25m05s

  • Guilherme Araújo Cestari

    Guilherme Cestari

    Pontos: 3
    Rebotes: 6
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 18m36s

  • João Pedro Alves de Paula

    JP de Paula

    Pontos: 2
    Rebotes: 4
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 16m06s

  • Yan Djalo Barbosa Te

    Yan Djalo

    Pontos: 3
    Rebotes: 2
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 12m17s

  • Pedro Mancio Andreoli

    Pedrinho

    Pontos: 5
    Rebotes: 4
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 11m49s

  • Alexandre Ludwig Agustinho

    Alexandre Ludwig

    Pontos: 2
    Rebotes: 2
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 9m10s

  • Ítalo Bonizioli Honorato

    Ítalo Honorato

    Pontos: 2
    Rebotes: 2
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 4m05s

  • Anderson Vinicius de Andrade Pinheiro

    Anderson

    Pontos: 0
    Rebotes: 0
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 0m17s

Comente a notícia: