Vaga diante do América-MG equivale ao acordo judicial do Corinthians com o clube mineiro

23 mil visualizações 145 comentários

Corinthians e América-MG começam a decidir a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil; vaga vale R$ 3,3 milhões, valor equivalente ao acordo judicial do Timão com os mineiros

Corinthians e América-MG começam a decidir a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil; vaga vale R$ 3,3 milhões, valor equivalente ao acordo judicial do Timão com os mineiros

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Nem todo torcedor do Corinthians sabe (ou se deu conta), mas a classificação diante do América-MG renderá uma premiação equivalente à dívida existente entre os clubes. O primeiro duelo entre paulistas e mineiros acontece nesta quarta, na Neo Química Arena.

É isso mesmo! Ir às quartas de final da Copa do Brasil renderá R$ 3,3 milhões aos cofres do Timão, enquanto a dívida com o clube mineiro, que está parcelada sob acordo judicial, é de R$ 3,2 milhões.

Mas que dívida é essa do Corinthians com o clube que está na Série B do Brasileiro? Bem, o caso é complexo. E possui ainda um terceiro clube envolvido.

Inicialmente essa dívida era do Fluminense junto ao América-MG, referente à venda do atacante Richarlison ao Watford, da Inglaterra.

Quando contratou o volante Richard do mesmo Fluminense, em janeiro de 2019, o Corinthians resolveu assumir um débito de R$ 2,9 milhões dos cariocas perante aos mineiros.

O débito deveria ter sido quitado em agosto do ano passado, mas não foi. Em seguida, em um novo acordo, o América-MG liberou que a dívida fosse quitada em três parcelas, sendo uma em dezembro e outras duas em janeiro de 2020. O Corinthians, novamente, não honrou.

Então, em fevereiro deste ano, o América Mineiro foi à Justiça e pediu R$ 3,2 milhões (valor maior devido ao juros). Na primeira tentativa de bloqueio nas contas do Corinthians, a penhora foi de. R$ 428 mil. O restante da dívida foi parcelada em 12 vezes.

Se atrasar alguma parcela, o Corinthians arcará com multa de 10%. Caso o clube não arque com o pagamento de três parcelas, o acordo será invalidado. Não se tem notícias de atraso nesse último - e derradeiro - acordo.

Em tempo: Richard, pivô dessa dívida, está emprestado ao Athletico-PR. É o segundo empréstimo do volante, que atuou recentemente pelo Vasco. O contrato do jogador com o Corinthians termina apenas em 31 de dezembro de 2022.

De acordo com o balanço de 2019, o custo total da contratação de Richard junto ao Fluminense foi de R$ 10,4 milhões.

Veja mais em: Copa do Brasil e Processos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Presidente Andrés Sanchez falou sobre a importância do acordo

    Andrés tuita sobre acordo na Neo Química Arena e prevê 'paz e receitas' a sucessor no Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians vendeu o naming rights da arena por R$ 300 milhões, que serão pagos em 20 anos...

    Especialista financeiro elogia acordo do Corinthians com a Caixa; veja explicação e ressalvas

    ver detalhes
  • Andressinha e Adriana protagonizam campanha de nova camisa da Seleção Feminina

    Jogadoras do Corinthians protagonizam campanha de novo uniforme da Seleção Feminina

    ver detalhes
  • Atualização das contas da Neo Química Arena: estádio se tornará autossustentável, porém...

    [Rodrigo Vessoni] Atualização das contas da Neo Química Arena: estádio se tornará autossustentável, porém...

    ver detalhes
  • Tudo sobre o pleito deste sábado e novo acordo com a Caixa

    VÍDEO: Tudo sobre o pleito deste sábado e novo acordo com a Caixa

    ver detalhes
  • As propostas e promessas do novo presidente do Corinthians

    VÍDEO: As propostas e promessas do novo presidente do Corinthians

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: