Mancini relaciona ausência da torcida do Corinthians e falta de vitórias em casa: 'Falta imposição'

1.4 mil visualizações 48 comentários

Por Meu Timão

Técnico Vagner Mancini no jogo contra o América-MG, na Neo Química Arena, pela Copa do Brasil

Técnico Vagner Mancini no jogo contra o América-MG, na Neo Química Arena, pela Copa do Brasil

Danilo Fernandes/ Meu Timão

O Corinthians estreou com derrota na Copa do Brasil. Apesar de um pouco mais agressiva, a equipe completou o quarto jogo consecutivo sem vitória na Neo Química Arena. Questionado sobre a relação entre a ausência da torcida e as derrotas como mandante, o técnico Vagner Mancini entende que falta imposição do time em casa.

"Não é coincidência. Jogamos duas fora e a equipe foi diferente. O que falta em casa é imposição de casa, que sempre teve. Décadas foi, mesmo sem time técnico, uma disposição fora do comum, o que gerava, com o apoio da torcida, resposta em campo. Isso não tem porque não tem a torcida e agora nossa equipe fica indecisa em campo nas jogadas", explicou o treinador.

O técnico corinthiano ainda analisou a situação do gol. No lance, Cássio lança a bola para Luan, que é interceptada por Neto Berola. O jogador vence Sidcley na corrida e cruza para Toscano, que finaliza a jogada.

"O gol de hoje foi de indecisão, tinha dois jogadores para brigar pela bola, um jogadores deles ganhou a bola de cabeça e o Toscano se livro da marcação para receber o ápice. É um lance de indecisão e não podemos ter, porque estamos no Corinthians e ela leva a confiança para adversário. Isso ainda te gera desequilíbrio tático, que pressiona o atleta em campo e ele perde coragem", afirmou Mancini.

O treinador ainda relembrou o pedido de um time mais agressivo nesta quarta-feira. Segundo ele, a equipe até chegou a oferecer mais riscos para o adversário, mas faltou qualidade no que foi apresentado em campo e que ajustes precisam ser realizados o mais breve possível.

"Disse essa semana que queria um time agressivo, e nós até agredimos, mas não como deveria. Há uma distancia entre o que se pede e o apresentado. Fora de casa, contra uma equipe que tem que sair, o jogo encaixa melhor. Aqui ainda vai encaixar, ajustes vão ser feitos, mesmo que sejam com algum tipo de sofrimento, porque nesse momento tem que ser decisões emergenciais", finalizou.

O Corinthians volta a enfrentar o América-MG na próxima quarta-feira. A equipe visita o adversário às 21h30, no Independência. Antes disso, o Timão recebe o Internacional no sábado, às 19h, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja mais em: Vagner Mancini, Torcida do Corinthians e Copa do Brasil.

Veja Mais:

  • Corinthians visitou o Fluminense neste sábado

    Corinthians é dominado pelo Fluminense e toma goleada no Maracanã

    ver detalhes
  • Corinthians perdeu duas posições no Campeonato Brasileiro e agora fecha G4 da competição

    Corinthians perde duas posições no Brasileirão após goleada, mas segue no G4; veja classificação

    ver detalhes
  • Goleiro Cássio foi escolhido como o melhor em campo em goleada sofrida pelo Corinthians

    Cássio é eleito o melhor do Corinthians em tarde de notas baixíssimas; zagueiro beira o zero

    ver detalhes
  • Cássio e Mantuan durante partida contra o Fluminense

    VP diz que Corinthians correu risco 'calculado', mas afirma que não havia perdido assim na carreira

    ver detalhes
  • Corinthians teve diversos desfalques e acabou goleado pelo Fluminense após má atuação no Maracanã

    Má atuação e preocupação com Biro: torcida do Corinthians repercute derrota para o Fluminense

    ver detalhes
  • Guilherme Biro disse que conversa no vestiário após goleada foi de apoio e foco para buscar vitória contra o Boca Juniors

    Biro revela conversa no vestiário e diz que derrota não deve influenciar Corinthians na Libertadores

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x