Andrés Sanchez completa mil dias como presidente do Corinthians; mandatário fez 80 contratações

19 mil visualizações 405 comentários

Andrés Sanchez completa 1000 dias à frente do Corinthians nesta sexta-feira, com 80 contratações (profissional e sub-23)

Andrés Sanchez completa 1000 dias à frente do Corinthians nesta sexta-feira, com 80 contratações (profissional e sub-23)

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Andrés Sanchez foi eleito presidente do Corinthians no dia 3 de fevereiro de 2018 após obter 34% dos votos válidos. Nesta sexta-feira, o dirigente completa exatos 1000 dias sentado na cadeira mais importante do clube dono da segunda maior torcida do país.

O Meu Timão traz agora um super balanço da segunda passagem do mandatário pelo Corinthians, marcada por 80 jogadores contratados, aumento da dívida total, um bom volume de venda de atletas, o naming rights do estádio e dois títulos estaduais em 12 torneios disputados (dois deles em andamento). Veja abaixo:

80 contratações (uma a cada 12 dias)

Léo Natel foi um dos 11 contratados pelo Corinthians em 2020; ao lado, Duílio Monteiro Alves, ex-diretor de futebol, que será um dos candidatos à presidência

Léo Natel foi um dos 11 contratados pelo Corinthians em 2020; ao lado, Duílio Monteiro Alves, ex-diretor de futebol, que será um dos candidatos à presidência

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Com Andrés de volta à presidência, o Corinthians contratou nada menos do que 80 jogadores. Isso representa uma aquisição a cada 12 dias. Esse número não contempla aqueles jovens trazidos para a base nem para o time feminino.

O levantamento exclusivo do Meu Timão engloba os 38 jogadores trazidos para o elenco principal - último foi o lateral Fábio Santos -, e os 42 que assinaram contrato para atuar no Sub-23 - veja abaixo a relação, um a um.

Em relação à equipe profissional, o clube trouxe 14 reforços em 2018; 13 no ano passado; e mais 11 na atual temporada. Já em relação à equipe sub-23, a divisão é a seguinte: 2 reforços em 2018; 25 no ano passado - o primeiro ano da equipe -, e outros 15 trazidos este ano, mesmo em meio à pandemia. Por posição, a divisão dos 80 jogadores é a seguinte:

  • 4 goleiros;
  • 11 laterais;
  • 10 zagueiros;
  • 16 volantes;
  • 18 meias;
  • 21 atacantes.

Durante uma live no canal do Meu Timão no Youtube, Andrés Sanchez reconheceu o excesso de contratações de sua gestão.

Aumento da dívida

Andrés Sanchez (presidente), Matias Romano Ávila (diretor financeiro) e Roberto Gavioli (gerente financeiro) são os responsáveis pelas finanças do clube

Andrés Sanchez (presidente), Matias Romano Ávila (diretor financeiro) e Roberto Gavioli (gerente financeiro) são os responsáveis pelas finanças do clube

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

No ano de 2017 - último antes do retorno de Andrés à presidência -, o Corinthians fechou com um déficit de R$ 35,1 milhões. Já no ano fiscal de 2019 - o último que se tem um balanço para ser analisado -, fechou com um déficit de R$ 195 milhões (balanço do ano de 2020, por motivos óbvios, ainda não foi fechado).

Em relação à dívida total do Corinthians, dentro dessa mesma comparação, uma nova discrepância. O clube fechou 2017 com uma dívida total de R$ 425 milhões. O balanço de 2019, por sua vez, apontou um endividamento total de R$ 765 milhões. Esse valor não contemplou duas dívidas que foram incluídas posteriormente, após matérias reveladoras do Meu Timão (J. Malucelli e Julio Suman).

Em julho, o GE.com informou que, apesar de fechar o primeiro semestre no azul, a dívida do clube chegou a R$ 902 milhões após os seis primeiros meses do ano.

Número significativo de transferências

Pedrinho foi vendido ao Benfica por € 18 milhões, cerca de R$ 119 milhões (cotação desta semana)

Pedrinho foi vendido ao Benfica por € 18 mi, cerca de R$ 119 milhões (cotação desta semana); maior transferência da história do clube

Divulgação

A atual gestão fez um número significativo de transferências remuneradas. De fevereiro de 2018 a outubro de 2020, o Corinthians vendeu nada menos do que 15 jogadores para clubes brasileiros e do exterior.

Juninho Capixaba, Douglas, Claudinho, Moisés, Maycon, Rodriguinho, Balbuena, Mendoza, Carlos Augusto, Pedro Henrique, Gustagol, André Luis, Pedrinho, Clayson e Júnior Urso foram os atletas que deixaram o Corinthians sob valores.

O valor bruto dessas 15 vendas foi de, aproximadamente, R$ 240 milhões. Vale lembrar que nem todo esse valor foi direcionado ao clube, já que a imensa maioria desses atletas tinha direitos econômicos divididos. O líquido dessas transferências, de acordo com o levantamento do Meu Timão, foi de cerca de R$ 200 milhões.

É preciso ressaltar que essas cifras acima foram baseadas na divulgação dos valores por parte da imprensa, e não de forma oficial pelo clube.

Naming rights do estádio

Corinthians vendeu o naming rights da arena por R$ 300 milhões, que serão pagos em 20 anos; compradora é a Neo Química, gigante farmacêutica, que pertence à Hypera Pharma

Corinthians vendeu o naming rights da arena por R$ 300 milhões, que serão pagos em 20 anos; compradora é a Neo Química, gigante farmacêutica, que pertence à Hypera Pharma

Reprodução/Internet

O batismo do estádio corinthiano em Itaquera, sem dúvida, também marcará a atual gestão de Andrés Sanchez. O clube conseguiu vender o naming rights da arena por R$ 300 milhões, que serão pagos em 20 anos. A compradora é a Neo Química, gigante farmacêutica, que pertence à Hypera Pharma.

Vale lembrar ainda que Andrés ainda quer anunciar, de forma oficial, os novos acordo com a Odebrecht e a Caixa Econômica Federal. Em relação à construtora, a intenção é anunciar a quitação total da dívida. Em relação ao banco, o objetivo é anunciar um novo parcelamento, com juros bem mais acessíveis.

Dois títulos estaduais em 12 campeonatos disputados

Libertadores 2020 foi um dos 12 campeonatos disputados pelo Corinthians sob administração de Andrés Sanchez; clube conquistou dois estaduais, além de um vice da Copa do Brasil

Libertadores 2020 foi um dos 12 campeonatos disputados pelo Corinthians sob administração de Andrés Sanchez; clube conquistou dois estaduais, além de um vice da Copa do Brasil

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O desempenho em campo não foi dos melhores. Longe disso. Sob a atual administração, o Corinthians disputou 12 campeonatos, sendo dez já encerrados e outros dois em andamento (Copa do Brasil-20 e Brasileirão-20). Com apenas dois títulos conquistados (Paulistas de 2018 e 2019).

Em 2018:

  • Paulista - campeão;
  • Copa do Brasil - vice-campeão;
  • Libertadores - eliminado nas oitavas;
  • e Brasileirão - 13º colocado (36 pontos atrás do campeão);

Em 2019:

  • Paulista - campeão;
  • Copa do Brasil - eliminado nas oitavas;
  • Sul-Americana - eliminado na semifinal;
  • Brasileirão - 8º colocado (34 pontos atrás do campeão);

Em 2020:

  • Paulista - vice-campeão;
  • Copa do Brasil - está nas oitavas de final;
  • Libertadores - eliminado na segunda fase;
  • e Brasileirão - está em 13º colocado (14 pontos atrás do líder);

Relembre as 80 contratações do Corinthians após a eleição de Andrés Sanchez (em fevereiro de 2018)

Contratações para o elenco profissional (38)

2018 - 14 REFORÇOS

Sidcley (L)
Danilo Avelar (L)
Michel Macedo (L)
Marllon (Z)
Ralf (V)
Thiaguinho (V)
Douglas (V)
Ángelo Araos (V)
Bruno Xavier (M)
Sergio Díaz (A)
Roger (A)
Matheus Matias (A)
Jonathas (A)
Gustavo Mosquito (A)

2019 - 13 REFORÇOS

Manoel (Z)
Gil (Z)
Bruno Méndez (Z)
Richard (V)
Júnior Urso (V)
Matheus Jesus (V)
Ramiro (M)
Sornoza (M)
Régis (M)
André Luís (A)
Boselli (A)
Vagner Love (A)
Everaldo (A)

2020 - 11 REFORÇOS

Sidcley (L)
Cantillo (V)
Éderson (V)
Luan (M)
Yony González (A)
Matheus Davó (A)
Jô (A)
Léo Natel (A)
Otero (M)
Cazares (M)
Fábio Santos (L)

Contratações para o elenco da equipe sub-23 (42)

2018 - 2 REFORÇOS

Fessin (M)
Warian (V)

2019 - 25 REFORÇOS

Altair (V)
Arlindo (A)
Chistofer (G)
Eduardo Blanco (V)
Eduardo Brito (Z)
Eduardo Tanque (A)
Emerson Sousa (V)
Eugênio (G)
Felipe Cuervo (M)
Franzinho (M)
Gabriel Ferreira (Z)
Gabriel Silva (A)
Gil (A)
Hugo Borges (A)
Igor Morais (Z)
Jorge Colmán (A)
Luan Vitor (L)
Lucas Gabriel (L)
Márcio Ferrari PC (V)
Kauê Souza (L)
Raul Cardoso (Z)
Reifit (M)
Rodrigo Fernandes (V)
Willian Félix (L)
Yuri Souza (M)

2020 - 15 REFORÇOS

Adriel (V)
Allan Ferreira (Z)
Diego Riechelmann (G)
Dimitri (M)
Diogo Victor (M)*
Facundo Ezequiel (M)
Gabriel Lima (A)
Higor Lapa (L)
João Ramalho (V)
John Lessa (Z)*
Lucas Daniel (M)
Matheus Almeida (G)
Reginaldo (L)
Wallace Lucas (A)
Daniel Penha (M)*

*Já assinaram contrato e treinam no CT, mas ainda não tiveram seus registros oficializados na CBF

Veja mais em: Andrés Sanchez, Mercado da bola e Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Partida entre Coritiba e Corinthians tem duas opções de transmissão

    Confronto entre Corinthians e Coritiba será exibido em TV aberta e fechada; veja como assistir

    ver detalhes
  • Time comandado por Dyego Coelho perdeu mais uma no Brasileirão Sub-20

    Corinthians perde para o Botafogo e desperdiça chance de disparar na ponta do Brasileiro Sub-20

    ver detalhes
  • Ao vivo: Meu Timão entrevista Duílio Monteiro Alves, candidato à presidência do Corinthians

    VÍDEO: Meu Timão entrevista Duílio Monteiro Alves, candidato à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Fábio Santos vibrou com retorno ao Corinthians após cinco anos

    Fábio Santos diz que pensava em voltar desde que deixou o Corinthians: 'Por mim nem tinha saído'

    ver detalhes
  • Corinthians busca uma vitória importante em Curitiba

    Corinthians visita o Coritiba em duelo decisivo para se afastar do Z4; veja tudo sobre a partida

    ver detalhes
  • Thiaguinho retorna ao Corinthians após passagem pelo CRB

    Empréstimo chega ao fim e Thiaguinho retorna ao Corinthians após passagem pelo CRB: 'Quero ajudar'

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: