Empresário de Carlos Augusto prevê lucro grande ao Corinthians mesmo após revelação

15 mil visualizações 112 comentários

Por Meu Timão

Lucas Piton e Carlos Augusto treinam nesta segunda-feira no CT Joaquim Grava

Lucas Piton e Carlos Augusto treinam nesta segunda-feira no CT Joaquim Grava

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

O lateral esquerdo Carlos Augusto, que deixou o Corinthians há três meses, virou tema de polêmica nesta semana. Depois de sair do clube por 4 milhões de euros, à época aventados como um valor por 40% dos seus direitos econômicos, descobriu-se que ele na verdade havia tido 100% dos direitos vendidos pelo valor, com o Timão ficando com 60% de uma mais-valia futura.

A revelação foi feita pelo ex-diretor de futebol do clube, Duílio Monteiro Alves, hoje candidato à presidência do clube, um dos nomes que fizeram o negócio andar com o Monza, da Itália. O time atualmente disputa a segunda divisão local. A "retificação", como o próprio clube chamou, deixou parte da torcida revoltada e motivou até uma nova nota oficial sobre o caso.

Para o empresário do jogador, porém, o Timão ainda vai fazer muito dinheiro com o jogador. Rafael Brandino avaliou que Carlos tem as características que o mercado europeu gosta e tranquilamente atingirá um alto valor de mercado nos próximos anos.

" Pela falta de lateral-esquerdo no mercado, isso vai acontecer. Carlos é um jogador que já tem características defensivas, mas que vai aprimorar muito no Monza. A Itália é uma fábrica de defensores. Num percurso natural, sem lesões sérias, jogando pelo menos 60% dos jogos e subindo para a primeira divisão, no ano que vem ele já estará com um valor de mercado de 20 milhões de euros (R$ 127 milhões)", contou Brandino ao GloboEsporte.com.

O cenário pintado pelo agente não é muito complicado de acontecer. Atualmente, o Monza é o nono colocado da Série B italiana, mas tem um jogo a menos do que a maior parte dos concorrentes. Pelo sistema de disputa, os dois primeiros sobem direto à Série A, enquanto do terceiro ao oitavo é disputado um mini-torneio pela última vaga.

Carlos, que acabou testando positivo para a Covid-19 já em território italiano, ficou fora por quase um mês da partidas. Ao todo, ele foi titular em duas ocasiões e ficou no banco em outras duas até aqui.

Veja mais em: Carlos Augusto e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Gabriel Pereira ganhou a palavra e foi aplaudido por todo o elenco

    União por Luan, lembrança do último jogo e discurso de promessa: os bastidores da vitória do Timão

    ver detalhes
  • Último título do Corinthians foi em 2017

    Federação Paulista cancela Copinha de 2021 por conta da pandemia do coronavírus

    ver detalhes
  • Augusto Mello viu sócio rebater esclarecimento sobre áudios vazados

    Sócio citado em áudio contesta versão de Augusto Melo e mostra recibo por negócio com meia do Timão

    ver detalhes
  • Ex-diretor explicou alto número de contratações com caráter de aposta no Corinthians

    Ao Meu Timão, Duílio Monteiro explica planos para Arena, justifica contratações e defende o Sub-23

    ver detalhes
  • Mancini mudou o patamar do Corinthians desde que chegou ao clube

    Mancini supera vitórias de Tiago Nunes e Coelho somados no Brasileiro; compare aproveitamentos

    ver detalhes
  • Walter no duelo contra o Coritiba, pelo Brasileirão, no Couto Pereira

    Vagner Mancini diz que Cássio não está lesionado e que fez 'opção segura' por Walter

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: