Corinthians melhora na etapa final, supera Ponte Preta de virada e encerra jejum de vitórias

33 mil visualizações 442 comentários

Mateus Vital no jogo contra a Ponte Preta, na Neo Química Arena, pelo Campeonato Paulista

Mateus Vital no jogo contra a Ponte Preta, na Neo Química Arena, pelo Campeonato Paulista

Danilo Fernandes/ Meu Timão

Corinthians 2 X 1 Ponte Preta

Paulista 2021
07 de março de 2021, 11:00
Corinthians 2 x 1 Ponte Preta
Neo Química Arena

O Corinthians conquistou sua primeira vitória na temporada. Na manhã deste domingo, a equipe alvinegra bateu a Ponte Preta de virada por 2 a 1, na Neo Química Arena, em duelo válido pela terceira rodada do Campeonato Paulista. Os gols do Timão foram marcados por Mateus Vital e Jô.

Com o triunfo, o time de Vagner Mancini chegou aos cinco pontos e assumiu a liderança do Grupo A do torneio estadual. O Santo André, segundo colocado, entra em campo apenas nesta segunda-feira.

O resultado encerrou um jejum no Corinthians de sete jogos sem uma vitória sequer.

Anota aí, Fiel!

  • O Corinthians terá um tempo para descansar e só volta a entrar em campo no próximo domingo, às 16h, contra o São Caetano, no Anacleto Campanella, pela quarta rodada do Paulistão.

Escalações

Em relação ao último compromisso, o técnico Vagner Mancini promoveu três alterações entre os titulares: João Victor, Luan e Antony entraram nas vagas de Lucas Piton (contaminado), Cazares (opção) e Jô (opção), respectivamente.

Assim, a escalação do Corinthians teve Matheus Donelli; João Victor, Jemerson, Gil e Bruno Méndez; Roni e Cantillo; Rodrigo Varanda, Luan e Mateus Vital; Antony.

Escalação

Meu Timão

A Ponte Preta, por sua vez, foi a campo com Luan, Luizão, Ruan Renato, Dawhan, Vini Locatelli, Paulo Sérgio, Pedrinho, Yuri, Renan Mota, Moisés e Apodi.

Os 90 minutos

Primeiro tempo

O Corinthians teve dificuldades para criar nesse primeiro tempo e pouco levou perigo ao gol da Ponte Preta. A primeira chegada corinthiana aconteceu aos 19 minutos, após chute de Mateus Vital defendido pelo goleiro rival.

Os visitantes também não criaram muitas chances claras, mas incomodaram a defesa de Vagner Mancini em contra-ataques. Não à toa, abriram o placar na Neo Química Arena aos 30 minutos.

João Veras recebeu lançamento, ganhou de Jemerson, invadiu a área e bateu forte no canto de Matheus Donelli. Jogadores do Timão reclamaram de falta no zagueiro alvinegro, mas Raphael Claus confirmou o tento após ouvir o VAR dentro de campo.

O Corinthians melhorou depois de sofrer o gol e teve a chance de empatar o jogo. Roni recebeu a bola na intermediária e bateu de longe, exigindo ótima defesa do arqueiro. Na sequência, Luan, de dentro da área, cabeceou para fora.

Já na reta final do primeiro tempo, Mateus Vital anotou um lindo gol e igualou o marcador em Itaquera. Aos 45, o meio-campista tabelou com Varanda e acertou um chute no ângulo da meta rival.

Com isso, as equipes foram para os vestiários com empate por 1 a 1 no placar.

Segundo tempo

Mesmo com o empate, Vagner Mancini promoveu uma alteração durante o intervalo e promoveu a entrada de Jô na vaga de Antony para o segundo tempo. E o Timão não demorou para chegar ao ataque.

Aos cinco minutos, Luan recebeu na entrada da grande área e bateu rasteiro, sem muita força. O goleiro da Ponte Preta fez a defesa sem grandes dificuldades. Na sequência, Vital voltou a exigir boa defesa de Luan, da equipe de Campinas.

O treinador do Timão voltou a mexer em sua equipe com 15. O meio-campista Otero entrou no lugar do jovem Rodrigo Varanda.

Pouco mais de dez minutos depois, Otero cobrou falta com perigo e quase virou o jogo. O arqueiro Luan rebateu na trave e a bola saiu pela linha de fundo. Na cobrança de escanteio, o venezuelano quase fez um gol olímpico.

O Corinthians não demorou para chegar ao segundo gol. Aos 30, Vital foi derrubado dentro da área e o juiz assinalou a penalidade. Na cobrança, Jô bateu no canto, o goleiro fez a defesa, mas, no rebote, o próprio camisa 77 colocou para o fundo das redes.

Victor Cantillo foi expulso no lance seguinte após pisar no tornozelo de Moisés, da Ponte Preta. O árbitro foi até o VAR analisar o lance e confirmar sua decisão.

Mancini realizou suas últimas alterações: o meia Araos e o atacante Adson entraram nos lugares de Luan e Mateus Vital, respectivamente.

Pouca coisa aconteceu na sequência e o jogo terminou com vitória do Corinthians por 2 a 1.

Veja mais em: Campeonato Paulista.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

x