Ex-Corinthians elogia Tite e diz que passagem pelo clube em 2012 fez sua vida 'subir de patamar'

5.3 mil visualizações 24 comentários

Por Meu Timão

Chiquinho (à esquerda) defendeu o Corinthians no segundo semestre de 2012

Chiquinho (à esquerda) defendeu o Corinthians no segundo semestre de 2012

Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Em 2012, Chiquinho chegou ao Corinthians após a conquista da Libertadores da América daquela temporada. Em um elenco sólido e qualificado, o jogador teve poucas chances em campo, mas guarda boas lembranças do CT Joaquim Grava.

"Não tive muitas oportunidades porque o elenco era muito qualificado e estava se preparando para o Mundial de Clubes. Nas poucas chances que eu tive tentei aproveitar. Agradeço muito ao professor Tite por tudo que me fez”, afirmou Chiquinho em entrevista a ESPN.

O meia, que também atua na lateral-esquerda, fez questão de exaltar o trabalho do então técnico Tite, que hoje comanda a Seleção Brasileira e que foi multicampeão pelo Corinthians.

Foi ali que a minha vida passou a subir de patamar. O Tite é um cara sensacional, paizão mesmo. Tem uma forma ótima de trabalhar e tenta alavancar a carreia de todos os jogadores. Ele melhora a auto estima do jogador”, exaltou Chiquinho.

Pelo Corinthians, Chiquinho teve três oportunidades. O jogador, que defendeu a equipe do Parque São Jorge no segundo semestre de 2012, participou da vitória contra o Flamengo, por 3 a 2; o empate contra a Portuguesa em 1 a 1 e a derrota para o Cruzeiro por 2 a 0. Todas as partidas foram válidas pelo Campeonato Brasileiro de 2012.

Hoje, Chiquinho tem 34 anos de idade e, com passagens pelo Corinthians e clubes como Ponte Preta, Flamengo, Santos, o jogador defende o Santa Cruz em 2021.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians.

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x