Quase três décadas: Corinthians vê dois atletas da base marcarem em clássico pela 1ª vez no século

1.9 mil visualizações 13 comentários

Lucas Piton comemorando seu gol contra o Santos, pelo Paulistão, na Vila Belmiro

Lucas Piton comemorando seu gol contra o Santos, pelo Paulistão, na Vila Belmiro

Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O Corinthians teve um feito inédito no Século XXI na noite do último domingo, na Vila Belmiro: viu dois jogadores formados nas suas categorias de base marcarem gols em um clássico estadual, algo que não acontecia desde o já longínquo ano de 1994 - quando os autores dos gols nem eram nascidos.

O zagueiro Raul Gustavo, de 1999, e o lateral-esquerdo Lucas Piton, de 2000, foram os responsáveis por construir o placar do triunfo contra o Santos, válido pela décima partida do clube no Campeonato Paulista. O primeiro abriu o placar após sobra na área e o segundo anotou em cobrança de falta.

Ter dois jovens decidindo partidas de tamanha importância em termos de rivalidade faz a pesquisa precisar ir além do ano 2001, quando se iniciou esse século, para achar outra ocasião em que dois nomes saídos das categorias de base tenham balançado a rede de Santos, Palmeiras ou São Paulo no mesmo jogo.

Notícias relacionadas
Notícias relacionadas
Celso Unzelte agradece Mancini por chance a garotos no clássico: Ajudou por não atrapalhar Celso Unzelte 'agradece' Mancini por chance a garotos no clássico: 'Ajudou por não atrapalhar'
Em um jogo, Corinthians iguala número de gols na Vila dos últimos sete anos Em um jogo, Corinthians iguala número de gols na Vila dos últimos sete anos

A lembrança mais próxima data de 2 de dezembro de 1994, quando o Timão, envolvido na reta final do Brasileiro, foi derrotado por 4 a 3 pelo São Paulo, em partida válida pela Copa Conmebol. Na ocasião, o atacante Marques, recém-saído dos juniores, e o centroavante Casagrande, já na reta final da carreira, balançaram a rede.

Como Casagrande já estava em sua segunda passagem pelo Corinthians e fora revelado 15 anos antes, uma comparação mais justa se dá com a vitória por 3 a 0 sobre o Palmeiras, em maio de 1993.

Na ocasião, o zagueiro Marcelo Djian e o atacante Paulo Sérgio, revelados no clube e sem passagens por outros lugares no meio do caminho, participaram com gols no triunfo. Ambos, porém, já eram estabelecidos há um bom tempo no profissional quando estabeleceram essa combinação.

Veja mais em: Base do Corinthians e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Yuri Alberto é oficialmente jogador do Corinthians

    Corinthians anuncia contratação de Yuri Alberto

    ver detalhes
  • João Victor pode ter como destino o Porto FC

    Porto supera Benfica e já tenta antecipar saída de João Victor do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians superou o São Bernardo na Fazendinha

    Corinthians supera o São Bernardo na Fazendinha com golaço nos acréscimos

    ver detalhes
  • Willian deslocou o ombro direito no final do segundo tempo entre Corinthians e Boca Juniors

    Willian inicia fisioterapia no ombro após lesão durante jogo entre Corinthians e Boca Juniors

    ver detalhes
  • Conselheira do Corinthians foi ameaçada por Mané da Carne em reunião desta segunda-feira

    Conselheira do Corinthians abre queixa-crime contra Mané da Carne por ameaça de agressão em reunião

    ver detalhes
  • Corinthians abre venda de ingressos para jogo de volta das oitavas de final da Libertadores contra o Boca Juniors

    Corinthians abre venda de ingressos para jogo contra o Boca Juniors na Argentina; veja detalhes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x