'Mãe' do Corinthians Feminino, Tamires escreve carta sobre amor e carinho pelo filho

1.1 mil visualizações 12 comentários

Por Meu Timão

Tamires se divide entre o esporte e o filho Bernardo, de 11 anos, na tarefa de ser "mãe" de todas além dele

Tamires se divide entre o esporte e o filho Bernardo, de 11 anos, na tarefa de ser "mãe" de todas além dele

Lívia Villas Boas/Staff Images Women

Lateral-esquerda, capitã e uma das principais jogadoras do Corinthians Feminino e da Seleção Brasileira, Tamires também ostenta um posto único na equipe de maior sucesso dos últimos anos no clube do Parque São Jorge: é a "mãe" das jogadoras corinthianas na relação com o grupo de atletas, uma espécie de conselheira e dona de palavras de orientação para um elenco majoritariamente mais jovem.

A mãe extra-oficial de Ingryd, Victoria Albuquerque e companhia escreveu neste domingo, Dia das Mães, sobre como ser uma das poucas atletas da sua profissão que dividem o esporte em alto nível com a tarefa de criar o filho de verdade, Bernardo, atualmente com 11 anos de idade.

A chegada do filho representou um breve hiato da carreira nos gramados, foi no retorno que a defensora vivenciou a melhor fase profissional. A partir de então, passou a ser nome frequente nas convocações para a Seleção Brasileira. Com o apoio do seu fã número 1, Tamires se desdobrar para atingir a excelência em campo e na maternidade.

O relato emocionante sobre esse dia a dia foi compartilhado no site da Confederação Brasileira de Futebol e é registrado aqui no Meu Timão, justamente no dia em que ela se divide entre as homenagens recebidas e o importante duelo contra o Palmeiras, marcado para as 20h (de Brasília), pelo Campeonato Brasileiro.

Carta de Tamires, lateral do Corinthians, para o filho Bernardo, de 11 anos

"Ser atleta e mãe é acordar às 6h num pulo só, correr pro quarto do Bernardo e fazer um chamego de bom dia. Meu coração fica quentinho por saber que o meu maior presente conhece o amor mais puro que tem.

No caminho para a escola, quando ele não está tirando aquela última soneca, a gente escuta música e ouve as notícias do dia. Quando ele me dá um beijo de despedida e segue o seu caminho para estudar, bate aquele orgulho de mãe coruja. Minha primeira missão do dia está concluída: meu filho sabe que tudo que eu faço é pensando nele, e eu sei que a minha maior força vem desse sentimento incondicional.

O tempo passa rápido demais. Ontem mesmo ele era um bebê, que chegou na minha vida para colocar tudo em perspectiva e ampliar o sentido dela. Hoje, com 11 anos, é um menino com grandes sonhos, que tem um bigodinho crescendo e espinhas no rosto. Ele me ensina todos os dias a aproveitar cada segundo e também tá começando a deixar meus fios loiros esbranquiçados... Ê, “aborrescência”...

Eu busco sempre passar para ele todos os valores que a minha família prezou. Ser atleta exige disciplina, dedicação, entrega e responsabilidade constante. Ser mãe exige tudo isso, com uma pitada a mais de paciência, carinho, bom humor e jogo de cintura. Às vezes tenho que escutar “nossa, mãe, você tá brava”. E tá tudo bem, faz parte do processo.

Somos mulheres, e, portanto, multitarefas. Mas a verdade é que não existe um manual perfeito com todas as regras.

Enquanto ele está na escola, eu estou em casa me preparando para mais um dia de treinamentos. Gosto de me exercitar, de aprimorar o condicionamento físico e de saber que o investimento no meu esforço vai se transformar em frutos a serem colhidos na hora do jogo. No caso de uma atleta de alto rendimento, essa é a receita: preparação.

Sigo aprendendo todos os dias que a felicidade está no caminho. Enquanto seres humanos vamos errar e acertar, mas o que importa é buscar fazer o melhor a cada dia. Enfim, eu amo ser a mãe do Bernardo e sou apaixonada pelo esporte que pratico"

Veja mais em: Tamires e Corinthians Feminino.

Veja Mais:

  • Corinthians finalizou o primeiro treino preparatório para enfrentar o Bahia, no domingo, pelo Campeonato Brasileiro

    Corinthians se reapresenta e faz treino técnico e de finalizações de olho no duelo contra o Bahia

    ver detalhes
  • Paolo Guerrero deixou o Corinthians em 2015; jogador tem contrato com o Internacional até o final de 2021, mas não deve vir ao Timão

    Diretor de futebol do Corinthians nega procura por Paolo Guerrero: 'Não há interesse'

    ver detalhes
  • Organizadas do Corinthians apoiaram Movimento Salve O Corinthians e reivindicam postura da diretoria

    Movimento de torcedores e organizadas do Corinthians enviam carta com reivindicações à diretoria

    ver detalhes
  • Corinthians x Magnus realizaram clássico nesta quinta-feira

    Corinthians é derrotado pelo Magnus por 3 a 2 em jogo da Liga Nacional de Futsal

    ver detalhes
  • Da venda de Jucilei em 2011 até essas últimas penhoras das cotas do clube, o Caso J. Malucelli passou pela mesa de cinco presidentes: Andrés Sanchez, Mário Gobbi, Roberto de Andrade, Andrés Sanchez e, agora, Duilio Monteiro Alves

    Caso J. Malucelli: Corinthians paga R$ 22 milhões e tenta se livrar de outros R$ 6 mi na Justiça

    ver detalhes
  • Marquinhos começa como reserva, mas tem histórico de gols

    [Publi] Quanto vale um gol de um ex-Corinthians no jogo entre Brasil e Peru nesta quinta?

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x