Sylvinho elogia Fagner e não descarta possibilidade de usá-lo mais solto em jogos do Corinthians

2.1 mil visualizações 45 comentários

Por Meu Timão

Fagner se tornou o 17º jogador com mais jogos pelo Corinthians

Fagner se tornou o 17º jogador com mais jogos pelo Corinthians

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

O Corinthians ficou no empate sem gols com o Bahia na tarde deste domingo, em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2021. Fora de casa, a postura de Fagner mudou do primeiro para o segundo tempo. Após a volta do intervalo, o atleta ficou mais solto para subir ao ataque e Sylvinho fez comentários sobre ele.

"O Fagner é um atleta excepcional, eu tive a felicidade de participar da convocação dele para a Copa do Mundo, de outros jogos amistosos importantíssimos e de Eliminatórias da Copa do Mundo. Conheço muito bem o atleta. Quando cheguei no Corinthians como auxiliar em 2013, trabalhamos juntos", contou o treinador em entrevista coletiva.

Em seguida, o técnico afirmou que o ponto forte de Fagner é a defesa.

"O Fagner vem em linha de três desde o Vasco e se aperfeiçoou muito. A maior habilidade que ele conseguiu desenvolver e que fez com que o Fagner fosse esse Fagner que vocês estão vendo foi a parte defensiva. Isso aí não sou eu quem declaro, quem declara é o atleta. Inclusive em gratidão a um, dois, três profissionais que já passou a trabalhar, ele disse: eu virei realmente um lateral", continuou.

Respondendo aos questionamentos sobre as possibilidades do jogador atuar mais ofensivamente, Sylvinho relembrou as partidas contra o Atlético-GO.

"O Fagner têm amplas condições de ir para o ataque. Óbvio que o outro time adversário também sabe, assim como nós sabemos e vocês sabem. O Atlético-GO, por exemplo, só pra retroceder um pouco, jogou com dois laterais esquerdos praticamente em toda a eliminatória, no jogo que nós tivemos em casa, porque sabem que o Fagner é uma ameaça, um atleta que passa com qualidade, tem boa construção, bom passe e bom cruzamento", prosseguiu.

Para completar, não descartou sua utilização na parte ofensiva.

"No segundo tempo, as conexões foram boas e ele conseguiu encontrar mais espaço. É uma questão de resistência, você vai indo e vai quebrando a resistência do time adversário. O jogo vai diminuindo de intensidade, o cansaço vai vindo e você vai encontrá-lo mais fácil. É isso que ocorreu na partida durante o segundo tempo hoje. O Fagner é um atleta que nós vamos continuar usando na parte defensiva como sempre e na parte ofensiva o máximo que nós pudermos dele, porque ele tem pra dar", concluiu.

Fagner completou 406 jogos com a camisa corinthiana durante a partida e passou Wilson Mano, se tornando o 17º jogador com mais confrontos pelo Timão.

Veja mais em: Sylvinho e Fagner.

Veja Mais:

  • Corinthians foi derrotado pelo Flamengo jogando em casa

    Corinthians é dominado pelo Flamengo e perde mais uma jogando na Neo Química Arena

    ver detalhes
  • Mosquito foi eleito o melhor em campo pela torcida do Corinthians

    Mosquito é eleito melhor do Corinthians em tarde de notas ruins; Sylvinho e volantes vão mal

    ver detalhes
  • Torcida não poupou críticas ao Corinthians neste domingo

    Torcida do Corinthians perde a paciência e não poupa críticas a Sylvinho e elenco; veja tweets

    ver detalhes
  • Sylvinho se mostrou descontente com a atuação do Corinthians

    Sylvinho analisa falhas ofensivas e defensivas do Corinthians e vê time 'apático' contra o Flamengo

    ver detalhes
  • Gil discutiu com Gabigol na saída do intervalo

    Gil discute com Gabigol e atacante diz que Corinthians 'tem que saber perder'

    ver detalhes
  • Renato Augusto e Giuliano estão na Neo Química Arena

    Renato Augusto e Giuliano marcam presença em Corinthians e Flamengo na Neo Química Arena

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x