Sylvinho explica saída de Fagner e elogia desempenho do Corinthians no Ceará

23 mil visualizações 375 comentários

Por Meu Timão

Fagner deixou o campo e não estava na marcação de Yony no lance do gol porque alegou cansaço

Fagner deixou o campo e não estava na marcação de Yony no lance do gol porque alegou cansaço

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O técnico Sylvinho tratou de alguns temas da derrota por 2 a 1 do Corinthians contra o Ceará, na noite desta quinta-feira, no Castelão, lamentando bastante o que considerou um bom jogo da sua equipe, sem o resultado final. O comandante deixou claro que Fagner pediu para ser substituído e, por isso, João Pedro estava em campo no gol da vitória do adversário fazendo seu primeiro jogo pelo Timão.

"Fagner pediu pra sair. Atleta olhou para o banco, com sinal de quem tava completamente morto, e pediu substituição. Difícil mexer nessa linha de 4, quando pode ser 5 defensores, difícil entrar no ritmo. Jogo te leva pra umas circunstâncias e você pode não estar no mesmo nível que os atletas estão jogando, faz parte. Se ganha um grupo, se perde um grupo", avaliou, se negando a colocar o revés nas costas de Cássio e do estreante da noite.

"Não tem peso individual nenhum. Derrota deixa o vestiário triste, ainda mais com o que produzimos e entregamos. Corremos atrás do resultado o jogo inteiro, produzimos, boas substituições. Infelizmente, quando fizemos o empate, tomamos o gol rapidamente. Faz parte do campeonato que é difícil. Triste pelo resultado, mas uma performance e desempenho que buscamos um resultado melhor o tempo todo", continuou.

Nem mesmo o decepcionante resultado, porém, foi o bastante para fazer com que Sylvinho mudasse a sua visão sobre o futuro no Corinthians. O comandante acredita que a equipe ainda está longe de ter a cara que ele deseja e isso só será possível após a pré-temporada no ano que vem.

"Construção no futebol se necessita de tempo. Feliz de estar aqui há seis meses, brigando por uma vaga direta para Libertadores. Um cenário onde há cinco meses, ninguém acreditava no time. Cenário exterior e interior, que também era difícil. Estamos trabalhando, atletas que vem de cenários diferentes, na qual estão se readaptando ao futebol brasileiro e ao clube. Jogaram pouquíssimo os quatro (reforços) juntos", observou, valorizando também o que fez antes das contratações.

"Outro dado importante: viramos o primeiro turno em sexto, com, praticamente o mesmo time que começou o campeonato. Time que fez bastante, se esforçou e fez muito. Tudo isso, esses jovens que estão vindo, como Du, GP, Roni, atleta que teve lesão séria. Estou me alongando para falar do grupo. Jovens que estão subindo e feliz por eles, pela titularidade e capacidade de João. Os atletas que nos referimos como mais experientes, estão se adaptando e temos um outro grupo. Atletas que já ganharam muito no clube e ainda brilham os olhos para continuarem ganhando. Queremos terminar o Brasileiro, conquistar a vaga na Libertadores. A partir do ano que vem, aí, sim, você tem pré-temporada, jogadores já adaptados. Quero acreditar que, aí sim, começamos a falar de um grupo que foi transformado e construído", assegurou.

Por fim, Sylvinho fez uma análise sobre gols feitos e sofridos no futebol, outra vez se negando a culpabilizar algum atleta pelos lances capitais da partida. Segundo ele, o time sofreu ambos como um todo.

"Futebol é um esporte coletivo bastante complexo. Grandes partes dos gols, por mais que tenhamos qualidade dentro do campo no Brasileiro, que é qualificado, muitos dos gols se acontecem por falhas, quando a gente para para analisar. Isso é potencializado com os atletas em campo, que finalizam bem e fazem os gols, obviamente. Óbvio que não gostamos, corrigimos, se ganha e se perde assim. Já fizemos gols nos últimos minutos, tomamos gols nos últimos minutos, já fizemos gols quando adversários erraram e já tomamos quando erramos. Faz parte, é um grupo e a gente tem que trabalhar dessa maneira", concluiu.

Veja mais em: Sylvinho, Fagner, João Pedro e Corinthians x Ceará.

Veja Mais:

  • Giuliano concluiu a transição e deve ser relacionado para duelo com o Grêmio

    Corinthians faz treino tático para jogo contra o Grêmio e conta com retorno de Giuliano

    ver detalhes
  • Duilio Monteiro Alves (presidente) e José Colagrossi Neto (superintendente de marketing e comunicação) estão à frente das conversas com a empresa

    Corinthians e empresa do ramo de agronegócio negociam acordo de patrocínio; veja os detalhes

    ver detalhes
  • Róger Guedes defendeu o trabalho de Sylvinho no Corinthians

    Róger Guedes defende Sylvinho no Corinthians: 'Vai ser um dos melhores do Brasil'

    ver detalhes
  • Róger Guedes destacou ambições com a camisa do Corinthians para 2022

    Róger Guedes explica 'não' a clube árabe e destaca vontade de fazer história pelo Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians lança camisa em homenagem a Sócrates; em 2021, completam-se dez anos sem o ídolo alvinegro

    Corinthians lança camisa em homenagem a Sócrates; veja fotos e detalhes

    ver detalhes
  • Brabinhas fazem final contra o São Paulo na Neo Química Arena

    Corinthians divulga orientações para reservas de ingressos para a final do Paulista Feminino Sub-17

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x