Corinthians vence o Fortaleza com gol contra e reencontra a vitória no Brasileirão

24 mil visualizações 561 comentários

Gil e Júnior Moraes comemoram o gol do Corinthians contra o Fortaleza

Gil e Júnior Moraes comemoram o gol do Corinthians contra o Fortaleza

Danilo Fernandes / Meu Timão

Corinthians 1 X 0 Fortaleza

Brasileirão 2022
01 de maio de 2022, 16:00
Corinthians 1 x 0 Fortaleza
Neo Química Arena, São Paulo, SP.

O Corinthians recebeu o Fortaleza, na Neo Química Arena, neste domingo, pela quarta rodada o Campeonato Brasileiro. A equipe alvinegra venceu por 1 a 0, com gol contra de Matheus Jussa.

Na primeira etapa, o Corinthians viu o Fortaleza crescer conforme os minutos foram passando. O goleiro Cássio fez defesas importantes e ambas as equipes tiveram gols anulados. Outros pontos que chamaram a atenção no primeiro tempo foram as poucas finalizações do Timão e a substituição de Paulinho, que sentiu dores no joelho - Du Queiroz entrou no lugar.

Com algumas mudanças no segundo tempo, o Timão não demorou para demonstrar uma mudança de fato dentro das quatro linhas. Com apenas sete minutos, o Timão conseguiu abrir o placar com um gol contra de Matheus Jussa. O triunfo fez o Corinthians chegar aos nove pontos na tabela.

Anota aí, Fiel! - O próximo compromisso do Timão pelo Campeonato Brasileiro é no domingo que vem, dia 8 de maio, às 18h, contra o Red Bull Bragantino, fora de casa. Antes disso, na quarta-feira, a equipe do Parque São Jorge visita o Deportivo Cali, às 21h, pela Libertadores.

Escalação

O técnico Vítor Pereira testou negativo para Covid-19 e pôde estar na beira do gramado para dirigir o Corinthians neste domingo. O treinador foi a campo com a seguinte escalação: Cássio, Rafael Ramos, João Victor, Gil e Lucas Piton; Maycon, Paulinho e Willian; Renato Augusto, Róger Guedes e Júnior Moraes.

Escalação do Corinthians para o duelo contra o Fortaleza

Meu Timão

O jogo

Primeiro tempo

Nos minutos iniciais da partida, o Corinthians conseguiu criar algumas oportunidades para chegar no campo defensivo do Fortaleza. Aos dois minutos, Guedes tentou acionar Lucas Piton e, três minutos depois, Renato chegou a tentar um lançamento que parou nas mãos do goleiro Max. Em nenhuma das ocasiões, o Timão foi efetivo.

Aos sete minutos da primeira etapa, o Corinthians chegou a balançar as redes na Neo Química Arena. Júnior Moraes viu a bola sobrar dentro da área e caiu na tentativa de finalizar. A bola acabou tocando nos braços do atleta. Na sequência, o camisa 18 levantou e mandou para o fundo da rede, mas a arbitragem pegou o toque do atleta e anulou o tento. O VAR respeito a decisão em campo.

Aos 12 minutos, o Fortaleza fez a primeira finalização com mais perigo da partida. A equipe adversária cobrou um lateral e Renato Augusto não conseguiu dominar. Assim, a bola sobrou para Matheus Jussa, que soltou uma bomba de fora da área e viu Cássio fazer uma boa defesa.

Aos 16, a defesa corinthiana tomou um susto. Cássio tentou sair jogando, mas acabou vendo o ataque adversário recuperar a bola. Moisés, do Fortaleza, foi para cima da marcação do Timão e bateu de chapa, mandando por cima do gol do Corinthians.

A equipe cearense, que nunca conheceu uma vitória contra o Timão fora de casa, passou a crescer na partida disputada em Itaquera. O Fortaleza conseguiu firmar uma marcação alta e conseguia recuperar a posse de bola rapidamente.

O Corinthians teve a chance de alçar uma bola na área aos 18 minutos. Willian subiu em velocidade, passou por Juninho Capixaba, mas acabou sofrendo uma falta por trás de Matheus Jussa. Na batida, Renato Augusto tentou mandar na área, João Victor subiu para cabecear, mas não conseguiu finalizar.

O Fortaleza conseguiu marcar um gol aos 21 minutos. Mas também teve seu tento anulado, por impedimento. Moisés chutou uma bola em direção ao gol, Cássio defendeu e deu rebote para Silvio Romero. Pela vantagem conquistada no lance, o impedimento foi marcado e o tento adversário anulado. Essa foi a segunda finalização do Fortaleza de fora da área.

Aos 24 minutos, Paulinho caiu de mau jeito em uma disputa com Juninho Capixaba. O volante corinthiano chegou a bater o rosto no chão. Três minutos depois, em nova disputa, o camisa 15 do Timão caiu no chão chorando com dores no joelho. Vítor Pereira não demorou para chamar Du Queiroz e fez a alteração no Corinthians.

Aos 28 minutos do primeiro tempo, o Fortaleza já havia finalizado nove vezes, contra zero do Corinthians. Aos 36, Pikachu avançou pelo lado direito e cruzou após Lucas Piton perder a bola. O adversário encontrou Moisés na área, que dominou a bola e bateu colocado. A bola passou raspando na trave de Cássio.

O Corinthians conseguiu uma chegada aos 38 após o Fortaleza errar na saída de bola. Júnior Moraes foi acionado na área e disputou a bola com Benevenutto. O corinthiano caiu na área e pediu pênalti, mas a arbitragem não viu infração.

Aos 43, Renato Augusto acionou Róger Guedes pelo lado esquerdo. O camisa 9 do Corinthians foi levantado por Tinga e o árbitro pegou uma falta próxima da área. Guedes foi o responsável por efetuar a batida. A bola foi no canto inferior do goleiro Max - e ficou marcada como a primeira finalização alvinegra na partida. O Timão ainda teve um escanteio, mas não conseguiu aproveitar a chance. Assim, o primeiro tempo de jogo terminou em 0 a 0.

Segundo tempo

O Corinthians fez apenas uma alteração no intervalo para a segunda etapa. Raul Gustavo entrou em campo no lugar de Renato Augusto. Além disso, Róger Guedes e Willian inverteram as posições - o camisa 9 iniciou a etapa final pelo lado direito, enquanto o camisa 10 pela esquerda.

Nos primeiros minutos de jogo, o Corinthians demonstrou uma cara nova e não demorou para abrir o placar. Aos sete, o Timão teve uma cobrança de escanteio batida por Róger Guedes. Júnior Moraes e Gil subiram para tentar finalizar, mas a bola bateu em Matheus Jussa e foi para o fundo da rede em Itaquera.

Três minutos mais tarde, Hércules tentou responder. De fora da área, o meia do Fortaleza soltou uma bomba de fora da área, mas viu Cássio fazer a defesa em dois tempos. Aos 12, Silvio Romero passou por dois corinthianos e conseguiu cruzar na área, mas Rafael Ramos afastou o perigo.

Aos 15, Vítor Pereira voltou a fazer novas alterações no Timão. entrou no lugar de Júnior Moraes e Gustavo Mantuan ocupou a vaga de Róger Guedes no gramado. No minuto seguinte, o auxiliar corinthiano Luis Miguel levou um cartão amarelo por reclamação no banco de reservas.

O Corinthians quase conseguiu ampliar o placar com 21 minutos de jogo. Maycon cobrou um escanteio na medida para Gil. O zagueiro cabeceou com força, para baixo, para finalizar. O goleiro Max saltou e fez uma ótima defesa em cima da linha.

Aos 29 minutos, Mantuan, por pouco, não ampliou o marcador. Primeiro, Willian recebeu na ponta e cruzou na área. Gustavo Mantuan chegou de cabeça, mas mandou por cima do gol. No lance seguinte, o Fortaleza bobeou na saída de bola e Mantuan (de novo) subiu para o ataque. Ceballos tentou alcançar o corinthiano, que chutou em direção ao gol, mas viu a bola arrancar tinta da trave.

Na reta final da partida, aos 41 minutos, Vítor Pereira fez mais uma alteração no Corinthians. Dessa vez, o treinador tirou Willian de campo para a entrada de Gustavo Mosquito na Neo Química Arena. O camisa 10 saiu ao som de muitos aplausos em Itaquera.

A arbitragem ainda deu mais quatro minutos de acréscimos na segunda etapa. Rafael Ramos, inclusive, teve a tranquilidade de fazer um corte pelo lado direito e evitou o avanço dos adversários.

Aos 48, Cássio também fez uma ótima defesa para assegurar o placar favorável ao Timão em Itaquera. Assim, a partida já conhecia seus números finais. Corinthians 1 a 0 Fortaleza e mais três pontos na conta do Timão no Brasileiro.

Veja mais em: Corinthians x Fortaleza, Campeonato Brasileiro e Neo Química Arena.

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a notícia:

x