Relembre a campanha do Corinthians na conquista invicta da Libertadores 2012; veja jogo a jogo

10 mil visualizações 55 comentários

Corinthians conquistou a Libertadores 2012 de forma invicta

Corinthians conquistou a Libertadores 2012 de forma invicta

Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

O Corinthians comemora, nesta segunda-feira, uma década da conquista do título da Libertadores. A equipe do Parque São Jorge fez uma campanha irretocável há dez anos e ergueu a taça pela primeira vez na história.

Por isso, o Meu Timão relembra a trilha feita pelo elenco comandado pelo técnico Tite naquela disputa. Confira abaixo!

Fase de grupos

O Corinthians esteve presente no Grupo 6 da competição e disputou a fase de grupos com Deportivo Táchira, da Venezuela; Nacional, do Paraguai; e Cruz Azul, do México.

No primeiro duelo contra os venezuelanos, no dia 15 de fevereiro de 2012, o Corinthians jogou melhor contra os donos da casa e arrancou um empate com direito a gol no úlimo minuto. O tento foi marcado pelo volante Ralf.

Na sequência da competição, no dia 7 de março, o Timão recebeu os paraguaios do Nacional no Pacaembu. Dessa vez, o então campeão brasileiro teve uma atuação impecável e derrotou os adversários por 2 a 0 no Pacaembu. Dessa vez, quem garantiu o triunfo foi Danilo e Jorge Henrique.

Depois, o Corinthians visitou o Cruz Azul, no México, no dia 14 de março. A equipe do Parque São Jorge não jogou mal, mas não conseguiu vencer os donos da casa. O empate sem gols deixou o Corinthians com cinco pontos no final do primeiro turno.

Uma semana depois do empate contra os mexicanos fora de casa, o Timão abriu o segundo turno a todo vapor. No Pacaembu, o Corinthians recebeu o Cruz Azul e venceu os adversários por 1 a 0, com gol de Danilo. A vitória assegurou a equipe na liderança do Grupo 6 e precisando de um triunfo para classificar antecipadamente às oitavas.

E a lição de casa foi feita. Em 11 de abril, o Corinthians visitou o Nacional, do Paraguai, e venceu os donos da casa por 3 a 1. Com os gols de Jorge Henrique, Emerson Sheik e Elton, a equipe do técnico Tite garantiu presença no mata-mata da competição.

Já classificado, o Corinthians não tirou o pé no jogo que fechou a fase de grupos. O Timão recebeu o Deportivo Táchira no Pacaembu, no dia 18 de abril, e goleou os venezuelanos por sonoros 6 a 0. O atropelo teve gols de Paulinho, Danilo, Emerson Sheik, Jorge Henrique, Liedson e Douglas.

Com as quatro vitórias e dois empates na primeira fase, o Corinthians terminou na liderança do Grupo 6 com 14 pontos. O segundo classificado foi o Cruz Azul, do México, com 11 pontos. Nacional e Deportivo Táchira fecharam a fase de grupos com quatro e três pontos, respectivamente.

Oitavas de final

No mata-mata, o primeiro adversário enfrentado pelo Corinthians foi o Emelec, do Equador. A equipe se classificou em segundo do Grupo 2, um ponto atrás do Lanús, da Argentina. No grupo do Emelec, além dos hermanos, estavam o Flamengo e o Olímpia, do Paraguai.

O primeiro confronto aconteceu no dia 2 de maio. A partida foi disputada fora de casa, no Equador, já que o Timão fechou a fase de grupos como o segundo colocado na classificação geral. A equipe do Parque São Jorge só decidiria um mata-mata fora de casa se enfrentasse o Fluminense.

Na primeira partida, o Timão não enfrentou apenas os donos da casa. O time alvinegro também encarou uma arbitragem caseira, mas conseguiu arrancar um empate sem gols. O resultado deixava o jogo de volta em aberto.

Mas no dia 9 de maio de 2012 não teve outra história. O Corinthians dominou a partida jogando no Pacaembu e venceu o Emelec pelo placar de 3 a 0. Os gols foram marcados por Fábio Santos, Paulinho e Alex.

Quartas de final

Depois de despachar os equatorianos, o adversário das quartas-de-final era conhecido do Corinthians. A equipe encarou o Vasco da Gama, que deixou o Lanús para trás nas oitavas de final.

Na primeira partida, no dia 16 de maio, o Timão visitou os cariocas em São Januário. A torcida paulista foi recebida com milhos jogados na arquibancada pela torcida adversária. Em campo, um novo empate sem gols fez com que o Timão precisasse de uma vitória simples no Pacaembu para seguir na disputa pelo título.

No dia 23 daquele mesmo mês de maio, muitos torcedores corinthianos acreditam que a taça viria para o Corinthians após as "provações" contra os vascaínos. No histórico jogo em que Cássio fez a grande defesa contra Diego Souza, Paulinho marcou de cabeça e correu para abraçar a torcida no alambrado do Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho. Por 1 a 0, o Corinthians estava na semifinal da Libertadores 2012.

Semifinal

Se nas quartas o adversário já era conhecido, na semifinal o rival era extremamente conhecido. O Corinthians encarou o Santos, de Neymar, que no ano anterior havia levantado a taça da Libertadores. A equipe santista eliminou o Bolívar e o Vélez Sarsfield antes de encarar o Coritnhians.

A primeira semifinal foi disputada no dia 13 de junho. O que muitos achavam impossível, aconteceu na Vila Belmiro: o Corinthians jogou à vontade e saiu com a vitória por 1 a 0, com golaço de Emerson Sheik. Com isso, o Timão precisava somente de um empate em casa para chegar em sua primeira final da Libertadores.

Se um empate era preciso, foi justamente ele que aconteceu. No dia 20 de junho, quando o Corinthians recebeu o Santos no Pacaembu, não se viu uma atuação brilhante de nenhuma das equipes. O Santos saiu na frente, aos 35 do primeiro tempo, com Neymar. Esse placar levaria a partida para os pênaltis. Mas aos dois da segunda etapa, Danilo garantiu o empate aos corinthianos.

A igualdade foi mantida diante de quase 38 mil torcedores no Pacaembu. Ao apito final, o Timão confirmou sua primeira participação na decisão da Libertadores.

Final

A história desejou escrever um roteiro de filme para a grande final da Libertadores 2012. O Corinthians, invicto e pela primeira vez na decisão da competição, enfrentou um dos maiores campeões da taça. Os argentinos do Boca Juniors já tinham conquistado a Libertadores em seis oportunidades - o último título foi em 2007, ano fatídico para os corinthianos.

O confronto de ida aconteceu na Bombonera. Tite foi a campo com: Cássio; Alessandro, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Paulinho, Ralf e Alex; Jorge Henrique, Emerson Sheik e Danilo. Os titulares, os reservas e a Fiel viram os donos da casa abrirem o marcador aos 27 minutos do primeiro tempo com Roncaglia. A Bombonera foi abaixo, ensurdecedora, e fez o Corinthians tentar correr atrás de um empate que parecia impossível.

Quis a história que o gol de empate saísse dos pés mais improváveis naquela noite. Próximo dos minutos finais do jogo, Tite sacou o experiente Danilo para a entrada de Romarinho. O camisa 31, recém-chegado ao clube, tinha feito três partidas pelo Corinthians. A última delas tinha sido um Dérbi, contra o Palmeiras, em que ele próprio garantiu a vitória por 2 a 1 marcando os dois gols. Mas nem o mais otimista torcedor corinthiano pensou que veria o que viu.

Aos 41 minutos do segundo tempo, Paulinho desarmou Riquelme e acionou Emerson Sheik, que fez o giro e quase caiu. O camisa 11 encontrou Romarinho e fez o passa em profundidade para o jogador, que entrou sozinho na área, tocou por cima do goleiro e deixou tudo igual na Bombonera. O resultado deixa o Timão vivíssimo para o jogo de volta.

No dia 4 de julho de 2012, há exatos dez anos, o Corinthians recebeu o Boca Juniors em um ambiente de festa. A Fiel estava em peso no Pacaembu: 37.959 torcedores lotaram o estádio.

Os titules de Tite para a batalha final foram os mesmos do jogo de ida na Bombonera. E mais uma vez, teve show corinthiano em casa.

Em um jogo com o sentimento de dever cumprido desde o primeiro minuto, o Corinthians dominou a maior parte das ações da partida. Emerson Sheik foi o grande nome do duelo. O camisa 11 conseguiu tirar os argentinos do sério sem prejudicar o Timão. Pelo contrário, foi dos pés dele que saíram os dois gols do título. O primeiro, aos oito do segundo tempo. O segundo, aos 27 da mesma etapa.

Veja mais em: Libertadores da América, Jogos Históricos e História do Corinthians.

Veja Mais:

  • Willian volta à disposição do técnico Vítor Pereira

    Willian reforça o Corinthians em lista de 24 jogadores para enfrentar o Flamengo; veja nomes

    ver detalhes
  • Willian em ação durante treino do Corinthians, nesta segunda-feira

    Corinthians tem Willian em campo em último treino antes de enfrentar o Flamengo; veja provável time

    ver detalhes
  • Cambistas ficam em frente ao Maracanã para lugar com ingressos do setor visitante

    Cambistas vendem ingressos por mil reais para corinthianos no Rio de Janeiro

    ver detalhes
  • Mateus Vital pode ser negociado com o Real Valladolid, da Espanha

    Corinthians e time de Ronaldo Fenômeno negociam transferência de Mateus Vital

    ver detalhes
  • Corinthians decide uma vaga nas semifinais da Libertadores, nesta terça-feira, diante do Flamengo

    Como está seu nível de confiança para a classificação do Corinthians na Libertadores? Vote!

    ver detalhes
  • Corinthians e Palmeiras se enfrentam pelo Brasileirão neste sábado, às 19h, na Neo Química Arena

    Corinthians abre venda de ingressos para clássico contra o Palmeiras pelo Brasileirão; veja detalhes

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

  • Comentários mais curtidos

    Foto do perfil de Neto

    Ranking: 739º

    Neto 2006 comentários

    @neto.fiel2 em

    No começo do ano o Corinthians vendeu tudo que tinha do Ederson por 25 milhões, agora 6 meses depois ele acaba de ser vendido por 138milhões. Parabéns para os alienados que acharam um bom negócio, eu como sempre achei essa venda uma piada.
    Venderam o GP pela mixaria de 5 milhões de euros só pra pagar os atrasados do Corinthians, muitos Alienados como sempre acharam Boa a venda, e continuam assim, acharam bom negócio entregar o Mântuan por 10 milhões de euros, e agora acham normal o João Vitor por 7 milhões de euros. Por causa de vocês alienados que aceitam tudo que esse grupo vende, por causa de vocês e desses dirigentes bandidos, o Corinthians vai ficando cada ano mais pra trás de outros times aí. Corneteiros que passam pano pra Andrés, Duílio e toda gangue. Vocês merecem que o Corinthians não disputa título grande desde 2017. Vocês merecem isso.
    #FORA ALIENADOS E CORNETEIROS
    #DUÍLIO MENTIROSO SAFADO
    #ANDRÉS LIXO
    #JAÇA PILANTRA
    #ANDRE NEGÃO PILANTRA SAFADO E MUITO MAIS.
    #MANÉ DA CARNE MACHÃO COVARDE

  • Foto do perfil de Carlos

    Carlos 45 comentários

    @carlos.alberto.dos.8 em

    Nessa data histórica, conquistamos a América e alguns dias depois, o mundo. Vai Corinthians, meu amor!

  • Publicidade

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Felipe

    Ranking: 1º

    Felipe 68298 comentários

    55º. @lipao88 em

    2012 foi sensacional

  • Foto do perfil de Anderson

    Ranking: 913º

    Anderson 1714 comentários

    54º. @anderson.sccp7 em

    Vivendo do passado para não lembrar que nossos rivais tem 3 Libertadores.

    Vergonhoso como o Sanchez fez do Corinthians uma piada nos últimos anos.

  • Foto do perfil de César

    Ranking: 92º

    César 8209 comentários

    53º. @cesar.maraschiello.v em

    Momento histórico de lembrar a campanha que o Corinthians fez na Libertadores, campeão invicto, me lembro até hoje eu assistindo na casa do meu pai, velhos tempos...

  • Foto do perfil de LEONARDO

    Ranking: 1275º

    Leonardo 1317 comentários

    52º. @leonardo.verdani Apoiador em

    Título marcante, na memória eternamente!

  • Foto do perfil de Guilherme

    Ranking: 7181º

    Guilherme 219 comentários

    51º. @guilherme.conceicao5 em

    Certeza que em breve teremos momentos tão ou ainda mais felizes como esse da Liberta de 2012.
    Pois assim como nesse dia merecemos e (hoje por mais difícil que possa aparentar as coisas) somos merecedores de toda forma.
    Portanto o jeito é continuar trabalhando até que com todos nossos méritos de corintianos sejamos ainda mais felizes do que foi em 2012.
    E vai Corinthians!

  • Foto do perfil de Josubritto

    Ranking: 2741º

    Josubritto 669 comentários

    50º. @josubritto.britto em

    Poxa.cara.na vontade e na superacao.que título lindo o mis lindo que vivi no meu time como.amo.vc CORINTHIANS na derrota ou na vitória

  • Foto do perfil de O

    Ranking: 381º

    O 3304 comentários

    49º. @anti.fanatico em

    Para termos um time capacitado desses novamente só em Nárnia.

    Pois o que fizeram com o Corinthians depois de 2015, foi um preparo para canja de galinha.

    Depenaram até não sobrar nada.

    Estamos pagando caro pelas 'amadas' gestões passadas.

x