Venha fazer parte da KTO
x

Corinthians sofre derrota para o Red Bull Bragantino na estreia da temporada 2023

23 mil visualizações 968 comentários Reportar erro

Corinthians é derrotado na estreia da temporada 2023

Corinthians é derrotado na estreia da temporada 2023

Danilo Fernandes / Meu Timão

Red Bull Bragantino 1 X 0 Corinthians

Paulista 2023
15 de janeiro de 2023, 16:00
Red Bull Bragantino 1 x 0 Corinthians
Nabi Abi, Bragança Paulista, SP.

Neste domingo, o Corinthians estreou no Campeonato Paulista. A equipe comandada por Fernando Lázaro iniciou a temporada com derrota para o Red Bull Bragantino por 1 a 0. O gol do duelo foi marcado por Artur - veja os melhores momentos no vídeo abaixo.

Os primeiros 45 minutos de 2023 foram jogados em um ritmo lento, com o Timão pecando nos passes e finalizando apenas uma vez. Na defesa, o time de Bragança Paulista levou vantagem nas jogadas aéreas e levou perigo ao gol de Cássio.

Na segunda etapa, o grupo alvinegro passou a chegar com mais intensidade ao ataque e somou mais finalizações. O bom momento logo foi freado com bons ataques do Red Bull Bragantino, que acabou resultando no único gol da partida.

Anota aí, Fiel - o Corinthians volta a campo na quarta-feira, quando recebe o Água Santa. A bola rola às 19h30, na Neo Química Arena.

Escalação

Para seu primeiro jogo como técnico efetivo do Timão, Fernando Lázaro contou com desfalques: Renato Augusto, Paulinho, Adson, Yuri Alberto, Matheus Bidu e Romero. Com isso, o comandante alvinegro começou a partida com: Cássio; Fagner, Gil, Balbuena e Fábio Santos; Fausto, Du Queiroz, Maycon e Giuliano; Róger Guedes e Júnior Moraes.

Escalação

Meu Timão

O jogo

Primeiro tempo

Depois de dois meses sem entrar em campo, a partida começou com diversos erros das duas equipes. Aos dois minutos, a primeira chance do jogo foi do Red Bull Bragantino, que chegou com perigo e assustou a torcida corinthiana. A chegada animou o time de Bragança Paulista, que seguiu sufocando o Timão.

O Corinthians seguia buscando chegar até a meta adversária, mas pecava no último passe, possibilitando chances de contra-ataque dos mandantes. Sendo assim, com quase 20 minutos jogados, o clube do Parque São Jorge não somava nenhuma finalização.

As únicas tentativas do Timão apareciam depois de jogadas individuais de Róger Guedes, que acabavam sem levar perigo ao goleiro Cleiton. Depois de 27 minutos jogados, a arbitragem parou o jogo para hidratação dos atletas. Fernando Lázaro aproveitou a pausa para conversar com seu grupo de jogadores.

O papo acabou não surtindo efeito imediato e a melhor chance do jogo foi criada pelo Red Bull Bragantino, em cabeçada que fez Cássio trabalhar. Na sequência, em nova bola cruzada, a equipe da casa acertou o travessão do camisa 12 alvinegro.

A primeira finalização do Corinthians saiu aos 40 minutos, em jogada de Róger Guedes, que chutou fraco para defesa tranquila de Cleiton. A jogada não animou o time corinthiano, que seguiu acumulando erros.

Já nos acréscimos da primeira etapa, a lista de problemas para Fernando Lázaro aumentou. Fausto torceu o tornozelo e precisou deixar o campo. O argentino deu lugar ao colombiano Cantillo.

Os donos da casa voltaram a chegar com perigo na bola aérea, que terminou com nova defesa de Cássio. Desta forma, o primeiro tempo foi encerrado com o placar parcial de 0 a 0.

Segundo tempo

A segunda etapa começou no mesmo ritmo lento do primeiro tempo, com as duas equipes errando passes e sem apresentar agressividade ofensiva. O Corinthians seguia apresentando dificuldades nas bolas cruzadas e aos 10 minutos, o Red Bull Bragantino levou perigo ao gol defendido por Cássio.

Em boa chegada corinthiana, Du Queiroz finalizou por cima da meta de Cleiton. Logo na sequência, o volante alvinegro teve nova chance, mas acabou chutando fraco, facilitando a defesa do goleiro adversário. Os lances animaram o Timão, que novamente assustou o rival, após chute de Róger Guedes de fora da área.

A animação corinthiana quase acabou depois de um contra-ataque do Red Bull Bragantino, que terminou com bonita defesa de Cássio. Aos 21 minutos, os donos da casa novamente chegaram com perigo, após passe errado de Maycon.

O camisa 12 corinthiano seguia trabalhando e aos 25 minutos fez nova defesa após finalização de fora da área. A sequência de ataques do Red Bull Bragantino fez efeito e aos 29 minutos, Artur abriu o placar. Depois de cruzamento rasteiro de Hurtado, o atacante da equipe mandante só empurrou para o fundo das redes.

Após o tento sofrido, o Corinthians tentou rápida reação em jogada de Róger Guedes, que acabou com a bola passando por cima do gol defendido por Cleiton. Na sequência, o Timão voltou a acumular erros e o jogo perdeu a intensidade.

Já na reta final, o árbitro paralisou a partida após os torcedores corinthianos acenderem sinalizadores no setor visitante. Depois do retorno, Raphael Claus sinalizou oito minutos de acréscimos. Precisando balançar as redes, o Corinthians seguia buscando jogadas para quebrar a linha defensiva da equipe de Bragança.

Sem sucesso, a partida foi encerrada com o placar de 1 a 0 para o Red Bull Bragantino.

Veja mais em: Campeonato Paulista e Corinthians x Red Bull Bragantino.

Notas dadas aos personagens da partida

Titulares

Reservas

Treinador

Árbitro

Comente a notícia: