Venha fazer parte da KTO
x

Mano Menezes avalia trabalho no Corinthians e elogia comprometimento dos jogadores no Brasileirão

1.7 mil visualizações 38 comentários Reportar erro

Por André Udlis e Rodrigo Vessoni

Mano Menezes fez um balanço do trabalho desenvolvido no Corinthians na reta final de 2023

Jhony Inácio / Meu Timão

Após a vitória do Corinthians contra o Coritiba, por 2 a 0, na última rodada do Brasileirão, o técnico Mano Menezes comentou sobre a reta final de temporada do Timão na briga contra o rebaixamento e como foi o trabalho para buscar uma reação da equipe no campeonato. O treinador ainda disse que o elenco entendeu rapidamente o que precisavam fazer para fugir da queda para a Série B.

“Quando a gente chegou, e é importante ressaltar isso, o Corinthians nunca esteve entre os quatro últimos colocados do campeonato, mas a reta final de um campeonato como esse foi muito dura. E a gente teve de construir algo de onde tirar na reta final. Com bastante trabalho, os jogadores sempre se dedicaram muito. Em determinado momento desses jogos não haveria um futebol tão brilhante, mas teria de ter força física e mental para passar por essas questões, porque sempre acreditamos que não acontece com a gente (rebaixamento), mas acontece", disse o comandante.

"Os jogadores entenderam bem e com humildade o que a gente tentou construir nesse pequeno tempo de trabalho, uma ideia simples e bem objetiva para fazer esses jogos da reta final. Mas o Corinthians é muito forte como clube, porque seu torcedor empurra e ajuda muito, e nós certamente queríamos ter entregado algo ainda melhor, porque é sempre o objetivo de quem trabalha aqui e veste a camisa do Corinthians", complementou.

Mano Menezes preferiu não apontar os principais erros que encontrou no time quando chegou ao Corinthians. O treinador preferiu ocultar os detalhes pois não teve a chance de trabalhar com o elenco durante o ano, sendo assim, o técnico não quis apontar os equívocos do time pois isso pegaria o trabalho de outros treinadores que passaram pelo Timão em 2023.

Não gosto muito de ficar olhando para trás, principalmente porque não participei do trabalho integralmente. Caso contrário, iria aqui elencar certamente umas coisas bem objetivas para falar. Como participei apenas de dois meses, seria muito deselegante estar fazendo algum tipo de avaliação", comentou.

Mano apontou que o Corinthians não conseguiu se manter vivo na disputa do Brasileirão para subir na tabela, pois faltou vencer dois jogos em sequência para embalar no torneio e pensar em coisas maiores do que a briga contra o rebaixamento. Além disso, o técnico afirmou que apesar do momento ruim vivido, não se pode dizer que tinham apenas coisas ruins no time.

"Encerramos o trabalho sem o Corinthians vencer dois jogos consecutivos no campeonato, e quem não vence dois jogos consecutivos não faz campanha, isso é do ensinamento da competição. E as duas vitórias em sequência, além de dar os seis pontos para a equipe, elas dão confiança e embalo, uma coisa que os times têm de ter para construírem campanha em um campeonato tão duro", disse.

"Quando as equipes atravessam momentos difíceis, a gente tem de cuidar porque todo mundo passa a receber avaliações muito negativas, e tem coisa muito boa. Falamos com amigos do Coritiba na mesma linha. Você começa a achar que nada serve, e não é bem assim. Temos de ter bastante calma e conhecimento nas avaliações para tomar as decisões certas e avançar a partir de um diagnóstico interno bem feito”, finalizou Mano.

Por fim, Mano disse que reconhece o tamanho do Corinthians e que sabe que todos no clube precisam sempre dar o máximo pelo clube. O treinador analisou que as vezes o planejado não sai como haviam pensado e é necessário alguma mudança de rota para conseguir bons resultados dentro de campo.

Entendo perfeitamente. Ninguém do Corinthians vai ficar satisfeito com o que conseguiu fazer em termos de resultados finais na temporada, certamente não. Mas todos sabemos como é o futebol. Se você elencar jogadores que estão no grupo lá no início do ano, quando foram contratados, todos tinham uma expectativa bastante boa e grande", falou.

"O futebol tem uma realidade dura, às vezes as coisas se encaixam ou não. Aí vem as modificações de rota, e às vezes elas trazem mais prejuízo ou inconstância, aí você se depara com o objetivo mínimo que é fugir de uma situação dramática (como o rebaixamento). Sempre falo que embora insatisfeito e querendo mais, eu tenho de fazer o melhor na situação que está posta. É nesta situação que nós nos colocamos na reta final", finalizou Mano Menezes.

Veja mais em: Mano Menezes.

Veja Mais:

  • O balanço financeiro do Corinthians de 2023 foi o último relacionado à gestão de Duilio Monteiro Alves

    Dívidas e receitas: veja detalhes do balanço de 2023 do Corinthians que será votado na segunda-feira

    ver detalhes
  • Corinthians registra crescimento de 70% em dívidas de direitos de imagem em um ano

    Corinthians registra crescimento de 70% em dívidas de direitos de imagem em um ano; veja credores

    ver detalhes
  • A situação de Cássio tem preocupado o Corinthians nos bastidores

    Preocupada, diretoria do Corinthians marca reunião com Cássio após desabafo na Argentina

    ver detalhes
  • Raniele concedeu coletiva após a partida da última noite

    Volante do Corinthians comenta expulsão de Raul Gustavo e revela clima do vestiário

    ver detalhes
  • Wesley em ação durante jogo do Corinthians contra o Argentinos Juniors

    Auxiliar explica motivos para deixar Wesley no banco de reservas do Corinthians

    ver detalhes
  • O Corinthians possui mais de 100 atletas com contrato com o clube contando apenas essas duas categorias

    Corinthians chega à 26ª contratação para as duas principais categorias de base; veja lista e elencos

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: