Corinthians joga mal e perde para o lanterna América-MG

82 visualizações 0 comentários

Por Meu Timão

Timão não teve vida fácil em Uberlândia

Timão não teve vida fácil em Uberlândia

Ari Ferreira

A invasão corintiana em Uberlândia acabou em tragédia. Com um futebol muito abaixo do habitual, o Timão perdeu por 2 a 1 para lanterna América-MG e viu a chance de disparar no Brasileirão ir para o espaço. Jogando mal, a equipe de Tite pouco criou dentro de campo. Com o resultado, os paulistas ficam na liderança graças a ajuda do Santos, que bateu o Vasco na Vila Belmiro. A força da Fiel, que lotou o Parque do Sabiá, não fez a diferença dessa vez...

Se por um lado o Corinthians foi para o jogo sem sua zaga titular, já que Paulo André e Leandro Castán, suspensos, deram lucar para Chicão e Wallace, por outro o Timão tinha força total no setor ofensivo. Recuperado de dores musculares, Alex retornou ao time e, ao lado de Danilo, era a esperança de boas oportunidades. Na frente Liedson e Willian tinham a missão marcar os gols. Já o Coelho preteriu usar a experiência do ataque para tentar respirar no Brasileirão. A dupla Kempes e Fábio Júnior, rodada no futebol, conhece bem os atalhos para chegar à rede adversária.

O jogo

Apesar da empolgação da torcida do Corinthians nas arquibancadas, o time não começou bem a partida. Mesmo dominando a posse de bola, não criava lances de perigo. O primeiro só veio aos 13 minutos, quando Alex fez boa jogada e achou Liedson livre na área. O atacante bateu de primeira, mas sem muita força, a bola ficou fácil para Neneca.

A coisa começou a ficar difícil para os alvinegros logo em seguida, quando Alex sentiu a coxa esquerda. No seu lugar entrou Emerson. Enquanto isso, o América-MG ia se ajeitando em campo. Aos 16, Rodriguinho arriscou de longe e obrigou Julio Cesar a fazer boa defesa.

Com a bola nos pés, mas dando só passes laterais, o Timão conseguiu chegar de novo só aos 25. Fábio Santos deu bela arrancada do campo de defesa e, na cara do gol, bateu firme, obrigando Neneca fazer ótima defesa.

O castigo pelo futebol abaixo do esperado veio aos 33 minutos. Em um lance com Alessandro, Kempes caiu na entrada da área e o árbitro Jean Pierre apontou a marca do pênalti. Revoltados, os corintianos reclamaram muito pelo erro do árbitro. Na cobrança, o experiente Fábio Júnior converteu.

Atrás no placar, o Timão resolveu se mexer. A zaga do Coelho ia se segurando. Segurando mesmo. Aos 43 minutos Amaral segurou Emerson dentro da área e o árbitro voltou a marcar um penal. Desta vez, revolta dos americanos com o lance polêmico. Na cobrança, Chicão colocou no fundo da rede.

No segundo a mesma coisa. O Corinthians não criava nada e insistia em errar passes na construção de jogadas. Enquanto isso, o América assustava nos contra-ataques e ficava praticamente com todos os rebotes ofensivos.

Precisando da vitória, o Timão tentava a pressão. Do banco de reservas, Tite pedia para o time ir para o ataque. Na base do chuveirinho, Liedson não levava vantagem na área e a zaga ia se consagrando. Bem por cima, o trio ia tirando todas as bolas.

Vendo sua equipe mal, Tite tentava acordar o time com substituições. Welder e Edenilson nos lugares de Alessandro e Willian. Jogo bonito só se via nas arquibancadas, onde a Fiel ia fazendo sua parte com fumaça e sinalizadores.

A partir dos 30 minutos o Corinthians resolveu acordar. Marcando forte, o time de Parque São Jorge foi para o abafa, mas errava muito, principalmente, no último passe.

Irreconhecível em campo, o Corinthians sofreu o castigo em cima da hora. Aos 42 minutos, Amaral soltou a bomba na cobrança de falta e a bola morreu no canto esquerdo de Julio Cesar. Virada do lanterna para cima do ainda líder Corinthians. Já não dava mais tempo para nada...

Agora na próxima rodada o Corinthians recebe o Atlético-PR, no Pacaembu, no próximo domingo. Já o América vai até o Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense, no Engenhão, no próximo sábado.

FICHA TÉCNICA:
AMÉRICA-MG 2X1 CORINTHIANS

Estádio: Parque do Sabiá, Uberlândia (MG)
Data/hora: 6/11/2011 - 17h (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Auxiliares: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Julio Cesar Rodrigues Santos (RS)

Cartões amarelos: Micão, Fábio Júnior e Amaral (América-MG) / Alessandro e Chicão (Corinthians)
Gols: Fábio Júnior, 33'/1ºT (1-0), Chicão, 44'/1ºT (1-1), Carleto, 43'/2ºT (2-1)

AMÉRICA-MG: Neneca, Anderson, Micão e Everton; Marcos Rocha, Leandro Ferreira, Amaral, Rodriguinho e Thiago Carleto; Kempes (28'/2ºT, Léo) e Fábio Júnior (Dudu, 46'/2ºT). Técnico: Givanildo Oliveira.

CORINTHIANS: Julio Cesar; Alessandro (12'/2ºT Alessandro), Chicão, Wallace e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Danilo, Alex (Emerson, 15'/1ºT), Willian (25'/2ºT, Edenilson) e Liedson. Técnico: Tite.

Fonte: Lancenet

Veja Mais:

  • Corinthians pretende bater o martelo sobre Jô até o final deste mês

    Corinthians e Jô tentam equacionar diferença financeira para acordo; diretoria trabalha com prazo

    ver detalhes
  • Cássio participou de uma entrevista virtual coletiva nesta quinta-feira

    Cássio reforça discurso de maior corte salarial no Corinthians para evitar demissões

    ver detalhes
  • Bruno Méndez (20), Lucas Piton (19) e Carlos Augusto (21) são considerados três dos principais ativos do Corinthians, com boa chance de venda ao exterior

    Novo Pedrinho? Corinthians tem 22 jogadores com idade para despertar interesse de clubes de fora

    ver detalhes
  • ShopTimão lança camisetas em homenagem a Cássio

    Corinthians lança camisetas em homenagem a Cássio; veja modelos e como comprar

    ver detalhes
  • Live do Meu Timão: mercado da bola no Corinthians | Chegadas e saídas

    VÍDEO: Live do Meu Timão: mercado da bola no Corinthians | Chegadas e saídas

    ver detalhes
  • Corinthians tem cerca de 75 mil associados no Fiel Torcedor

    Corinthians desmente informação sobre queda no número de sócios após manifestações

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!