Thiago
Thiago

35 anos , de Boa Esperança do Sul

Thiago Maximo

Torcedor do site número: 435.740, cadastrado desde 23/12/2013

Aqui é Corinthians .

male

Estatísticas no Meu Timão

Última atividade no site em 29/10/2017 às 15h47

Ranking do Fórum

6.264º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

Faltam 8 comentários para o Thiago entrar no ranking

Ver Ranking

42 Comentários

98% de aprovação

169 Posts

86% de aprovação

35 Tópicos

8.139 Visualizações

2.713 Views por tópico

Atividades do Thiago no Meu Timão

Última interação no site em 18/10/2017 às 12h15

  • Thiago

    Thiago comentou na notícia: "Sem definição com o Corinthians, agente de Pablo se reúne com Bordeaux por possível plano B WhatsAppTelegramFacebookTwitterEmail"

    há 2 anos

    É melhor focar na base e começar a traçar medidas de ter um percentual dos jogadores acima de 70%, assim voltaremos a revelar e ter bons jogadores e o melhor de tudo na venda o clube vai ter o retorno em dinheiro para voltar a ser forte financeiramente, e para de ficar mendigando com discurso que não tem grana. E vai Corinthians.

    detalhes do comentário
  • Thiago

    Thiago comentou no vídeo: "VÍDEO: Troca do goleiro Walter pelo lateral Reinaldo WhatsAppTelegramFacebookTwitterEmail"

    há 2 anos

    Tá de brincadeira trocar o Walter goleiro top de linha por um refugo de lateral

    detalhes do comentário
  • Thiago

    Thiago comentou na notícia: "Em enquete, Fiel opina sobre quais emprestados devem ganhar chances no Corinthians em 2018"

    há 2 anos

    Pela ausência de jogadores defensivos acredito que o Yago merece recompor o elenco na reserva e disputar posição, tendo em vista até mesmo o possível desmanche após o término da temporada. Vale ressaltar que o defensor fez uma excelente partida contra o Timão e minimizou a maioria das chances dos nossos jogadores de frente.

    detalhes do comentário
  • Thiago

    Thiago comentou na notícia: "Goleiro Cabeção, ídolo da década de 50, completa 87 anos nesta quarta-feira"

    há 2 anos

    Temos que valorizar os grandes jogadores que defenderam o Timão em vida porque depois que vão para o céu fica somente a perda de ídolos e a memória do brasileiro é fraca.

    detalhes do comentário
  • Thiago

    Thiago postou em Notícias, no tópico "Modelo de gestão? Temos a a nossa arena mais essa foi uma ideia brilhante."

    há 2 anos

    Modelo de gestão? Temos a a nossa arena mais essa foi uma ideia brilhante.

    Cerro Porteño inaugura estádio erguido por torcedores e com gramas de 2014
    Cerro Porteño inaugura estádio erguido por torcedores e com gramas de 2014

    Em menos de três anos, time paraguaio constrói 'Nueva Olla', que custou 5% do Maracanã e teve ajuda de 40 torcedores membros de organizada do clube. Amistoso com Boca marca abertura oficial
    Enquanto vários clubes brasileiros sonham com um estádio próprio, o Cerro Porteño, um dos dois maiores clubes do Paraguai, inaugura sua nova casa. E com um preço de dar inveja a qualquer clube do Brasil: 22 milhões de dólares (cerca de R$ 69 milhões), o que corresponde a 5% do preço do Maracanã (R$ 1,2 bilhão). “La Nueva Olla” levou dois anos, oito meses e 18 dias para ser construído. Com uma grande festa e derrota por 2 a 1 para o Boca Juniors, a nova “cancha” do Ciclón foi apresentada aos torcedores na noite deste sábado.

    O Cerro Porteño tem o orgulho de dizer que agora tem o estádio mais moderno do Paraguai. Com capacidade para 45 mil torcedores – que lotaram o estádio neste sábado –, a nova casa da equipe foi erguida no lugar do antigo “La Olla”, no coração do bairro Obrero, em Assunção. E com um detalhe: 40 torcedores da principal torcida organizada do clube participaram da construção.
    A diretoria do Cerro contratou os torcedores, que participaram das obras por 18 meses, ao lado dos demais trabalhadores, que eram de uma empresa terceirizada. Segundo uma reportagem da agência AFP, os operários especiais tinham rendimento de 30 a 40% superior em comparação com os demais funcionários, e o número chegava a 60% a mais que o restante após boas vitórias do Ciclón.
    Outro detalhe chama atenção no novo estádio. Para o plantio do gramado, o Cerro Porteño usou apenas pedaços de grama que sobraram das arenas da Copa do Mundo do Brasil, em 2014. O clube já vendeu todas os camarotes VIP e tem registrado aumento considerável em novas adesões ao plano de sócios.
    Na festa de inauguração, neste sábado, várias personalidades e ídolos do Cerro estiveram presentes, incluindo o técnico da seleção paraguaia, “Chiqui” Arce. O presidente do Paraguai, Horacio Cartes, foi o responsável por cortar a fita, em ato que marcava a abertura oficial do estádio. Em campo, o Boca Juniors venceu com gols de Wilbar Barrios e Gonzalo Maroni. Diego Churín marcou para os paraguaios.

    detalhes do post
  • Thiago

    Thiago comentou na notícia: "Após conversas com o Corinthians, zagueiro assina com rival"

    há 2 anos

    Fez a pior escolha dos times da série A, foi para o Crefisa futebol clube, porque que tem dinheiro é a Crefisa e não os porcos e vai disputar posição com o refugo do Timão Edu Dracena kkkkkkkkkk

    detalhes do comentário
  • Thiago

    Thiago postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Corinthians está a 8 vitórias do título? Time encaminha média dos campeões"

    há 2 anos

    Jô contra o Grêmio: vantagem corintiana é de oito pontos, com um jogo a menos

    BRASILEIRÃO

    Classificação e jogos

    O Corinthians não entrou em campo no último fim de semana (jogo contra a Chapecoense foi adiado) e, mesmo assim, manteve a vantagem folgada na liderança do Campeonato Brasileiro. Com 47 pontos conquistados no primeiro turno, o time do técnico Fábio Carille encaminhou a busca pela média de vitórias obtidas pelos últimos campeões.

    Nos 19 jogos disputados até aqui, o Corinthians registrou 14 vitórias. Para atingir a média dos campeões, a equipe precisa vencer mais oito confrontos nas próximas 19 rodadas - dessa forma, alcançaria a média dos times que ergueram a taça (22 triunfos).

    No returno do Brasileirão, o Corinthians disputará nove partidas em Itaquera e atuará como visitante em outras dez oportunidades. O primeiro desafio em Itaquera será no próximo sábado, diante do Vitória, que luta contra o rebaixamento. Quatro dias depois, o time enfrenta a Chapecoense em Santa Catarina. Na sequência, o Atlético-GO na Arena Corinthians.

    Alan Morici/Framephoto/Estadão Conteúdo

    Corinthians soma 14 vitórias no Brasileiro

    Os 9 jogos do Corinthians como mandante

    Vitória - 19 de agosto

    Atlético-GO - 26 de agosto

    Vasco - 17 de setembro

    Coritiba - 1º de outubro

    Grêmio - 18 de outubro

    Palmeiras - 5 de novembro

    Avaí - 11 de novembro

    Fluminense - 15 de novembro

    Atlético-MG - 26 de novembro

     

    A conta dos campeões brasileiros 

    O Campeonato Brasileiro passou a ser disputado com 20 clubes em 2006. Dessa forma, os times passaram a disputar 38 partidas durante a competição. Os campeões, somaram, em média, 22 vitórias na campanha e 76 pontos. Relembre alguns casos.

    São Paulo 2006

    Rubens Cavallari/Folha Imagem

    Na primeira edição do Brasileirão com 20 clubes, o São Paulo conseguiu atingir a média exata: 22 vitórias. A equipe tricolor, dirigida por Muricy Ramalho, somou 78 pontos - para se ter uma ideia, o Corinthians de Carille precisaria de 31 pontos para igualar essa pontuação. 

    Flamengo 2009

    Ricardo Nogueira/Folha

    Em 2009, o Campeonato Brasileiro conheceu o campeão com menos pontos somados: o Flamengo, comandado por Adriano e Petkovic, que mostrou uma reação incrível no segundo turno da competição ao superar Palmeiras, Inter e São Paulo. Na ocasião, o time carioca somou 67 pontos, com 'apenas' 19 vitórias na campanha. 

    Corinthians 2011

    Fabio Braga/Folhapress

    Há seis anos, sob o comando de Tite, o Corinthians voltou a ser campeão brasileiro. Na trajetória até o título, a equipe alvinegra somou 71 pontos e conquistou 21 vitórias - a equipe atual necessita de mais sete triunfos para alcançar essa marca.

    Cruzeiro 2013

    Pedro Martins/Agif

    O time de Marcelo Oliveira garantiu o título brasileiro depois de alcançar a média exata de pontos dos campeões: 76. Para isso, a equipe mineira venceu 23 partidas na campanha vitoriosa.

    Três campeões incontestáveis

    Pedro Vilela/Getty Images e Paulo Whitaker/Reuters

    Nos últimos três anos, o Brasileirão teve campeões com aproveitamento muito alto - superior a 70%. Cruzeiro, Corinthians e Palmeiras conquistaram 24 triunfos, recorde do campeonato com 20 times. O time alvinegro é dono da melhor campanha, com 81 pontos. Já Cruzeiro e Palmeiras somaram 80 pontos ao fim da competição.

    É possível erguer a taça até com menos pontos

    Ricardo Nogueira/Folhapress

    Embora a média de pontos dos campeões seja de 76 pontos, a pontuação necessária para garantir o título é de 70, considerando a campanha das equipes que terminaram o campeonato na segunda posição.

    O São Paulo, em 2007, por exemplo, garantiu o título com 77 pontos, mas seria campeão com 63. O Santos, vice-campeão brasileiro naquela oportunidade, somou apenas 62 pontos.

    O melhor segundo colocado de todas as edições é justamente o maior adversário do Corinthians em 2017. O Grêmio, na edição 2008, fechou sua participação com 72 pontos e 21 vitórias - na ocasião, o São Paulo levantou a taça. Quatro anos depois, o Atlético-MG somou os mesmos 72 pontos, com 20 triunfos - o Fluminense sagrou-se campeão com 76 pontos e 22 vitórias.

    detalhes do post
  • Thiago

    Thiago postou em Notícias, no tópico "Corinthians tem negociações 'quentes' para patrocínio master, diz diretor"

    há 2 anos

    Corinthians tem negociações "quentes" para patrocínio master, diz diretor

    Fernando Sales, responsável pelo departamento de marketing do Timão, comenta tratativas para fechar acordo. Clube está sem anunciante desde a saída da Caixa, que mantém contato
    O contrato entre Corinthians e Caixa Econômica Federal se encerrou em abril, mas o banco ainda negocia para voltar a ser patrocinador master do clube. É o que afirma Fernando Sales, diretor de marketing do Timão. Ele acrescenta ainda que outras duas empresas estão com negociações avançadas pelo principal espaço publicitário do uniforme.
    Segundo o dirigente, uma série de exigências da empresa estatal, antiga parceira, impediram a renovação do vínculo há quatro meses. Agora, Corinthians e Caixa tentam flexibilizar algumas cláusulas contratuais para chegarem a um acordo.
    Embora não descarte o retorno do banco à camisa alvinegra, Sales diz que o clube vai seguir nas negociações com as outras empresas. Afinal, elas estão 'quentes'.
    Insisto: você acredita que o clube terminará o ano com um anunciante no espaço principal da camisa?
    – Eu estava torcendo tanto para a gente dar um notícia boa para a torcida antes do jogo contra o Flamengo (dia 30 de julho), mas não foi possível. Além da Caixa, estamos conversando com duas empresas, e está bem quente. A gente tem proposta até de agência de marketing esportivo, mas a gente não quer partir para um negócio desse. Se alguém pegar e falar que vende um contrato de dois anos, a gente faz na hora. Porque queremos ter uma relação, não posso ficar vendendo o master em jogo picado. O clube precisa de dinheiro, mas não posso queimar o produto, que é o de maior audiência na TV atualmente.

    detalhes do post
  • Thiago

    Thiago comentou na notícia: "Clube carioca monitora negociação entre Corinthians e Pablo"

    há 2 anos

    Se quiser ir para o Flamengo que va, aqui é o bercço de revelações e o Pedro Henrique já mostrou sua capacidade. Se ficar é bom se ir não será tão grande a baixa. E o outra trocar o Corinthians pelo Flamengo vai virar um Edu Deacena.

    detalhes do comentário
  • Thiago

    Thiago comentou na notícia: "Segundo portal, Corinthians consultou Bahia por meia pedido pela Fiel"

    há 2 anos

    O que eu acho é que enquanto o Timão não parar de vender seus jogadores principais o Corinthians terá o sucesso intermitente, tem que montar um elenco forte como os grandes da Europa, valorizar 100 porcento a base e porque não ter no mínimo 80 porcento do jogador da base? O dinheiro que o Corinthians tem que ganhar é em cima de jogadores revelação que não se encaixar no no elenco principal, se a idade dos jogadores da base expirar e não for ser aproveitado no time principal empreste os jogadores para que ganhem experiência e talvez voltarão ao time principal ou virarão dinheiro aos cofres do clube. Assim o clube dará estabilidade ao treinador para romper barreiras e ganhar títulos.
    Chega de comprar jogadores por baixo preço, fazer vitrine e na hora em que o time mais precisa vende o jogador a preço de banana.

    detalhes do comentário
`