Impressiona o quanto contratamos errado!

Fórum do Corinthians
Tópico popular Entenda as regras

André #328 @andre.felipe24 em 14/07/2015 às 16:15

O Corinthians durante muito tempo conseguiu formar boas equipes, com elencos fortes, porém, vez por outra fazendo apostas desnecessárias ou erradas e recentemente tivemos algumas delas e provavelmente virão mais por aí. Para comprovar isso, fiz uma lista de contratações mal feitas, tanto pela qualidade técnica quanto pela necessidade do elenco.

Cristian Baroni

Esse foi recente e veio como ídolo do Corinthians, com boa passagem pelo Fenerbahce e com a responsabilidade de chegar para ser um dos protagonistas do Timão na posição. Porém além de ter vindo com um dos maiores salários da equipe (400 mil mensais) e do fato do Corinthians já estar bem servido na posição com Elias, Ralf e Bruno Henrique, tomo uma grana que era pra ter sido utilizada já a época para um reserva do Guerrero, que era a posição carente e ainda é no Timão. Ricardo Oliveira foi oferecido no começo do ano e não apostamos por ser uma contratação arriscada de um cara de idade, como diria o Faustão 'erroooou'.

Nicolás Lodeiro Esse chegou com pompa de craque e para ser o segundo atacante que o Corinthians tanto precisava devida a má fase atravessada pelo Emerson Sheik e do Pato (mais um que vem pra lista), o que já foi um erro tendo em vista que ele é um meia recuado, estilo parecido ao do Renato Augusto. Apareceu no Timão por uma bagatela de 4 milhões de reais e não rendeu em nenhuma posição no Corinthians, ainda forçando a sua saída para o Boca que inclusive está nos dando um calote na negociação. Mais uma vez, nada de investir em um atacante descente e matador para fazer sombra ao 'corinthiano' Guerrero ainda em processo de renovação a época.

Rodriguinho

Veio do América Mineiro por uma bagatela de 4 milhões de reais, em que o banco BMG se propôs a ajudar o Timão na época para levar o jovem ao Parque São Jorge, uma quantia no mínimo exagerada para um moleque novo que tinha se destacado numa equipe pequena, uma aposta. Pois bem, a camisa pesou e o cara não rendeu, foi para o banco e acabou sendo emprestado ao Grêmio, onde fez algumas boas partidas, mas, de novo caiu de rendimento e foi ao mundo árabe no Al Sharjah, até retornar ao Corinthians onde não teve muita chance de mostrar se mudou (o que duvido muito)

Angel Romero

Eterna promessa, o garoto veio para mostrar que não era só um Justin Bieber paraguaio e... Não provou, chegou ao Timão custando cerca de 6.6 milhões de reais a época e simplesmente não rendeu, não se adaptou ao país, jogou em posição diferente da sua de costume (que é ser um atacante aberto) e essa parte não foi culpa dele, porém, foi uma grana alta para ser investida num garoto novo, uma promessa e está aí mais um rombo no nosso orçamento.

Alexandre Pato

Esse aí todo mundo já conhece a história, veio ao Corinthians por 40 milhões de reais, chegou como a estrela do time, o cara para virar ídolo, nos dar títulos, vender camisa, ser artilheiro e ainda nos render uma grana quando voltasse a Europa devida a sua passagem no Brasil e o final todos já sabemos. O cara realmente passou algum tempo jogando na posição errada, indo mais ao centro, como um falso 9 e não rendeu ao menos no começo por isso, porém, sua falta de responsabilidade, displicência, vontade e culminando isso tudo com aquele pênalti ridículo cobrado pra cima do Dida (logo do Dida Pato?), ele cavou sua saída do Timão e foi emprestado ao São Paulo recebendo metade do seu salário do Corinthians, totalizando um rombo de 500 mil reais por mês. A única coisa boa que isso nos rendeu foi o Jadson

Fora os salários, se somar todas essas contratações equivocadas veremos que tivemos um prejuízo de 54.6 milhões de reais, o que acho que daria pra montar um esquadrão digno de disputar todos os campeonatos para vencer e ainda evitaria nossa crise financeira. E tem gente que ainda põe a culpa da crise no estádio...

1.045 visualizações e 95 respostas neste tópico

Avaliação do tópico:

Responder tópico

Alexandre Kina #7.431 @alekina em 15/07/2015 às 13:58

O Romero veio sem custos sim, mas existe uma clausula que no final do contrato se o Corinthians não tiver vendido ele será obrigado a ressarcir o grupo que o adquiriu por 3 milhões de dolares todo este montante mais a correção do período.

Então o de graça pode ficar bem caro, visto que nessa fase será bem difícil vendê-lo por no mínimo o preço que pagaram.

Já o Cristian o torcedor estava no papel dele, pois não é pago para gerir um clube, cabia a diretoria avaliar se a contratação valia o risco ou não, caso não viesse seria somente mais um que a torcida pede e não vem.

Veja o caso do Renê Jr, você acha que necessitamos desta contratação a um custo de R$ 350.000,00 por mês em uma posição que temos 5 jogadores para 2 vagas.

Gustavo #1582 @kayser em 15/07/2015 às 13:21

" "

Cara, discordo de algumas coisas que você falou e você cometeu alguns equívocos.

1º) Romero não custou NADA ao Corinthians, o salário dele é baixo comparado ao resto do elenco e veio como promessa depois de ser artilheiro do paraguaio e chagar a seleção de seu país. Foi uma aposta que não vingou, mas acho que tem que apostar mesmo, ainda mais quando ele não causou um rombo nos cofres.

2º) Rodriguinho veio de 3 temporadas muito boas no América-MG, inclusive jogando na Série A e nos estadual fazendo gols de vitórias sobre Atlético e Cruzeiro. Ele chegou em 2013, mas o Tite nunca deu chances a ele. Na chegada do Mano ele começou como titular e foi bem, assim como o Uendel, mas o time era muito aberto e levava muitos gols. Uendel e ele foram sacados para a entrada do Fabio e de outro volante de marcação. Veja o Uendel agora voando. Foi para o Grêmio, foi bem, fez gols em 3 partidas seguidas e se tornou titular absoluto, aí contrataram o Felipão e ele preferiu jogar com um volante a mais e sacou ele, disse que não pretendi ficar com ele, então o Corinthians emprestou ele aos EAU onde fez belos gols.

3º) Cristian é ídolo, a maior parte da torcida queria ele de volta. Todo mundo no começo do ano achava que ele ia arrebentar. O Ralf, embora ainda possa render ao time, vem caindo ano a ano de produção e ficando cada vez mais pesado. Cristian também é um volante com um passe e chute melhor que o Ralf. Quanto ao BH, ele é horrível, o cara não acerta passe de 3m. O Elias comoeçou o ano como incógnita, muito irregular desde a volta, muitos queriam ele como reserva. Acho fácil falar agora que o Cristian foi um erro. Ainda acho que ele pode render quando recuperar seu ritmo de jogo.

4º) Lodeiro veio de boas temporadas no Botafogo e fez uma boa Copa do Mundo, não veio caro e não tínhamos muitos meias de qualidade. RA ainda estava na fase de vidro e Jadson estava com o futebol em baixa. Conseguimos vender e recuperar o valor.

5º) O Pato eu concordo.

E só para deixar claro, nos últimos anos contratamos Paulinho, Jucilei, Guilherme, Wiliam (o Bigode ou Cebola), Cássio, Felipe (agora jogando muito depois de xingarem muito ele), Uendel, Guerrero (que não era nada antes da gente) e por aí vai. Futebol tem que se arriscar mesmo. Se você for no futebol europeu vai ver uma série de escolhas questionáveis também.

Publicidade

Andre Pereira Moreira #293 @deda11 em 15/07/2015 às 13:44

Se deslumbro depois de 2012, agora só contratam jogadores em baixa na Europa e salários absurdos

Vamos retornar ao que deu certo jogadores de equipes de menores expressão no Brasil

Gustavo Kayser #1.582 @kayser em 15/07/2015 às 13:21

Cara, discordo de algumas coisas que você falou e você cometeu alguns equívocos.

1º) Romero não custou NADA ao Corinthians, o salário dele é baixo comparado ao resto do elenco e veio como promessa depois de ser artilheiro do paraguaio e chagar a seleção de seu país. Foi uma aposta que não vingou, mas acho que tem que apostar mesmo, ainda mais quando ele não causou um rombo nos cofres.

2º) Rodriguinho veio de 3 temporadas muito boas no América-MG, inclusive jogando na Série A e nos estadual fazendo gols de vitórias sobre Atlético e Cruzeiro. Ele chegou em 2013, mas o Tite nunca deu chances a ele. Na chegada do Mano ele começou como titular e foi bem, assim como o Uendel, mas o time era muito aberto e levava muitos gols. Uendel e ele foram sacados para a entrada do Fabio e de outro volante de marcação. Veja o Uendel agora voando. Foi para o Grêmio, foi bem, fez gols em 3 partidas seguidas e se tornou titular absoluto, aí contrataram o Felipão e ele preferiu jogar com um volante a mais e sacou ele, disse que não pretendi ficar com ele, então o Corinthians emprestou ele aos EAU onde fez belos gols.

3º) Cristian é ídolo, a maior parte da torcida queria ele de volta. Todo mundo no começo do ano achava que ele ia arrebentar. O Ralf, embora ainda possa render ao time, vem caindo ano a ano de produção e ficando cada vez mais pesado. Cristian também é um volante com um passe e chute melhor que o Ralf. Quanto ao BH, ele é horrível, o cara não acerta passe de 3m. O Elias comoeçou o ano como incógnita, muito irregular desde a volta, muitos queriam ele como reserva. Acho fácil falar agora que o Cristian foi um erro. Ainda acho que ele pode render quando recuperar seu ritmo de jogo.

4º) Lodeiro veio de boas temporadas no Botafogo e fez uma boa Copa do Mundo, não veio caro e não tínhamos muitos meias de qualidade. RA ainda estava na fase de vidro e Jadson estava com o futebol em baixa. Conseguimos vender e recuperar o valor.

5º) O Pato eu concordo.

E só para deixar claro, nos últimos anos contratamos Paulinho, Jucilei, Guilherme, Wiliam (o Bigode ou Cebola), Cássio, Felipe (agora jogando muito depois de xingarem muito ele), Uendel, Guerrero (que não era nada antes da gente) e por aí vai. Futebol tem que se arriscar mesmo. Se você for no futebol europeu vai ver uma série de escolhas questionáveis também.

André Felipe #328 @andre.felipe24 em 15/07/2015 às 13:05

Eu torci o nariz para o Romero, para o Rodriguinho, para o Cristian. O problema não é nem só o preço, é contratar jogador da posição carente, só se deve contratar jogador na posição carente. Se falta atacante você não traz o Cristian, trásum atacante, se falta um centroavante você não traz o Romero que joga pelos lados, é só essas coisas básicas que não precisa de bola de cristal pra saber

João #809 @joao.manoel.santos.n em 15/07/2015 às 12:59

" "

Algumas contratações poderiam ser realizadas, desde que num valor mais apropriado, ninguém tem bola de cristal para saber se Jogador X ou Y vai dar certo ou não.

Que atire a primeira pedra que não torceu o nariz quando chegou o Paulinho volante Campeão mundial pelo Corinthians e um dos heróis do jogo contra o vasco no Pacaembu...

João Manoel Santos Nascimento #809 @joao.manoel.santos.n em 15/07/2015 às 12:59

Algumas contratações poderiam ser realizadas, desde que num valor mais apropriado, ninguém tem bola de cristal para saber se Jogador X ou Y vai dar certo ou não.

Que atire a primeira pedra que não torceu o nariz quando chegou o Paulinho volante Campeão mundial pelo Corinthians e um dos heróis do jogo contra o vasco no Pacaembu...

Leury Cavalcante #278 @jacaa em 15/07/2015 às 12:54

Renato custou 6 milhões de euros, gil Corinthians pagou 3 milhões de euros, tipo mano concordo com você também, mas tou dizendo que sempre é um risco se contratar entende, agora fico indignado que qualquer gerson da vida do flu, custa uma baita grana, fora outros ai, e a bicha do pato fazendo gol ai e nada de um clube oferecer uma miseria de 8 a 10 milhões de euros por ele, isso lá fora é poka grana e o cara é novo e tá jogando até bem, não entendo viu, ou tem que ter esquemas e com o pato já foi feito e não compensa mais lavar dinheiro? Vamos acabar vendendo ele a prestacoes a longo prazo mesmo aos bambis, pois clima aqui não tem mais

André #328 @andre.felipe24 em 15/07/2015 às 12:26

" "

Me diz um desses aí que custou caro. Em jogador barato pode errar a vontade, pode trazer as apostas do Paulistão que se não derem certo pelo menos não viram um rombo financeiro. Dessas que eu citei todas foram contratações caras e dessas a única que teve lógica de trazer foi o Pato, mas, que ainda assim pagar metade do salário dele e não ter competência de vende-lo até agora é outro erro

André Felipe #328 @andre.felipe24 em 15/07/2015 às 12:27

Não acredito, ach que eles não entendem de bola mesmo

André Felipe #328 @andre.felipe24 em 15/07/2015 às 12:26

Me diz um desses aí que custou caro. Em jogador barato pode errar a vontade, pode trazer as apostas do Paulistão que se não derem certo pelo menos não viram um rombo financeiro. Dessas que eu citei todas foram contratações caras e dessas a única que teve lógica de trazer foi o Pato, mas, que ainda assim pagar metade do salário dele e não ter competência de vende-lo até agora é outro erro

leury #278 @jacaa em 15/07/2015 às 12:19

" "

Você só cita os que deram errado, e Bruno Henrique? Petros que foi embora, renato Augusto deu certo, gil deu certo, Fagner tá indo bem, wendell também..normal contratações derem errado ou certo, o único absurdo ai foi pagar os milhões de euros no pato, mas na época tinha e pagou a vista, com o dinheiro do paulinho e o money do título mundial, bem isso faz parte mano, até se você contratar um crake também pode dar errado,

André Felipe #328 @andre.felipe24 em 15/07/2015 às 12:24

A citação fo tópico é só para mostrar onde erramos, nem sempre da pra ir na onda da torcida, senão iriamos contratar muito pereba. O que a diretoria tem qie fazer é contratar só em posição que o Corinthians tá em falta, tá carente, se for pra trazer alguém fora de serie que seja um cara em boa fase, pra não dar tanta bola fora. Errar é humano, mas, alguns erros eram previstos

André Felipe #328 @andre.felipe24 em 15/07/2015 às 12:20

Poderiamos ter ido atrás de outro jogador mais consagrado e não tá trazendo menino que nem ficar longe do irmão consegue

Robson #14 @robson.oliveira4 em 15/07/2015 às 11:25

" "

Uma correção, o Corinthians não pagou nada no Romero a não ser o salari, foi trazido por investidores. Há uma clausula que obriga a pagar essa conta em Julho de 2019 caso não venda, mas haja incompetência pra não conseguir vendê-lo até lá