Seja titular, reserva ou misto, Corinthians imprimiu o mesmo padrão de jogo nos 19 confrontos da pri

Seja titular, reserva ou misto, Corinthians imprimiu o mesmo padrão de jogo nos 19 confrontos da pri

462 visualizações 0 comentários Comunicar erro

'Independentemente de quem entra ou de quem sai, Timão se mantém forte'

'Independentemente de quem entra ou de quem sai, Timão se mantém forte'

Foto: Divulgação

Um Corinthians com faces diferentes, mas com a mesma personalidade em campo. Este foi o diferencial corintiano no Campeonato Paulista e determinante para a boa performance na disputa da fase de grupos da Libertadores. O Timão com seus titulares, e sem todos eles ou apenas com reservas, imprimiu a mesma maneira de atuar e manteve a pegada para atingir 80,7% de aproveitamento, terminando como primeiro colocado da primeira fase do Estadual.

Foram 19 partidas, sendo 10 com o que Tite tinha de melhor em campo, quatro com o time misto e cinco somente com reservas, assim como foi na vitória por 2 a 1 contra a Ponte Preta, que sacramentou a liderança na primeira fase do torneio.

O MARCA BRASIL fez um levantamento de todos esse duelos e constatou: o Timão sempre joga com o mesmo padrão, com maior porcentagem de posse de bola e números parecidos de fundamentos em todas as partidas. A tal ‘treinabilidade’, tão pedida por Tite no dia a dia, surtiu efeito no números gerais do Timão, assim como na pontuação geral na tabela da competição.

Mais do que isso: a regularidade no desempenho atual é animadora - é muito similar à atingida na conquista do pentacampeonato brasileiro de 2011.

'Todos querem jogar, todos têm que estar preparados, temos um elenco qualificado. Independentemente de quem entra ou venha jogando é que a qualidade se mantém. O importante é manter um padrão', ressaltou o volante Paulinho, um dos titulares do time corintiano e que esteve presente em 14 jogos da primeira fase do Estadual.

'Se jogar os titulares contra o reservas em um jogo pra valer, vai ser um jogão. Qualquer um pode ganhar, o certo é que quem ganha é o Corinthians (risos)', brincou o camisa 8 corintiano com o MARCA BRASIL. 'O fato de ter dois times bons faz com que o treino seja em alto nível, o que melhora ainda mais o time', emendou.

A segurança de Tite - que usou 33 jogadores ao longo da competição, sem repetir nenhum vez a mesma escalação de uma partida para outra - deu ao time a condição de ter seus principais atletas, por poupá-los de alguns duelos, sempre em plenas condições para a disputa da Libertadores. Fato que ajudou o time a conseguir a classificação antecipada para as oitavas de final e ser um dos melhores da América.

 Reportagem de Felipe Piccoli e André Pires

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Campeão paulista, Balbuena levantou sua terceira taça como jogador do Corinthians

    Corinthians anuncia renovação de contrato de Balbuena

    ver detalhes
  • Roger pode estrear pelo Timão no domingo, contra o Atlético-MG, fora de casa

    Corinthians com centroavante? Carille prevê chances pontuais a Roger até Copa do Mundo

    ver detalhes
  • Sheik comemora gol sobre Mirassol na Arena; atacante vai a Salvador com Timão

    Com Sheik, sem Renê: veja lista de relacionados do Corinthians para jogo contra o Vitória

    ver detalhes
  • Carille aposta em retorno de trio para surpreender Vitória no Barradão

    Carille arma Corinthians com três mudanças para estreia na Copa do Brasil

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes