Cássio volta ao Corinthians contra o Palmeiras e ainda espera o carro que ganhou no Mundial

Cássio volta ao Corinthians contra o Palmeiras e ainda espera o carro que ganhou no Mundial

Cássio volta ao Corinthians contra o Palmeiras e ainda espera o carro que ganhou no Mundial

Cássio volta ao Corinthians contra o Palmeiras e ainda espera o carro que ganhou no Mundial

David Abramvezt
Do UOL, em São Paulo

Após um 2012 dos sonhos, quando brilhou nas conquistas da Libertadores e do Mundial pelo Corinthians, o goleiro Cássio ainda não conseguiu jogar nesta temporada. Tudo por causa de uma tendinite no ombro esquerdo. Mas a espera do goleiro vai acabar no próximo domingo, justamente em um momento que a torcida vai adorar: no clássico contra o Palmeiras, no Pacaembu, pelo Campeonato Paulista.
 
'Está confirmado. Eu vou jogar contra o Palmeiras. Não sinto mais dores e estou pronto para jogar a minha primeira partida neste ano', afirmou Cássio, ao UOL Esporte, antecipando a decisão que a comissão técnica corintiana comunicará nos próximos dias.
 
As dores no ombro ficaram no passado. Muito por conta do comprometimento do próprio jogador, que voltou uma semana antes das férias dadas aos titulares na conquista do Mundial para iniciar um tratamento intensivo no local. O objetivo era estar pronto para voltar na partida de estreia do Corinthians na Libertadores deste ano, no próximo dia 20, contra o San Jose, da Bolívia, em Oruro.
 
'Eu quis tratar bem para voltar só quando estivesse 100% recuperado das dores. O plano era voltar na estreia da Libertadores, mas deu para enfrentar o Palmeiras antes. Assim, eu vou ganhar ritmo de jogo antes de ir para a Bolívia', disse o camisa 12.
 
Para quem acha que Cássio já ganhou tudo que ele tem direito após o título mundial corintiano, ele ainda não recebeu o carro válido como prêmio por ter sido eleito o melhor jogador da decisão, no Japão. No próximo sábado, a vitória por 1 a 0 sobre o inglês Chelsea vai completar dois meses. E nada de a montadora japonesa Toyota enviar o modelo Prius, avaliado em R$ 120 mil, para o goleiro. O carro híbrido - que funciona por combustão ou energia elétrica - passou a ser vendido no Brasil, em janeiro, facilitando assim a entrega da premiação.
 
'Eu conversei com o pessoal da Toyota e eles disseram que logo vão mandar. Eu só não sei quando vai ser isso, fico esperando', explicou o corintiano.

 O arqueiro foi um dos mais animados foliões no último sábado, em um dos camarotes do sambódromo do Anhembi. Antes, disso ele esteve na avenida para ser homenageado pela Gaviões da Fiel. Cássio desfilou no alto de um carro alegórico que lembrava a conquista inédita da Libertadores pelo Corinthians. Réplicas gigantes da taça da competição continental enfeitavam o veículo.
 
'Foi a minha primeira vez no sambódromo. Estou muito feliz com o convite e por desfilar', comentou ele.
 
Por onde passava no Carnaval paulistano, Cássio era ovacionado. Os torcedores corintianos, em uma prática que já virou comum desde que o gaúcho virou ídolo alvinegro, pediam para beijar as mãos do atleta, lembrando que elas fizeram defesas importantíssimas para o sucesso do time do Parque São Jorge na última temporada.

Foto: UOL

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Jô passou em branco nesta noite de quarta, diante do Grêmio

    Corinthians não cria, apenas empata com Grêmio na Arena, mas mantém vantagem na liderança

    ver detalhes
  • Pablo está se recuperando de uma contratura muscular na coxa

    Agente de Pablo fala em prioridade do Corinthians e afirma: 'Só chamar para assinar'

    ver detalhes
  • Corinthians de Romero corre risco de ver Santos se aproximar

    Corinthians mantém diferença, mas tem de secar rival nesta quinta; veja classificação atualizada

    ver detalhes
  • Rodriguinho foi eleito o pior em campo

    Carille e dupla de meias são eleitos vilões de tropeço do Corinthians contra Grêmio

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes