Focada no Timão, Ponte fecha treinos da semana toda

Focada no Timão, Ponte fecha treinos da semana toda

Focada no Timão, Ponte fecha treinos da semana toda

Focada no Timão, Ponte fecha treinos da semana toda

A metade alvinegra de Campinas já respira o clima de decisão para o duelo contra o Corinthians pelas quartas-de-final do Campeonato Paulista. Disposta a usar todas as táticas para surpreender o time paulistano, no domingo, em casa, a Ponte Preta pretende apostar no mistério. Um exemplo disso é que o clube já confirmou que todos os treinos da semana serão com portões fechados.


Assim, na terça e na quarta-feira, os treinos serão no CT do Jardim Eulina a partir das 15h30, com atendimento aos à imprensa às 15 horas. Na quinta, a coletiva está marcada para às 14 horas e os jogadores seguem para o clube Círculo Militar às 15 horas. Na sexta, o treino é às 16 horas no Majestoso e as entrevistas serão realizadas às 15 horas.

A determinação atende a um pedido do técnico Guto Ferreira. O treinador sabe que qualquer detalhe pode ser determinante no duelo. 'É uma partida das mais difíceis, contra o campeão mundial, e nossa única vantagem nossa é de jogar aqui', ressaltou.

Principalmente porque Guto já sabe que não terá um de seus principais jogadores: o meia Ramirez. O peruano pertence ao Corinthians e a Ponte teria de pagar uma multa de R$ 500 mil se escalá-lo. 'Além disso, no dia seguinte, o contrato estaria rescindido por quebra de acordo, ou perderíamos o Ramirez para todo o ano', esclareceu o presidente Márcio Dell Volpe.

Após reunião realizada nesta segunda-feira, ficou estabelecido que os ingressos das quartas-de-final custarão R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia entrada) para as arquibancadas. A Ponte pretende destinar de 3,5 mil a 4 mil entradas para os corintianos. 'A carga definitiva dependerá da Polícia Militar', concluiu Della Volpe.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes