Tite admite vontade de renovar contrato até 2014 e descarta Inter de Milão

Tite admite vontade de renovar contrato até 2014 e descarta Inter de Milão

Tite admite vontade de renovar contrato até 2014 e descarta Inter de Milão

Tite admite vontade de renovar contrato até 2014 e descarta Inter de Milão

O técnico Tite foi questionado sobre o possível interesse da Inter de Milão no seu trabalho durante a participação no programa 'Bem, Amigos', do SporTV, na noite da última segunda-feira. Primeiro, o treinador tentou fugir do assunto, mas depois negou ter aberto negociação com a equipe italiana.

'Eu estou pensando no Corinthians, no foco da carreira, no jogo importante contra a Ponte', disse Tite.

Depois de ser apertado pelos integrantes do programa, ele falou sobre o assunto. 'Eu não tive nenhum contato com nenhum diretor e não abro essa possiblidade. E o Gilmar (seu empresário Gilmar Veloz) também não teve', afirmou o treinador.

'Você quer me colocar em saia justa', brincou Tite para a repórter Joanna de Assis, que fez a primeira pergunta.

No clube alvinegro desde o fim de 2010, Tite ainda falou que planeja renovar o contrato com o Corinthians por mais um ano e ficar até o fim de 2014 ?' o presidente Mario Gobbi já sinalizou que também tem o mesmo desejo.

'O meu projeto, se o Corinthians assim entender, o meu pensamento é fechar até 2014 e a partir dai as oportunidades surgirem', revelou o treinador.

Tite também falou sobre a disputa da Copa Libertadores e disse que preferia que os cruzamentos na fase de mata-mata fossem definidos através de sorteio e pela campanha dos times.

'Estava refletindo sobre isso e vendo a regra de um e de outro. E comecei a viajar e tentei me colocar em alguns aspectos. Uma constatação: será que o Atlético-MG preferia o São Paulo ou o Independente Santa Fé-COL, que tem a segunda melhor campanha? Será que o Tite preferia o Boca ou o Independente Santa Fé? É no mínimo questionável, porque o poderio técnico de um grupo não é o mesmo do outro. A minha opinião? Sorteio', afirmou.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes