Gobbi diz que não teme manifestações na Arena Corinthians e reclama de perseguição

Gobbi diz que não teme manifestações na Arena Corinthians e reclama de perseguição

Gobbi diz que não teme manifestações na Arena Corinthians e reclama de perseguição

Gobbi diz que não teme manifestações na Arena Corinthians e reclama de perseguição

Mauricio Duarte
Do UOL, em São Paulo

Mario Gobbi, presidente do Corinthians, acredita que a série de manifestações ocorridas durante a Copa das Confederações por conta dos gastos em estádios não chegará à Arena Corinthians. De acordo com o cartola, existe uma certa implicância em relação ao clube quando se trata desse assunto.

'O Corinthians ia fazer o estádio dele. Foi escolhido para ser o da Copa. Todos os estádios da Copa ganharam incentivos fiscais, não foi só o nosso. É que só falam da gente. Vai levar para Zona Leste, que é uma região carente, que precisa de emprego, desenvolvimento, o estádio vai levar isso para lá. Todos tiveram incentivos. Agora o Corinthians não pode. Porque os outros não vendem jornal, o que dá audiência é falar do Corinthians', disse.

Gobbi voltou a dizer também que o Corinthians pagará pelo estádio a longo prazo. 'Nós vamos pagar o estádio, pagar caro. Não é de graça. Vamos ceder para a Copa e perder um ano de receita para fazer a abertura lá. Eu não temo nada. Acho que o que foi feito foi no Brasil todo [manifestações]. E eu respeito a liberdade de manifestação e expressão. Manifestar-se é direito de todos. Depredação, violência, aí já pula a cerca e torna-se crime', explicou.

O mandatário esteve em um evento nesta quinta, em que o Corinthians lançou seu uniforme número 3. A camisa, azul, é uma referência a uma partida em que o clube representou a seleção brasileira em 1965, em um amistoso contra o Arsenal, da Inglaterra. Pato e Romarinho serviram de modelo para apresentar a roupa. A estreia da camisa será neste domingo, contra o Bahia, pelo Campeonato Brasileiro.

Foto: UOL

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Guilherme pode perder clássico em Itaquera

    Opção no sábado, Guilherme vira preocupação para Dérbi; goleiro retorna

    ver detalhes
  • Camacho vai ficar com a família no Rio de Janeiro

    Após perder o pai, Camacho é liberado e está fora do clássico contra o Palmeiras

    ver detalhes
  • Jadson atuou por cerca de 45 minutos e tem chances de pegar o Palmeiras

    Jadson é titular em jogo-treino do Corinthians, mostra desenvoltura e pode ser opção no clássico

    ver detalhes
  • Camacho e o pai Anizio Camacho

    Acidente em casa tira vida de pai de Camacho; mãe e irmão do jogador são hospitalizados

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes