Lula diz que governo de SP atendeu 'interesses comerciais' ao desistir do Morumbi para a Copa

Lula diz que governo de SP atendeu 'interesses comerciais' ao desistir do Morumbi para a Copa

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva acusou nesta quarta-feira o governo de São Paulo de atender a "interesses comerciais" ao desistir de viabilizar o estádio do Morumbi para sediar a Copa do Mundo de 2014 e ser palco da abertura da competição. Em entrevista a blogueiros no Palácio do Planalto, hoje pela manhã, Lula afirmou que o governo "não brigou corretamente".

"Não sei porque que o governo de São Paulo não brigou para defender o Morumbi. Não sei. É impensável você imaginar que São Paulo não vai ter a abertura ou o fechamento da Copa do Mundo", disse o presidente. "Acho que São Paulo não brigou corretamente. Na verdade, é para atender interesses comerciais".

Com a decisão, um novo estádio será erguido em Itaquera, na zona leste de São Paulo, ao custo de R$ 300 milhões. O estádio deve ser erguido em parceria entre o Corinthians e a construtora Odebrecht.

Além do governo paulista, o presidente também criticou a Fifa. Segundo Lula, a discussão sobre estacionamento, colocada como empecilho pela entidade, é "bobagem".

"A Fifa vem lá da Europa com um padrão europeu para nós? Eu participo de jogo no Morumbi desde 1962. Fui com 100 mil pessoas, com 80 mil pessoas, vi o Corinthians ser campeão, apanhar de monte do Santos lá, e nunca tive problema de trânsito. Daqui a pouco vão querer que a gente coloque um teleférico que pare no banco pro cara já cair sentado", disse.

O presidente ainda negou que as obras para a Copa estejam atrasadas.

Fonte: Folha

Enviado por: will2s

Veja Mais:

  • Corinthians/Americana pode não voltar a quadra no segundo semestre

    Campeão nacional, Corinthians/Americana chega ao fim, diz jornal

    ver detalhes
  • De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    De promessa a dispensado: ex-Corinthians, Cassini comunica saída da Ponte Preta

    ver detalhes
  • Cicinho, hoje no futebol búlgaro, deve pintar como reforço do Corinthians

    Final da Copa da Bulgária separa Corinthians de segunda contratação para o Brasileirão-2017

    ver detalhes
  • Pequeno torcedor conheceu também o xeque Al-Khelaifi, dono do clube francês

    Em Paris, torcedor-mirim surpreende xeique do PSG e pede contratação de atacante do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes