Corinthians x Palmeiras

Pelo Campeonato Paulista, o Corinthians enfrenta agora o Palmeiras

Acompanhe ao vivo

São Paulo terá Copa se Odebrecht cortar custo do estádio, diz ministro

São Paulo terá Copa se Odebrecht cortar custo do estádio, diz ministro

A Odebrecht SA tem até o início de julho para reduzir o custo do novo estádio do Corinthians em pelo menos 20 por cento para que a cidade de São Paulo possa sediar a abertura da Copa do Mundo de 2014, disse o ministro dos Esportes, Orlando Silva.

A Odebrecht, maior empresa de construção e engenharia da America Latina, fez uma estimativa inicial de que o chamado “Itaquerão”, com capacidade para 65.000 lugares, terá custo de R$ 1,07 bilhão, disse Silva. Um valor ao redor de R$ 800 milhões seria mais razoável, disse o ministro.

“Se deslanchar São Paulo, você terá o núcleo do problema resolvido”, disse Silva, 40 anos, em entrevista hoje na Bloomberg em São Paulo. “É a cidade mais importante do País e onde a gente quer fazer abertura da Copa.”

O País está avançando nos 85 projetos de mobilidade urbana nas 12 cidades escolhidas como sedes de jogos da Copa, infraestrutura de portos e aeroportos, além de construção e reforma de estádios, disse Silva. No Rio de Janeiro, os projetos também vão apoiar a preparação para as Olimpíadas de 2016.

Jacques Rogge, presidente do Comitê Olímpico Internacional, disse ontem que os aeroportos devem ser a prioridade.

As obras de preparação para a Copa são estimadas em R$ 23 bilhões, segundo o ministro. A maior parte do financiamento virá do governo.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social se comprometeu a liberar R$ 400 milhões para o novo estádio do Corinthians em São Paulo. A capital paulista também vai lançar um fundo imobiliário no valor de R$ 300 milhões para complementar o financiamento, que ainda precisa ser aprovado pela Câmara Municipal, disse o ministro. Bancos estatais não vão entrar com empréstimos adicionais para a obra, segundo Silva.

A Odebrecht disse que o contrato para a construção do estádio é um assunto a ser resolvido entre a empresa e o Corinthians nas próximas seis semanas, segundo nota enviada por e-mail. De acordo com a nota, o objetivo é concluir as obras até dezembro de 2013.

Fonte: Exame

Enviado por: Marcio

Veja Mais:

  • Corinthians x Palmeiras

    Na Arena Corinthians, o Timão enfrenta o Palmeiras pelo Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Kazim ganha nova chance no ataque do Corinthians no Dérbi

    Corinthians divulga escalação para clássico contra o Palmeiras; veja novidades

    ver detalhes
  • Marlone está fora do clássico

    Corinthians perde Marlone para o Dérbi na Arena

    ver detalhes
  • Camacho faz post emocionante sobre pai e agradece torcidas

    Camacho faz post emocionante sobre pai e agradece torcidas

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes