Estação Futebol reune ex-presidentes do Corinthians para debater

Estação Futebol reune ex-presidentes do Corinthians para debater

Estação Futebol reune ex-presidentes do Corinthians para debater

Estação Futebol reune ex-presidentes do Corinthians para debater

Em uma noite memorável de esclarecimentos e de muitas revelações, além de boas histórias relembradas, o Programa Estação Futebol reuniu, para debater, três ex-presidentes do Corinthians, Campeão Brasileiro de 2011. Marlene Matheus, Valdemar Pires e Alberto Dualib. Além deles, o apresentador Edigar Soares conduziu os comentaristas fixos, Artur Eugênio, Juarez Soares e Dalmo Pessoa, que enriqueceram o debate e contribuiram com informações exclusivas e precisa sobre o futebol nacional e internacional.


Na abertura do programa, o apresentador Edigar Soares chamou os comentaristas para falarem sobre o superclássico Real Madrid e Barcelona, que na tarde de sábado entraram em campo pelo Campeonato Espanhol. Artur Eugênio foi enfático em polêmico ao dizer que no Brasil, inclusive na Série B, existem jogos muito mais interessantes e que o duelo foi fraco. Juarez Soares concordou e acrescentou que o Santos poderá bater o Barça.

Em seguida, Edigar Soares criou polêmica ao perguntar aos comentaristas, se Messi estivesse no Santos, ele seria o melhor do mundo? E se Neymar estivesse no Barcelona, ele seria o melhor. Mais uma vez, em um comentário feliz, Juarez Soares afirmou que o Messi seria sim o melhor, assim como o Neymar lá na Espanha, porém, o craque santista teria que se adaptar ao Barcelona, pois quem chega lá tem que entrar no jogo deles, ou então, vai embora.

A vez dos 'presidentes'
Com a presença de três ex-mandatários do Corinthians, o tema que tomou conta da mesa foi as eleições que se aproxima e com isso a figura de Andres Sanches como presidente. Edigar Soares passou a palavar para Marlene Matheus que fez duras criticas ao autal presidente do Corinthias, lembrando o fato de que quando ele foi se candidatar, chamou ela para seu lado, mas depois atuou com descaso enquanto ele esteve a frente do departamento feminino.

'Tudo o que ele me prometou, inclusive a transpárência, não foi feita. Então, quando eu tive que fazer o relatório do departamento feminino, os funcionáriuos não me mandavam os números. Um funcionário me disse que ele, Andres pedia para não fazer. Quando fuo procurei, ele simplemesnte pediu para que não fizesse. Pedi demissão na hora, porque isso naum é transparência', disse a ex-presidente e a mulher de Vicente Matheus, o lendário presidente do clube.

Estádio Vicente Matheus, o Vicentão!
Sobre o estádio, Marlene afirmou que estão transformando o clube em partido politico, fazendo alusão à presença constante do nome do Lula (ex-presidente do Brasil) vinculado ao time.

'Estão querendo colocar o nome do Lula no Estádio. Ele não fez nada pelo clube. Quem prestou mais ao timão foi o Vicente e eu vou lançar o nome de vicente mateus para o estadio. A campanha está lançada aqui, no Estação Futebol', finalizou Marlene.

Arrependimento de Dualib
Questionado sobre do que se arrepende nos anos em que foi presidente, Dualib (foto) não escondeu a mágoa sobre a forma em que teve que deixar o clube e revelou que não acompanha a atual diretoria e que pouco pode falar sobre eles.

'Me arrependo de não ter saido em 2000, quando o Corinthians foi Campeão mundial. Deveira ter saido imediatamente. Dei ouvidos para quem estava ali e acabei mal. Saindo de forma vergonhosa e triste. Isso me afastou do clube, da politica do clube. Sobre Andres e as eleições, eu não quero me manifestar, pois estou afastado e não acompanho nada sobre o pessoal que esta no clube. Não tenho nada para acrescentar sobre isso.' disse o ex-presidente e polêmico Dualib.

No final do programa, Edigar Soares perguntou a ele qual maior tristeza a frente do Corinthians. E com o setimento de torcedor ele não escondeu: 'Foi perder a Libertadores'. Dualib se referia ao ano de 2000, quando o Timão foi eliminado pelo arquirival Palmeiras, na disputa de pênalti, quando Marcos defendeu o pênalti de Marcelinho Carioca.

Quem será o dono do Estádio
Valdemar Pires, ex-presidente e com larga experiência no ramo imobiliário foi aborado para falar sobre os recursos do novo estádio do Corinthians. Com mais de 40 anos no ramo, Pires afirmou que o Estádio pertencerá ao fundo imobiliário que está sendo criado.

'O Fundo nada mais é do que investidores que aplicarão dinheiro no estádio e tocar o projeto para frente. Os cotistas, assim serão chamoados os pertecentes ao fundo, farão isso prevendo lucro e desta forma serão os verdadeiros donos do novo estádio corintiano', afirmou o ex-presidente alimentando a polêmica que deverá ter muitos capitulos, até que a criação do fundo seja aprovada.

O Programa Estação Futebol vai ao ar todas as segundas-feira pelo Portal Futebol Interior. Além disso, os telespectadores poderão acompanhar a íntegra do programa no Canal 13 da NET, a partir das 22 horas.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Filha dá resposta sensacional ao pai palmeirense: 'Vai, Corinthians'

    Pai força garotinha a cantar música do Palmeiras, e ela surpreende com um 'Vai, Corinthians!'

    ver detalhes
  • Gaviões da Fiel se unirá as outras torcidas organizadas paulitas neste domingo

    Organizadas rivais de São Paulo se unem em evento no Pacaembu em homenagem à Chape

    ver detalhes
  • Oswaldo opinou sobre empréstimo de jogadores à Chape

    Oswaldo opina sobre empréstimo de jogadores do Corinthians à Chapecoense

    ver detalhes
  • Arana pode se transferir para a Inter de Milão nos próximos dias

    Com oferta na mão, Corinthians espera retorno de presidente para definir venda de Arana

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes