No auge, Paulinho mira voos mais altos

No auge, Paulinho mira voos mais altos

Quando a diretoria anunciou a contratação de Paulinho em 2009, a torcida torceu o nariz. Afinal, quem era aquele jogador que chegava do Bragantino? Em seu quarto ano no clube, o camisa 8 vive o auge da sua carreira, lembrado pela Seleção e entre especulações do interesse de grandes clubes europeus. Como consequência, a mudança de status diante da torcida. De mera aposta, o volante é uma das referências da equipe e a pressão é proporcional.

Ao lado de Ralf, Paulinho virou um termômetro do esquema do técnico Tite. Quando os dois dominam o meio de campo, a vitória vem com facilidade. Por este motivo, a cada partida, a responsabilidade é maior nas costas do camisa 8. Mesmo assim, ele age com naturalidade diante da pressão.

'Tem uma responsabilidade maior devido às competições que temos para disputar neste ano. A responsabilidade é parecida com a do ano passado, ela continua para que possa desempenhar o mesmo futebol', avaliou Paulinho em entrevista ao MARCA BRASIL.

Se para muitos apresentar o mesmo futebol pode ser o suficiente para satisfazer o torcedor, Paulinho é mais exigente. Depois de chegar no topo, ele quer se manter para alçar voos mais altos. Para isso, ele prega o trabalho e aperfeiçoamento.

'Tem que manter a regularidade. O nosso elenco é muito forte, qualificado. Tem que provar a cada dia, trabalhar fortemente sempre para permanecer na equipe. Temos que crescer todos os dias, sempre tem algo a melhorar. Não só eu, todo o Corinthians tem que apresentar algo diferente sempre', destacou o camisa 8 do Timão.

E uma das armas na consagração de Paulinho é sua capacidade de chegar como elemento surpresa no ataque. No Brasileirão, foram oito gols. Até agora, em quatro partidas em 2012, ele ainda não balançou as redes. Mesmo assim, o volante mantém a tranquilidade.

'Está no início da temporada. Minha função primeiro é marcar, primeiro dar o suporte para o Ralf, os zagueiros e laterais, depois chegar à frente', minimiza o sorridente jogador corintiano, que ainda busca sua melhor forma física.

Quando a velha condição física voltar, Paulinho quer mostrar que pode continuar no topo no Parque São Jorge.

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Desfalque diante do Vitória, Pablo está recuperado e deve viajar a Goiânia

    Treino do Corinthians tem rachão com 'morte súbita', 'desafio' a Clayson e disputa de pênaltis

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes
  • Para presidente corinthiano, aporte da Crefisa no Palmeiras é 'ponto fora da curva'

    'Desleal', diz Roberto de Andrade sobre apoio da Crefisa ao arquirrival do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes