Corinthians 1 x 0 São Paulo - Obrigado e volte sempre, freguês!

Corinthians 1 x 0 São Paulo - Obrigado e volte sempre, freguês!

' Um novo ano começou e disputar um clássico continua a ser um problema para o São Paulo. Sobretudo se o adversário é o Corinthians. Em uma partida emocionante e nervosa ao mesmo tempo, o Timão bateu o Tricolor, por 1 a 0, na tarde deste domingo, e confirmou a fama de freguês do rival. A Rádio FI transmitiu essa partida, válida pela sétima rodada do Campeonato Paulista, direto do Pacaembu, em São Paulo.

Além de derrubar a invencibilidade do Tricolor, o time alvinegro também se manteve sem perder. De quebra, continua dividindo a liderança com o Palmeiras, que também soma 17 pontos, mas leva vantagem no saldo de gols (8 a 6). Alvinegros e alviverdes, agora, são os últimos invictos do Paulistão.

Por outro lado, o Sampa perdeu uma grande oportunidade de se manter na liderança. Com este tropeço, o time caiu para a quarta posição, com 14 pontos. Está atrás também do surpreendente Guarani, que chegou aos 16 pontos e assumiu o terceiro lugar.

E a história continua...
Não bastasse isso, os são-paulinos também confirmaram a fama de fregueses. Nos últimos 15 clássicos contra o Corinthians, o clube do Morumbi perdeu nada menos que nove. Ainda aconteceram cinco empates e uma vitória tricolor, que aconteceu no Paulistão do ano passado, por 2 a 1. Jogo que marcou o centésimo gol de Rogério Ceni.

No retrospecto geral, o Timão também aumenta a vantagem. Os dois times já se enfrentaram 295 vezes ao longo da história e os alvinegros têm um desempenho amplamente favorável. São 123 vitórias corintianas, 92 empates e 89 vitórias são paulinas.

Tempestade e muita emoção
Apesar da forte chuva que caía no Pacaembu, o Corinthians fez seu papel de time mandante e começou o jogo acuando o São Paulo. Apoiado por seu torcedor, que fazia muita pressão, o Alvinegro quase abriu o placar aos 11 minutos. O meia Danilo recebeu do lateral Fábio Santos, pela esquerda e soltou uma bomba, cruzada, para grande defesa do goleiro Dênis.

O ?abafa? corintiano finalmente surtiu efeito aos 21 minutos, quando o time de Tite abriu o placar. O atacante Jorge Henrique cobrou escanteio da esquerda, a bola passou na pequena área e o Danilo apareceu livre para desviar de cabeça, sem chances de defesa para Dênis.

Somente depois de sofrer o gol, o Tricolor passou a trabalhar mais a bola e buscar o ataque. Aí, quem começou a sofrer a pressão foi o Timão. Apesar da melhora são-paulina, quem quase fez o gol de novo foi o clube do Parque São Jorge. Aos 36, Fábio Santos invadiu a área em velocidade pela esquerda e bateu cruzado. Dênis não segurou a bola molhada, que passou à frente do gol até que a zaga afastasse.

Nos últimos minutos, o Sampa teve duas chances de ouro para empatar. Aos 43 minutos, o meia Jadson cobrou falta na área, o zagueiro Rhodolfo cabeceou e o Ralf tirou em cima da linha. Na sequência, o lateral Cortez foi derrubado na área por Alessandro. Na cobrança do pênalti, porém, Jadson pegou muito embaixo da bola e mandou quase no tobogã.

O pênalti desperdiçado levou a torcida corintiana à loucura e o Pacaembu tornou-se um verdadeiro caldeirão. No final, aos 46 minutos, quase a massa a alvinegro comemorou outro gol. O zagueiro Chicão cobrou falta na área e o defensor Leandro Castán desviou de cabeça, tirando tinta da trave esquerda de Dênis.

Restou lutar...
Depois de um primeiro tempo eletrizante, o segundo começou um pouco mais cadenciado. Apesar disos, o São Paulo continuou com maior posse de bola, enquanto o Corinthians se fechava para armar o bote no contra-ataque. A forte marcação corintiana foi deixando os são-paulinos, que já estavam nervosos, ainda mais fora de controle.

Aos 14, o técnico Emerson Leão decidiu radicalizar e fez suas três substituições. Saíram Jadson, Casemiro e Willian José para as entradas de Fernandinho, Maicon e Osvaldo. O problema é que os planos do treinador foram por água abaixo um minuto depois. Isso porque João Felipe, demonstrando descontrole emocional, acertou Jorge Henrique por trás, sem bola e foi expulso.

Com um a menos, a situação ficou ainda mais complicada para o Tricolor.

Próximos Jogos
No próximo sábado, às 16h20, o Corinthians volta a campo para enfrentar o São Caetano, no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Enquanto isso, o São Paulo joga contra o Paulista, na quarta-feira, às 19h30, no Morumbi, na Capital.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Farfán foi companheiro de Guerrero na seleção do Peru

    Jornalista revela interesse do Corinthians em atacante peruano

    ver detalhes
  • Camisa a ser usada pelo Corinthians contra o Cruzeiro tem escudo da Chapecoense

    Em ação no Twitter, Corinthians exibe uniforme em homenagem à Chapecoense

    ver detalhes
  • Equipe feminina do Timão foi ao CT Joaquim Grava no início de novembro

    Corinthians renova parceria com Audax e confirma equipe feminina para 2017

    ver detalhes
  • Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    Castán posta foto com taça do penta e recebe pedidos para voltar; veja

    ver detalhes

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!

  • 1000 caracteres restantes