Com reservas, Corinthians estreia em casa no Brasileiro

Com reservas, Corinthians estreia em casa no Brasileiro

De um lado o atual campeão, do outro, o dono do título de 2010. Ambos nas quartas de final da Copa Libertadores e com possibilidade de reencontro em breve. Corinthians e Fluminense se enfrentam neste domingo, às 16 horas, no Pacaembu, na abertura do Campeonato Brasileiro, em um duelo que agitou o País nos últimos anos, mas que estará esvaziado, recheado de reservas, por causa da presença de ambos na competição continental, na qual, não escondem, estão suas cabeças no momento.


Mesmo pensando em outra competição, a ordem do técnico Tite é largar bem como em 2011 - fez 28 pontos em 30 possíveis - para não ficar para trás e, de quebra, jogar pressão nos outros. E, apesar de poupar sua equipe principal, o time alternativo de Tite tem tudo para desempenhar um bom papel.

A começar pelo gol, no qual Cássio defende a sua invencibilidade de 360 minutos sem sofrer gols, já que passou ileso nos quatro jogos realizados pelo time. 'Quanto mais jogos fizer, melhor para adquirir ritmo. Sabemos da importância da Libertadores, mas agora temos de dar um tempinho e pensar no Brasileiro', afirmou Cássio. 'Sabemos da nossa prioridade, porém vamos também nos dedicar bastante no Nacional, buscar uma largada com vitória para não ter de buscar reabilitação lá na frente'.

Os laterais Welder (direita) e Ramón (esquerda) e o volante Ramirez jogam para mostrar que não devem ser tratados como moeda de troca, enquanto que o meia Douglas busca comprovar o alto investimento. Na frente, Liedson retorna após três jogos e Willian, barrado na partida de ida contra o Vasco, tenta provar que pode ser titulares na decisão da próxima quarta-feira. Tite acena com a possibilidade de retomar o esquema com centroavante e a dupla que desempenhou o papel recentemente atua de olho em uma vaga.

'Na vida a gente não ganha tudo. Até tentei casar e continuar saindo à noite, mas minha esposa não quis. Tive de abrir mão de alguma coisa. Esses pontos podem fazer falta. Porém, tenho de colocar na balança o momento que vivemos na Libertadores', disse Tite, antes mesmo de saber o placar. 'Menos mal que o Fluminense também está na Libertadores, mas ambos ficam prejudicados tecnicamente sem os principais jogadores, o que fica ruim para o espetáculo'.

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Romarinho não esconde a relação de carinho que ainda mantém com o Corinthians

    Com veto a rival, Romarinho admite saudade do Brasil e fala em retorno 'em dois anos' ao Corinthians

    ver detalhes
  • Juninho Capixaba foi um dos destaques do Bahia na temporada.

    Corinthians rejeita ceder três jogadores pedidos pelo Bahia em negociação por lateral

    ver detalhes
  • Romero foi imprescindível ao Corinthians na conquista do Paulistão e do Brasileiro em 2017

    Luan volta a exaltar Romero e relaciona venda de Arana ao paraguaio: 'Pode colocar na conta dele'

    ver detalhes
  • Dupla 'Renadson' brilhou no Corinthians no Brasileirão de 2015

    Renato Augusto rasga elogios a Jadson e faz projeção sobre futuro do camisa 10 no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes