Após noite de herói, Paulinho pede foco no Brasileirão

Após noite de herói, Paulinho pede foco no Brasileirão

Herói da classificação corintiana para a semifinal da Libertadores, após marcar o gol da vitória sobre o Vasco aos 42 minutos do segundo tempo, Paulinho não conseguiu dormir direito depois da emocionante noite de quarta-feira no Pacaembu. Na tarde desta quinta, já de volta ao trabalho no CT do Parque Ecológico, o volante avisou que é hora de 'esquecer' um pouco da competição continental para se concentrar no Brasileirão.


Pelo calendário da Libertadores, as semifinais começam a ser disputadas somente no dia 13 de junho. Assim, durante essa parada na competição, Paulinho entende que o Corinthians precisa se concentrar no Brasileirão. Mesmo porque, o time já perdeu para o Fluminense na estreia - foi no último domingo, no Pacaembu, quando o técnico Tite poupou os titulares corintianos.

'Agora, é focar no Brasileiro, conseguir boas vitórias. Depois, sim, pensar na Libertadores', afirmou Paulinho, lembrando que o Corinthians volta a jogar já no domingo, quando visita o Atlético-MG em Belo Horizonte, pela segunda rodada do campeonato.

Ao falar sobre a Libertadores, Paulinho disse que não dá para escolher adversário na semifinal - o oponente será conhecido na noite desta quinta-feira, podendo ser Santos, Universidad de Chile ou Libertad, dependendo dos demais resultados das quartas de final. 'O importante foi que fizemos nossa parte. Independente de quem vier, vai ser mais um jogo difícil', admitiu o volante.

Paulinho reconheceu que o gol marcado na quarta-feira foi o mais importante da sua carreira, o que coroa a ótima fase que está vivendo. 'O Corinthians dá o suporte para desempenhar um bom futebol. Tenho que aproveitar esse bom momento', agradeceu o volante, que sonha com a convocação para a Seleção Brasileira. 'É um objetivo. Mas, para isso, preciso fazer um bom trabalho no Corinthians.'

Fonte: Futebol Interior

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes