Clássico, um torneio à parte na vida de Tite

Clássico, um torneio à parte na vida de Tite

'Clássico é um campeonato à parte'. O pensamento de Tite tem base na experiência prática do treinador no comando corintiano. Especialmente contra o São Paulo, rival de deste domingo, às 16h, no Pacaembu. Com um aproveitamento geral de 46% contra arquirrivais, o técnico tem uma história negativa na sua carreira escrita pelo Tricolor. Em 2005, ele foi demitido, em sua primeira passagem pelo Timão, após uma derrota por 1 a 0, no Paulistão, para o clube do Morumbi.

Agora, com um rendimento superior em clássicos,. em comparação ao período em que comandou o Alvinegro na sua primeira passagem - somou 28%, em 2004/05, contra 52% desde 2010 até agora - Tite sabe o tamanho da importância de vencer o São Paulo.

'É sempre mais difícil administrar derrotas depois de um clássico. É natural que seja dessa forma. Tem que encarar isso. E, da mesma forma, nos outros clubes em relação ao nosso time', disse o técnico, que fez uma analogia da derrota de 2005 para o São Paulo, que culminou com sua demissão.

'Eu analiso a coisa. Nunca é uma situação isolada (ser demitido). Aquilo (derrota para o São Paulo) não foi determinante, teve um copo que encheu antes. Teve um copo que já estava cheio.E a derrota foi a gota d’água. E todas as minhas demissões foram assim', disse o treinador, que depois, questionado por um repórter se o seu ‘copo está vazio’ atualmente, brincou: 'Está mais vazio agora', emendou Tite, que não acredita que o Timão terá vantagem pelo histórico de não perder para o São Paulo há seis jogos no Pacaembu.

'São dados estatísticos e passados. Se o atleta do Corinthians não se concentrar e for intenso, não vai ser o local ou a torcida que vai fazer ele dar um passe bem dado. Mas, é claro, que prefiro jogar em casa. E me sinto em casa no Pacaembu', disse Tite, que, por fim, entende que a rivalidade do clássico contra o São Paulo tem um peso tão grande quanto o histórico duelo contra o Palmeiras.

'Cresceu muito essa rivalidade', finalizou.

Reportagem de André Pires e Felipe Piccoli

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    Torcidas organizadas propõem pacto pela paz em São Paulo

    ver detalhes
  • Camisa do Corinthians criada por torcedores em homenagem à Chape

    Corinthians bate o martelo sobre homenagens à Chapecoense

    ver detalhes
  • Ronaldinho chegou a estar na mira do Corinthians, revela agente

    Irmão de Ronaldinho Gaúcho revela 'plano de marketing' do Corinthians e provocação de Andrés

    ver detalhes
  • Brasileirão agora tem quatro vagas - não três - à fase de grupos da Libertadores

    Conmebol anuncia novidade, e Corinthians volta ao páreo por vaga direta na Libertadores

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes