Tite espera reação do Corinthians a partir desta quarta

Tite espera reação do Corinthians a partir desta quarta

De protagonista a coadjuvante em duas rodadas, por conta das derrotas em sequência para Santos e São Paulo, o Corinthians volta a sonhar com um papel melhor que o atual.

Para a próxima ‘tomada’ do filme, contra o Fluminense, às 21h50 desta quarta-feira, o ‘diretor’ Tite sai de trás das câmeras e entra em cena para cobrar melhorias de seus atores no palco do Engenhão. Ele exige uma exibição de um personagem mau, diante do segundo colocado na tabela, para não deixar o seu ensaio preparatório para a peça ‘Mundial de Clubes’ virar um drama.

'Os jogadores merecem uma cobrança técnica e tática agora. E não uma bronca. Agora são ajustes de campo, de organização e posicionamento. Temos que melhorar', garantiu, ao MARCA BRASIL, o comandante do elenco, que enfrentará, nos dois próximos jogos, o segundo e o primeiro colocado do Brasileiro: Fluminense, nesta noite, e Atlético-MG, domingo, em São Paulo.

O trabalho de supervisão de Tite dos preparativos da produção do time, dentro do Nacional, já teve um momento de cobrança. Assim como exige melhorias atualmente, para o desempenho não degringolar, o técnico exigiu, em tom veemente, melhorias na representação após a derrota para o Botafogo por 3 a 1, no dia 11 de julho.

'Aquele momento era de uma mudança comportamental, do lado emocional, de competitividade e da cabeça ficar voltada no Brasileiro. Deu certo (o time engatou nove jogos sem derrotas). Agora, são ajustes técnicos e táticos. É um pouco diferente', explicou. 'Ainda bem que o time tomou o ‘esporro’ depois do Botafogo.

A distância de 19 pontos para o líder Atlético-MG leva Tite a ter a ciência de que o protagonismo no torneio está descartado de entrar em cena. Contudo, pede aos seus atores uma apresentação digna de prêmios para o elenco principal ser montado para o Mundial. Quem não representar o que o ‘diretor’ deseja, sua atuação no Japão estará comprometida.

'Eu gosto de objetivo como desempenho e resultado. Eu olho posse de bola, finalizações de cada um... Aí eu cobro pontualmente o desempenho. O título não é mais possível, mas cada resultado vai nos fortalecer para o Mundial. Se o jogador não entender isso, vai perder o lugar na equipe. Vai entrar outro e vai tirar o seu lugar'

Reportagem de André Pires e Felipe Piccoli

Fonte: Marca Brasil

Veja Mais:

  • Torcida do Corinthians na capital paulista é do tamanho das três rivais juntas

    Nova pesquisa aponta tamanho da Fiel igual à soma das três torcidas rivais

    ver detalhes
  • Corinthians enfrenta o Brusque nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil

    Corinthians inicia semana com decisão pela Copa do Brasil e outro clássico na Arena

    ver detalhes
  • Jadson deve fazer sua reestreia contra o Brusque, em Santa Catarina

    Reestreia de Jadson em Santa Catarina deve ser confirmada nesta segunda-feira

    ver detalhes
  • Nos últimos dez jogos, o Timão conta com oito vitórias, um empate e uma derrota

    Aproveitamento do Corinthians em 2017 supera equipe de Tite que conquistou hexacampeonato

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes