'Quando o governo faz a conta, é sempre o dobro', diz Rosenberg sobre obra da Arena Corinthians

'Quando o governo faz a conta, é sempre o dobro', diz Rosenberg sobre obra da Arena Corinthians

'Quando o governo faz a conta, é sempre o dobro', diz Rosenberg sobre obra do Itaquerão

'Quando o governo faz a conta, é sempre o dobro', diz Rosenberg sobre obra do Itaquerão

Quando foi definido que seria necessária a construção de arquibancadas móveis para adequar o Itaquerão às exigências da Fifa para a abertura da Copa de 2014, a Odebrecht e o governo de São Paulo estimaram que a obra não sairia por menos de R$ 70 milhões. Depois de ver a Ambev anunciar que aumentará a capacidade do estádio de 48 mil para 68 mil pessoas pela metade do valor, o vice-presidente corintiano Luis Paulo Rosenberg criticou o governo estadual.

'Quando o governo faz a conta, é sempre o dobro. Entrou a Ambev com leilão virtual, quatro propostas de empresas diferente e a conta diminuiu', disse Rosenberg durante o evento do anúncio oficial.

Rosenberg ainda usou como exemplo a retirada dos dutos da Petrobras do terreno em Itaquera que atrapalhavam a construção de parte do estádio para mostrar que o clube tem conseguido diminuir os custos da construção do estádio, orçado em R$ 820 milhões.

'Foi igual com os dutos. Esprememos, refizemos a conta e de R$ 30 milhões (preço estimado pela Transpetro, empresa responsável pelos dutos) saiu por R$ 11 milhões', afirmou.

O dirigente ainda descartou que o clube peça para a empresa manter a estrutura móvel com os cerca de 20 mil lugares para depois da Copa do Mundo de 2014. 'Quantas vezes o Corinthians precisou de um estádio para mais de 47 mil pessoas?', questionou o dirigente.

A Ambev anunciou na manhã desta terça-feira que irá arcar com os custos da estrutura móvel que aumentará a capacidade do Itaquerão de 48 mil para 68 mil pessoas, atendendo assim a exigência da Fifa, que pede, pelo menos, a capacidade de 65 mil torcedores para o estádio que receberá o jogo de abertura do Mundial.

Fonte: Terceiro Tempo

Veja Mais:

  • Carille já foi avisado que Fagner e Rodriguinho podem ser convocados

    Além de Fagner, meia do Corinthians pode ser chamado por Tite para a Seleção Brasileira

    ver detalhes
  • Jadson coloca Corinthians como prioridade após retorno ao Brasil

    [Marco Bello] Jadson coloca Corinthians como prioridade após retorno ao Brasil

    ver detalhes
  • Rodriguinho e Fagner podem se juntar a Uendel, que deixou o Parque São Jorge recentemente

    De novo!? Diretoria do Corinthians teme perder Fagner e Rodriguinho nesta janela

    ver detalhes
  • Tite voltará à Arena Corinthians - desta vez, pela Seleção Brasileira

    CBF confirma Arena Corinthians como palco de jogo da Seleção de Tite em 2017

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes