Mancini colocou o dedo na ferida dos jogadores do Corinthians

Marco Bello

Setorista do Corinthians desde 2009 pela Rádio Transamérica, Marco Bello acompanha o dia a dia do clube

ver detalhes

Mancini colocou o dedo na ferida dos jogadores do Corinthians

Coluna do Marco Bello

Análise de Marco Bello

153 mil visualizações 957 comentários Comunicar erro

Mancini colocou o dedo na ferida dos jogadores do Corinthians

O treinador não aliviou para os jogadores depois da derrota para o América MG

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O técnico Vagner Mancini não aliviou a barra dos jogadores do Corinthians após a derrota para o América Mineiro. Em diversas oportunidades, na entrevista coletiva, o treinador deixou claro sua insatisfação com os atletas.

Sem citar nomes, Mancini criticou “tomadas de decisão erradas”, “passes pra trás”, “falta de combatividade” e “falta de confiança”.

O recado foi claro. Vai haver mudanças na equipe. O técnico é o menos culpado pela derrota na estreia da Copa do Brasil.

Uma frase me chamou a atenção: “não podemos passar 96, 97 minutos e não darmos um só chute ao gol”.

Isso quem falou não foi um torcedor, não foi um comentarista. Foi o técnico.

Muito diferente das entrevistas de Tiago Nunes e de Coelho, que pareciam estar vendo outro jogo, Mancini coloca o dedo na ferida.

Para quem viu a partida, ele nem precisou citar nomes. Mateus Vital só tocava pro lado. Everaldo não acertou nada. Éderson sem confiança. Fagner muito mal.

Luan está tão mal que mesmo como reserva não acrescenta em nada.

Sidcley e Boselli já sabem que não ficarão depois de dezembro, então o que estão fazendo lá? Qual a motivação?

O Corinthians poderia ter até ganho o jogo. O gol do América veio de uma série de falhas individuais, desde a reposição de bola do Cássio, a falta de disposição do Luan e do Sidcley, a falha de marcação de Marllon e Gil e a lentidão de Fagner.

Mas o técnico deixou claro: “Não quero vencer com um gol que desvia no zagueiro adversário, quero merecer a vitória”.

Vai ter trabalho.

Uma pena que Mancini não chegou antes.

Veja mais em: Vagner Mancini.

Coluna do Marco Bello

Por Marco Bello

Marco Bello é jornalista, apresentador e repórter da Rede Transamérica de Rádio, setorista do Corinthians desde 2009

O que você achou do post do Marco Bello?