Corinthians terá novo treinador já em dezembro

Marco Bello

Setorista do Corinthians desde 2009 pela Rádio Transamérica, Marco Bello acompanha o dia a dia do clube

ver detalhes

Corinthians terá novo treinador já em dezembro

Coluna do Marco Bello

Opinião de Marco Bello

33 mil visualizações 132 comentários Comunicar erro

Corinthians terá novo treinador já em dezembro

Elenco do Corinthians comemorando gol

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Ontem, após a vitória do Corinthians sobre o Santos por 1 x 0 na Arena de Itaquera, recebi a informação que o clube já teria um novo treinador para o início da temporada do ano que vem.

Como o próprio presidente Mário Gobbi havia declarado no meu microfone que não teria interferência nenhuma na escolha de um novo treinador, e que o time seria treinado por um técnico interino em janeiro de 2015, fui checar esta nova informação.

E hoje pela manhã recebi a resposta, de uma pessoa da chapa da situação do clube, que as partes só estão esperando o final do Campeonato Brasileiro para discutirem a contratação do novo comandante.

Assim que terminar o campeonato nacional em dezembro, mesmo com o contrato de Mano ainda em andamento, Mário Gobbi se reunirá com Roberto de Andrade e os outros membros da chapa, e fechará o nome do novo treinador alvinegro.

Este técnico assumirá o time já na reapresentação em janeiro, comandará a equipe na pré-temporada nos Estados Unidos e na estreia do Campeonato Paulista (também em uma eventual partida de pré-Libertadores).

A eleição só acontecerá em fevereiro de 2015. Isto quer dizer que, se por um acaso a chapa – ou as chapas – de oposição vencerem as eleições, terão que “engolir” um treinador contratado pela administração anterior.

Isso acontecerá pelo fato das chapas de situação e oposição não terem entrado em acordo para um nome de consenso.

Sobre a escolha do nome, ao contrário do burburinho que circula nos corredores do Parque São Jorge, Tite ainda não foi procurado oficialmente.

Essa informação foi confirmada a mim pelas duas partes, tanto o staff do treinador quanto pessoas da chapa da situação disseram não ter havido ainda conversa alguma com o antigo técnico.

As chances de Tite ainda são grandes, mas tudo dependerá desta conversa que ocorrerá em dezembro e da situação do time, com a classificação ou não à Libertadores do ano que vem.
Em caso de não classificação à competição continental, o Corinthians teria que cortar despesas, e a vinda de um técnico com um salário inferior seria necessário.

Em tempo: apesar das críticas ouvidas nesta semana ao suposto alto salário de Mano Menezes, o contrato do atual treinador é exatamente igual ao contrato que Tite tinha em 2013. Valor salarial, prêmios e bônus por classificações e títulos.

Coluna do Marco Bello

Por Marco Bello

Marco Bello é jornalista, apresentador e repórter da Rede Transamérica de Rádio, setorista do Corinthians desde 2009

O que você achou do post do Marco Bello?